852035203999ef537f86b

O navio de transporte anfíbio San Marco, da classe San Giorgio da Marinha italiana, e o contratorpedeiro Severromorsk, da classe Udaloy da Marinha russa, realizaram nessa semana exercícios de combate à pirataria no Golfo de Aden. Durante a operação Ocean Shield as forças de ambos os países praticaram a retomada de uma embarcação sequestrada, prisão de piratas e libertação de reféns.

85203522470550ac1d45b

852035210743726938efb

852146430015a177e511b

FONTE: Militaryphotos.net

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

5 Comentários para “Imagens: Itália e Rússia realizam exercício anti-pirataria”

  1. cristiano.gr 5 de março de 2013 at 11:21 #

    Ou seja:

    Treinar para matar pobres somalis em barquinhos de alúminio, de fibra ou madeira que lutam contra a depredação de suas águas por barcos pesqueiros de países ricos e a poluição de suas águas com lixo químico tóxico por parte de navios que despejam toneis. Fazem o que sabem e podem para chamar a atenção da mídia para os graves problemas que enfrentam por causa da ganância e descaso dos países ricos.

  2. Giordani 5 de março de 2013 at 11:47 #

    cristiano.gr disse:
    5 de março de 2013 às 11:21

    …E a URSS é um exemplo a ser seguido, cuba é uma ilha de prosperidade e os EUA são o grande satã da humanidade!

  3. luizblower 5 de março de 2013 at 21:07 #

    Putz, o Udaloy (o mais belo dos destróieres) é grande pra caceta…

  4. MO 5 de março de 2013 at 21:41 #

    concordo, um dos mais belos entre todos os CT´s !!!!

  5. Bravoone91 6 de março de 2013 at 14:07 #

    Caro Giordani, tem algum problema com Cuba?

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Marinha repensa reforma de R$ 1 bilhão do porta-aviões São Paulo

NAe São Paulo A12

Leonel Rocha A cúpula da Marinha está dividida quanto à reforma prevista no porta-aviões São Paulo, embarcação de guerra adquirida […]

Marinha compra primeiro lote de canhões BAE Systems Bofors AB de 40 mm (MK4)

BAE_Bofors_40_Mk_4_Naval_Gun_System

A Marinha do Brasil vai assinar com a BAE Systems Bofors AB o contrato de fornecimento de um lote de canhões […]

Nota à Imprensa de 04/05/15: Avaria no Navio de Desembarque-Doca ‘Ceará’

Operação 'Amazônia Azul'2015
Rio de janeiro 06 de março de 2015
A Marinha do Brasil está realizando, desde o dia 1° até 6 de maio, a Operação Amazônia Azul 2015, desenvolvendo atividades de fiscalização nas Águas Jurisdicionais Brasileiras.

O Grupo Tarefa Sudeste, que coordena as ações nas áreas de responsabilidade do Comando do 1º Distrito Naval – área marítima do Rio de Janeiro e Espírito Santo – realizará atividades de Patrulha e Inspeção Naval, bem como ações de proteção aos navios mercantes, plataformas fixas e suas instalações.

Durante a Operação, serão empregados dois Navios-Patrulha, um Rebocador de Alto Mar, um Aviso de Patrulha, além dos meios da Capitania dos Portos do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.
o Navio-Patrulha Oceânico (NPaOc) “Apa”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste, realizou exercício de retomada de plataforma na Bacia de Campos. Tal iniciativa visa manter e aprimorar a capacidade de pronta resposta no caso de tentativa ou efetiva invasão das plataformas de petróleo. Em paralelo, manteve as ações de Patrulha Naval e Inspeção Naval na região.
Ricardo Pereira / FututraPress

Em complemento às informações divulgadas anteriormente, a Marinha do Brasil participa que o reboque do Navio de Desembarque-Doca (NDD) “Ceará” […]

Nota à Imprensa: Avaria no Navio de Desembarque-Doca ‘Ceará’

NDD Ceará

Em complemento à Nota à Imprensa emitida hoje pelo Comando do 4º Distrito Naval, a Marinha do Brasil (MB) informa […]

Sopro de esperança: provas de mar da corveta ‘Júlio de Noronha’ começam no meio do ano

V32

Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa Há muitos ditos populares que, usados com jocosa maledicência, podem […]