OCEAN_EAGLE_43_trimaran_patrol_vessel_CMN_Mozambique_Navy_1

De acordo com a agência de notícias France Press, o estaleiro francês Constructions Mecaniques de Normandie (CMN) confirmou a assinatura de contrato com o governo de Moçambique no último dia 5. Os termos preveem aquisição de três navios-patrulha Ocean Eagle 43, três navios de interceptação HSI 32 e dezoito embarcações pesqueiras. O cumprimento do contrato é estimado em mais de 200 milhões de euros, e resultará em uma demanda de dois anos de trabalho para o estaleiro.

FONTE: Navy Recognition e Naval Today (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de originais em inglês)

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

5 Comentários para “Estaleiro francês confirma contrato com governo de Moçambique”

  1. Marcos 10 de setembro de 2013 at 22:57 #

    Úiaaaaa!
    Já temo perdendo até para Moçambique!

  2. MO 10 de setembro de 2013 at 23:47 #

    Oxi, eita porra WTF eh isto conseguiram avacalharmais ainda em buniteza o UQTR … WTF eh isto .. Fujam para as colinas !!!

  3. wwolf22 11 de setembro de 2013 at 9:06 #

    esse pessoal que eh anti MB…
    nao sei qual eh o problema de vcs, sempre cornetando a nossa Grandiosa Marinha Brasileira…
    nos estamos construindo canhoneiras de 500 tons, aha ha ha haha ha hah… para as ambicoes da MB esta mais do que otimo…
    Meu Deus, Mocambique tem uma Marinha mais poderosa que a MB…
    e essa tal de Engepron ??? nunca vi nada a respeito deles sobre projetos inovadores ou algo parecido… eles so sabem comprar projetos prontos…
    tirando os botes inflaveis e lanchas escolares, o que mais essa tal de Engepron “projetou” ?!?!?!
    eh falta de mao de obra qualificada ou eh “propaganda pra ingles ver” ?!?! desculpe o desabafo…

  4. João Filho 11 de setembro de 2013 at 11:44 #

    O que mais essa tal de Engepron “projetou” ?!?!?! Projeta sim, Wolf!!! projeta emprego pro vizinho, cunhado, entiado, primo, padrinho, etc e etc. Ate lanchas rapidas basicas vamos buscar la na Colombia…

  5. Jackal975 11 de setembro de 2013 at 15:26 #

    Esse projeto da foto mais parece um daqueles iates dos magnatas russos.

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Marinha repensa reforma de R$ 1 bilhão do porta-aviões São Paulo

NAe São Paulo A12

Leonel Rocha A cúpula da Marinha está dividida quanto à reforma prevista no porta-aviões São Paulo, embarcação de guerra adquirida […]

Marinha compra primeiro lote de canhões BAE Systems Bofors AB de 40 mm (MK4)

BAE_Bofors_40_Mk_4_Naval_Gun_System

A Marinha do Brasil vai assinar com a BAE Systems Bofors AB o contrato de fornecimento de um lote de canhões […]

Nota à Imprensa de 04/05/15: Avaria no Navio de Desembarque-Doca ‘Ceará’

Operação 'Amazônia Azul'2015
Rio de janeiro 06 de março de 2015
A Marinha do Brasil está realizando, desde o dia 1° até 6 de maio, a Operação Amazônia Azul 2015, desenvolvendo atividades de fiscalização nas Águas Jurisdicionais Brasileiras.

O Grupo Tarefa Sudeste, que coordena as ações nas áreas de responsabilidade do Comando do 1º Distrito Naval – área marítima do Rio de Janeiro e Espírito Santo – realizará atividades de Patrulha e Inspeção Naval, bem como ações de proteção aos navios mercantes, plataformas fixas e suas instalações.

Durante a Operação, serão empregados dois Navios-Patrulha, um Rebocador de Alto Mar, um Aviso de Patrulha, além dos meios da Capitania dos Portos do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.
o Navio-Patrulha Oceânico (NPaOc) “Apa”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste, realizou exercício de retomada de plataforma na Bacia de Campos. Tal iniciativa visa manter e aprimorar a capacidade de pronta resposta no caso de tentativa ou efetiva invasão das plataformas de petróleo. Em paralelo, manteve as ações de Patrulha Naval e Inspeção Naval na região.
Ricardo Pereira / FututraPress

Em complemento às informações divulgadas anteriormente, a Marinha do Brasil participa que o reboque do Navio de Desembarque-Doca (NDD) “Ceará” […]

Nota à Imprensa: Avaria no Navio de Desembarque-Doca ‘Ceará’

NDD Ceará

Em complemento à Nota à Imprensa emitida hoje pelo Comando do 4º Distrito Naval, a Marinha do Brasil (MB) informa […]

Sopro de esperança: provas de mar da corveta ‘Júlio de Noronha’ começam no meio do ano

V32

Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa Há muitos ditos populares que, usados com jocosa maledicência, podem […]