Desfile Naval de 7 de Setembro

No dia 7 de setembro, a Marinha se fez presente no mar, no ar e em terra para abrilhantar a comemoração da Independência do Brasil, data magna para nosso País, realizando um Desfile Naval pela orla do Rio de Janeiro.

   

 

Além da tradicional Parada Militar na Avenida Presidente Vargas, quando cerca de 1.700 Marinheiros e Fuzileiros Navais desfilaram, Navios e Aeronaves da Marinha também realizaram um Desfile Naval pela orla carioca, iniciando na Barra da Tijuca, passando pelo Forte de Copacabana e adentrando à Baía da Guanabara.

 

Participaram do evento o Navio-Aeoródromo São Paulo (A 12), as Fragatas Niterói (F40) e Independência (F44), a Corveta Barroso (V34), o Navio-Tanque Almirante Gastão Motta (G23), o Navio Hidroceanográfico Cruzeiro do Sul (H38), os Navios-Patrulha Guajará (P44) e Gurupá (P46) e o Submarino Tamoio (S31), totalizando 09 navios.

   

A Aviação Naval também participou do desfile com as seguintes aeronaves: Super Cougar(UH-15), Super Puma(UH-14), Super Lynx(AH-11A), Esquilo(UH-12) e Bell Jet Ranger III(IH-6B). O contingente no mar foi de cerca de 1.300 militares.

 

A Marinha do Brasil através do emprego dos seus meios operativos (navios, submarinos e aeronaves) contribui, de forma profissional, silenciosa e continuada, para a defesa dos interesses do Brasil no mar e águas interiores, assegurando ao nosso País o direito ao uso econômico e estratégico da Amazônia Azul que nos pertence.

   

NOTA DO PODER NAVAL: os editores da revista Forças de Defesa/Poder Naval, Alexandre Galante, Guilherme Wiltgen e Luiz Padilha, estiveram embarcados no NAe São Paulo acompanhando as operações aéreas com os helicópteros da Marinha. Em breve, na edição n°3 da revista Forças de Defesa, publicaremos a cobertura completa.

Tags: , , , , , ,

No comments yet.

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Precisamos, para já, de 4 (bons) navios usados

maestrale

  Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa e autor do livro “As Garras do Cisne” Parece […]

Navio-veleiro Cisne Branco aberto à visitação em Santos neste final de semana

Cisne Branco (2)

A Capitania dos Portos de São Paulo informou em nota à imprensa que o navio-veleiro Cisne Branco da Marinha do […]

Marinha peruana estuda três opções para renovar sua força de superfície

DE_LA_PENNE__5____a

  Não é só a Esquadra brasileira que necessita equacionar a renovação de sua força de superfície em um cenário […]

Cerimônia de incorporação do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico ‘Vital de Oliveira’ à Marinha do Brasil

Vital de Oliveira - 1

  Em uma cerimônia de batismo, mostra de armamento e transferência para o setor operativo, o Navio de Pesquisa Hidroceanográfico […]

Ministério da Defesa menos otimista com as chances do Prosuper em 2015

FREMM 523b

Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa e autor do livro “As Garras do Cisne” Passam os […]