182070492

Sete navios da Marinha do Exército de Libertação Popular da China chegaram no último dia 5 ao porto de Vladivostok, no extremo leste da Rússia, para participar de exercícios navais de grande escala entre os dois países.

O “Naval Interaction” 2013 acontece na região do Mar do Japão entre os dias 5 e 10 de julho, e envolve cerca de 20 navios das Marinhas russa e chinesa, além de navios de apoio e uma dúzia de aeronaves.

Durante a cerimônia de boas-vindas, o vice-chefe do Estado Maior da Marinha russa, contra-almirante Leonid Sukhanov, declarou que aquela se tratava da maior força-tarefa a se reunir na base da Frota do Pacífico. “Os exercícios da “Naval Interaction” 2013 não são direcionados a terceiros e não têm conotação política”, afirmou Sukhanov, acrescentando que as manobras não devem ser recebidas pela comunidade internacional como uma ameaça ou afronta a nenhum país.

O vice-comandante da Marinha chinesa, vice-almirante Ding Yiping, afirmou que os exercícios tem a finalidade de aprimorar as capacidades dos dois países no combate à pirataria.

FONTE: RIA Novosti (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

2 Comentários para “Navios da Marinha chinesa chegam à Rússia para exercícios conjuntos”

  1. Wagner 8 de julho de 2013 at 17:40 #

    Ambos ainda ganharão muito com esta colaboração. Esse papo de que Rússia e China vão brigar uma com a outra é besteira.

  2. eduardo.pereira1 9 de julho de 2013 at 21:08 #

    Claaaaaro que é besteira, ambos brigarao juntos contra outra naçao!!!

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Crise econômica paralisa renovação da Marinha venezuelana

PC 22 Warao da Venezuela - destaque foto Nunão - Poder Naval

  As graves dificuldades econômicas vivenciadas pela sociedade venezuelana – motivadas pela queda do preço do barril do petróleo (produto […]

Velejador é resgatado após ataque de tubarões em alto mar

NPa Macau

Marinha, através do Comando do 3º Distrito Naval (Com3ºDN), realizou o resgate de um velejador que estava à deriva, a […]

França admite reforçar arsenal por meio de leasing

FREMM-Normandie - foto DCNS

O chefe do Estado-Maior de Defesa da França, general do Exército Pierre de Villiers, disse nesta sexta-feira (30.01), que o […]

O monitor Parnaíba e a Base Fluvial de Ladário – parte 1

Parnaíba - perfil a boreste na Base Fluvial de Ladário - foto Nunão - Poder Naval - Forças de Defesa

Nova série de matérias do Poder Naval começa mostrando o armamento principal do monitor Parnaíba   Por Fernando “Nunão” De Martini […]

Argentina quer suas OPV classe Malvinas de emprego dual

P18N

O comando da Armada Argentina quer que a sua nova classe de navios-patrulha oceânicos (OPV, na sigla em inglês) de […]