Tags: , ,

Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista especializado em temas militares, editor-chefe da revista Forças de Defesa e da trilogia de sites Poder Naval, Poder Aéreo e Forças Terrestres. É também fotógrafo, designer gráfico e piloto virtual nas horas vagas. Perfil no Facebook: https://www.facebook.com/alexandregalante

10 Comentários para “Os 10 melhores submarinos diesel-elétricos do mundo”

  1. Luan 27 de dezembro de 2009 at 19:37 #

    E o IKL-214? se encaixa na familia do 209?

    []’s

  2. Wolfpack 27 de dezembro de 2009 at 20:23 #

    Parece que o Galante editou o vídeo em favor dos IKL rsrsrsrsrs.
    Abs

  3. Nautilus 27 de dezembro de 2009 at 22:24 #

    Não concordo com a colocação dos 209. Mereciam estar à frente dos Kilo. Talvez o 4º Lugar, logo depois dos Scorpene. E realemnte não tenho como avaliar a classe Lada russa. Faltam dados reais para comparação. Mas concordo com o primeiro lugar dos Type 212.

  4. corsario01 27 de dezembro de 2009 at 22:27 #

    Só sei que o 214 se f…. neste video. hahahahahahahahahaha

  5. Galante 28 de dezembro de 2009 at 10:23 #

    Engano seu, Padilha. O U214 aparece duas vezes no vídeo, porque U214 = U209 + U212… rs

  6. corsario01 28 de dezembro de 2009 at 11:49 #

    hahahahahahaha

    É ruim, hein!

    Cada um é cada um!

  7. Paulo Renato 28 de dezembro de 2009 at 12:47 #

    Muito bom o video !!!!

    Dá pra ter uma boa noção sobre os SUB.

  8. jacubao 28 de dezembro de 2009 at 13:17 #

    Ué??? A guerra do blog (U-214 x SCORPENE) ainda não começou??? :-D

  9. vassili 28 de dezembro de 2009 at 19:35 #

    Perai………

    Pessoal, uma info que o vídeo informa:

    U-212 – profundidade de mergulho: + – 700 metros????????

    esse dado é verdadeiro?????? ou pura fantasia do autor do vídeo?????

    Quanto aos Lada (para a Rússia, pois a versão de exportação é o AMUR 1650), imagino que seja tão capaz quanto ao U-212………..

    Quanto ao Scorpene, digo uma coisa: ele é bonito………

    mas, ainda assim eu prefiro a MB equipada com o IKL-214 AIP, entendam, coisa de fã………….

    abraços.

    * gostei da música de fundo do vídeo…………….

    Vassili.

  10. Dalton 28 de dezembro de 2009 at 22:21 #

    Vassili…

    ele simplesmente copiou dados da wikipedia…que nem sempre são confiaveis.

    Pelo visto ele entende menos de submarinos do que nós aqui do blog…já deu uma “derrapada” na lista pessoal dele de submarinos nucleares e agora simplesmente copiou dados sem ao menos verificar uma segunda fonte.

    700 metros, só os classe Alfa sovieticos, que aliás apesar de revolucionarios o custo beneficio nao compensava e já foram descomissionados…e…o SSRN Seaview de Viagem ao fundo do mar
    que segundo meu manual tecnico, com blueprints detalhados, ia a 1200 metros mas pessoalmente acredito que descia bem mais…
    bons tempos…

    abraços

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Gigantes ficam de fora de licitação da Marinha

SisGAAz

Sergio Barreto Motta Todos os dias, os jornais mostram denúncias, acordos, vetos e muito mais, em meio à Operação Lava […]

Flotilha Guarda-Costas cubana aceita cooperar com Guarda Costeira dos EUA

Cuba

Mais de 55 anos depois de as suas Marinhas terem feito seu último contato, os governos de Washington e de […]

Navantia espanhola cria filial no Brasil visando contratos de renovação da MB

Fragata Cristobal Colon - classe F-100 - em dique - foto Navantia

A empresa espanhola Navantia da área naval divulgou nota da Europapress na segunda-feira, 26 de janeiro, informando que iniciou processo de […]

Argentina escolhe a China como parceira para seus OPV

CSIC_P18N_Nigeria_AAD_2014_2

O Ministério da Defesa argentino escolheu a indústria naval da China como sua parceira no programa de construção de navios-patrulha […]

Compre sua revista Forças de Defesa 12ª edição

Forças de Defesa 12 - capa e miolo 2 - destaque

Saiu a Revista Forças de Defesa 12ª edição, com 120 páginas! a versão impressa está disponível para compra pela Internet e […]