Type 214 - 1

A Marinha da Coreia do Sul lançou hoje seu novo submarino tipo 214. O Kim Jwa-jin é o quarto navio do projeto, que tem a finalidade de reforçar as capacidades de guerra submarina contra ataques da Coreia do Norte.

O lançamento aconteceu no estaleiro da Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering na ilha de Geoje, próxima ao porto de Busan, ao sul do país. Participaram da cerimônia a presidente sul-coreana, Park Geun-hye, o ministro da Defesa, Kim Kwan-jin, além da filha e o neto do general que dá nome ao submarino.

Kim Jwa-jin pode rastrear cerca de 300 alvos simultaneamente, e é equipado com sistemas de mísseis contra alvos em terra, além de torpedos e sistema de sonar para missões de combate, vigilância e reconhecimento. O sistema de propulsão AIP dá mais autonomia e alcance à embarcação durante desdobramentos..

A previsão é de que o submarino seja comissionado à Marinha no segundo semestre de 2014, e passe a operar em 2015. Atualmente, a Coreia do Sul conta com mais de 10 submarinos do tipo 209, com deslocamento de 1.200 toneladas, e do tipo 214, de 1.800 toneladas. A Força ainda planeja adquirir mais nove submarinos pesados de ataque – com deslocamento de 3 mil toneladas – até 2020.

Acredita-se que a coreia do Norte tenha em torno de 70 submarinos, e um deles é suspeito de ter lançado um torpedo contra uma corveta sul-coreana em março de 2010. O incidente matou 46 tripulantes.

FONTE: Agência Yonhap (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

2 Responses to “Coreia do Sul lança quarto submarino de ataque tipo 214” Subscribe

  1. eduardo.pereira1 13 de agosto de 2013 at 16:49 #

    Este submarino é um queijo suiço uai pra acertar 300 alvos ao mesmo tempo só tem baia de misseis pelo corpo do bicho todo até os marinheiros devem ficar entre os misseis, cheio de buraco !!rs

    TREZENTOS ???
    Sds.

  2. Galante 13 de agosto de 2013 at 17:14 #

    Eduardo, na verdade ele capaz de rastrear e não atingir 300 alvos ao mesmo tempo.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Lançada a Languedoc, quarta FREMM da Marinha Francesa

O navio foi posto a flutuar em 12 de julho, nas instalações de Lorient da DCNS, onde se trabalha simultaneamente […]

As fragatas F-100 da Armada Espanhola navegando juntas

As cinco fragatas da classe F-100 da Armada Espanhola, navegando juntas pela primeira vez em La Coruña, perto da Torre […]

Sindicato se reúne com trabalhadores do EISA

O Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro (Sindimetal-Rio) realizou, às 7 horas da manhã de hoje (08/07), uma assembleia […]

Parado há mais de cinco anos, navio da USP deve ser doado ao Uruguai

GIULIANA MIRANDA EDUARDO GERAQUE DE SÃO PAULO Primeiro navio brasileiro a participar de uma operação na Antártida e uma das […]

‘Zumwalt’ (DDG 1000): o futuro está chegando mais perto

Por Christopher P. Cavas Na pequena cidade de Bath, Maine, no pitoresco Rio Kennebec, um dos navios de guerra mais […]

Marinha dos EUA mostra seu novo poder de fogo

San Diego, California News Station – KFMB Channel 8 – cbs8.com SAN DIEGO (CBS 8) – A Marinha está exibindo […]