1

O Navio-Tanque “Marajó” (G27), da Marinha do Brasil, realizou no dia 29 de agosto, o exercício de Transferência de Óleo no Mar (TOM) sem bombeio (Dry RAS) com a Fragata “Uruguay” (ROU 01), da Armada da República Oriental do Uruguai (AROU). Esta foi a primeira vez que um navio da AROU realizou este tipo de exercício com um meio naval brasileiro.

2

A atividade foi solicitada pela AROU após a primeira edição da Operação “ATLANTIS”, realizada em 2011, para que sua tripulação pudesse ser adestrada em caso de transferência real de óleo no mar.

1 (1)

No mesmo dia foi realizada também uma operação de transferência de carga leve com o propósito de devolver ao navio uruguaio uma defensa que havia se desprendido do mesmo e que fora resgatada no mar pela lancha orgânica do meio naval brasileiro.

2 (1)

As ações fizeram parte da Operação “ATLANTIS-II”, que os dois navios realizam em conjunto com o Navio-Tanque “Marajó” na área marítima compreendida entre Montevidéu e Rio de Janeiro, até o dia 11 de setembro. Neste período, estão programados diversos exercícios, como trânsito sob ameaça aérea e transferência de óleo no mar, com a participação de outras unidades da AROU, da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira.

FONTE: Nomar Online (Adaptação do Poder Naval)

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

4 Responses to “Operação ATLANTIS II: Transferência de óleo no mar e de carga leve” Subscribe

  1. MO 6 de setembro de 2013 at 14:53 #

    Este tipo de transferencia, sem bombeio é por gravidade, como no inicio dos embarque de cargass liquidas ?

  2. José da Silva 6 de setembro de 2013 at 14:59 #

    Não MO, acho que no caso “de Marinha” eles querem dizer que fazem todas as conexões e os procedimentos, mas sem transferência efetiva.

  3. João Filho 6 de setembro de 2013 at 15:02 #

    Adestramento muito bacana, mesmo. Mas um pouco off topic estava dando uma averiguada na ARA, e quase cai da cadeira. Estao muito piores que a MB…

    http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_active_Argentine_Navy_ships#Surface_fleet

  4. MO 6 de setembro de 2013 at 15:03 #

    WTF zé, porra ja que vai brinca, desce pro play ne …

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

China pretende estreitar laços militares com Irã, diz mídia chinesa

PEQUIM (Reuters) – A China quer ter laços militares mais estreitos com o Irã, disse o ministro da Defesa chinês […]

Submarino alemão é encontrado afundado na costa dos EUA

  Pesquisadores informaram nesta terça-feira (21) a descoberta de um submarino alemão e de um cargueiro nicaraguense que afundaram na […]

Fotos do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico ‘Vital de Oliveira’ em construção na China

Confira as fotos do lançamento ao mar do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico “Vital de Oliveira” em Xinhui, na China. O […]

Baixe 7 edições da revista Forças de Defesa e doe quanto quiser

Agora você poderá baixar para o seu computador, tablet ou smartphone as melhores reportagens da nossa revista impressa Forças de […]

Em fórum na Fiesp, Estado-Maior da Armada destaca a importância da indústria em projetos da Marinha

Por Dulce Moraes e Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp Representantes do órgão apresentam projetos em desenvolvimento e formas de financiamento. […]

Navios-patrulha do Brasil e da França em operação contra pesca ilegal

Segundo nota divulgada pelo Ministério da Defesa da França nesta segunda-feira, 20 de outubro, o navio-patrulha La Capricieuse da Marinha Francesa […]