ALIDE entrevista Rainer Filpe, da ThyssenKrupp Marine Systems

ALIDE entrevista Rainer Filpe, da ThyssenKrupp Marine Systems

134
8
SHARE

NPa - 1800

O site Alide entrevistou o Sr. Rainer Filpe, responsável pelo escritório da ThyssenKrupp Marine Systems no Brasil, que compete com seu Navio Patrulha Oceânico em processo de compra para a Marinha do Brasil. Para ler a entrevista, clique aqui.

NPa - 1800  - 2

SHARE
Previous articleCatar vai de Exocet MM40 Block 3
Next articlePassando o quepe
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista especializado em temas militares, editor-chefe da revista Forças de Defesa e da trilogia de sites Poder Naval, Poder Aéreo e Forças Terrestres. É também fotógrafo, designer gráfico e piloto virtual nas horas vagas. Perfil no Facebook: https://www.facebook.com/alexandregalante

8 COMMENTS

  1. Opa!

    Esse NPaOc ai esta na pinta aeronave, canhao, armamento secundario, bom tamanho, propulsao simples e bem equipado para SAR e missoes do GVI/GP.

    Gostei e o melhor é que tem uma serie de pequenos estaleiros que tem condicxoes de fazer ele por aqui.

    Pensando com olho gordo seriam necessarios para manter uma boa cobertura junto com os NPa classe G, B e M, dois navios desses em cada DN da costa (5º, 2º, 3º e 4). O 1º DN e o oitavo poderiam se virar com a Esquadra mesmo já que esta no principal eixo de exercicios dos seus meios.

  2. Tá ai, uma boa para MB, baixo custo, como disse o colega jsilva, poderia ser construído aqui no Brasil, e faria um grande papel, na patrulha da costa brasileira.

  3. Esse aí capaz de ser escolhido pra MB, sem armamento, custo de manutenção baixo o padrão normal da nossa Marinha de guerra.

  4. Do jeito que as coisas vão, só vai ficar no papel, nem dinheiro para pagar os subs ta tendo quanto mais para fazer novos NPaoc

  5. acho que tb é uma excelente opção de baixo custo para o brasil e a longo prazo mais unidades poderiam ser feitas por estaleiros regionais. show! tomara que vençam.

Deixe uma resposta