Type-52D-destroyer

O mais recente dos contratorpedeiros da classe 052-D da Marinha chinesa foi fotografado nesta semana durante um ciclo de provas na foz do rio Huangpu. O navio havia sido oficialmente lançado no ano passado.

O porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Yang Yujun, declarou que “comissionar navios e porta-aviões é comum no meio militar. Não há necessidade de interpretações extremas”.

O contratorpedeiro é o primeiro da nova classe, e vem equipado com um sistema de combate avançado, apelidado de “Aegis chinês”. Dados da imprensa americana apontariam que a classe 052-D seria equipada inclusive com mísseis de cruzeiro Donghai-10, tornando os novos contratorpedeiros os únicos navios de superfície na Marinha do Exército de Libertação Popular com esse tipo de armamento – até então usado apenas pelos submarinos nucleares de ataque da classe 093. Os mísseis teriam alcance entre 1.500 e 2.000 quilômetros, e seriam mais potentes que os Tomahawk usados pela US Navy.

De acordo com a agência canadense Kanwa, especializada em defesa e geopolítica na Ásia, os navios da classe 052-D teriam sido modificados a partir da classe 052-C, lançada em 2003. Atualmente, três dos contratorpedeiros novos já foram lançados pela Jiangnan Shipyard.  A nova classe teria sido desenvolvida para combater porta-aviões, submarinos, forças de superfície e abater alvos em terra. As capacidades se assemelhariam às dos cruzadores classe Ticonderoga e dos contratorpedeiros  classe Arleigh Burke da Marinha dos Estados Unidos.

É provável que os navios 052-D venham a compor um escudo de cerca de 200 km de alcance para proteger de ataques aéreos o futuro grupo de ataque que acompanhará o navio-aeródromo Liaoning.

052d

FONTE: China.org.cn via Naval Open Source Intelligence (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

8 Comentários para “Novo contratorpedeiro da Marinha chinesa completa ciclo de provas de mar”

  1. ci_pin_ha 12 de setembro de 2013 at 17:46 #

    Como gosto dessa classe, bem que poderiam ser observados por nossa MB.

  2. MO 12 de setembro de 2013 at 17:56 #

    Po esta classe de CT é bem bacana, nao tem cara de ser UQTR, apenas um QTR, mas eh bem diferente, eh tipo a De 7 Provincien holandelica que nao eh tao feia assim, apesar de ser QTR tbm. Repararam no indicativo visual pintado fora do padrao chinelico, ou no padroa Lyaoning … ?

  3. Guizmo 12 de setembro de 2013 at 18:11 #

    Alguém sabe qual seria o custo de uma nave dessas, em comparação com os Ticonderoga ou A. Burke?

  4. Fernando "Nunão" De Martini 12 de setembro de 2013 at 18:15 #

    MO,

    As Zeven Provincien continuam lindas!!!

    E essa classe chinesa de fato não é feia não. Gostei!

  5. MO 12 de setembro de 2013 at 18:44 #

    Chinelico, se for adquirido na 25th March deve ser 1,99 miliion yuans …

  6. nunes neto 12 de setembro de 2013 at 21:14 #

    Construído com minérios saídos do Pará 😉

  7. Guizmo 13 de setembro de 2013 at 13:09 #

    Fazer o que né? Competitividade é implacável. Uns vendem borracha, outros pneus

  8. nunes neto 13 de setembro de 2013 at 18:49 #

    Estamos perdendo vários “trens” do desenvolvimento, então estamos fadados a vender sempre a borracha, seremos a fazenda do mundo! Destinados a vender produtos primários para os outros transformares, leiam qualquer artigo , estamos em desindustrialização no Brasil,a exportação de produtos industrializados está caindo muitos, e o número de industria está caindo, as industrias estão indo para a Ásia, a Europa e EUA, estão ficando com os setores de serviços e industria de”alta tecnologia” (informática, nanotecnologia, biotecnologia….) e nós? Vendendo carne, minérios …..

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Os novos ventos do Oriente: ideia de ‘navios asiáticos’ é levada ao Comandante da Marinha

A Type 054A "Liu Zhou" esteve no Rio de Janeiro em 2013

  Roberto Lopes Enviado Especial ao Rio Há cerca de duas semanas, um grupo empresarial integrante da BID (Base Industrial […]

Cortes adiam término do Estaleiro de Construção de submarinos e a reforma do A12

O primeiro submarino S-BR em construção em Itaguaí-RJ - Foto Ricardo Pereira

  Roberto Lopes Enviado Especial ao Rio A eliminação de 24,8% do orçamento do Ministério da Defesa previsto para o […]

Orçamento 2015: corte na Defesa foi de 5,6 bi

Cortes 2015 no Ministério da Defesa - foto Nunão - Poder Aéreo

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão divulgou nesta sexta-feira, 22 de maio, os números do contingenciamento orçamentário deste ano […]

FREMM Aquitaine realiza com sucesso seu primeiro disparo de Míssil de Cruzeiro Naval

FREMM Aquitaine dispara Míssil de Cruzeiro Naval - foto Marinha Francesa

Além do MdCN, também chamado de ‘Scalp Naval’, a fragata francesa também disparou pela primeira vez o míssil antinavio MM40 […]

Empresa Chinesa CEIEC vence licitação para reconstrução da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF)

Estação Antártica Comandante Ferraz

SECRETARIA DA COMISSÃO INTERMINISTERIAL PARA OS RECURSOS DO MAR RESULTADO DE JULGAMENTO CONCORRÊNCIA Nº 2/2014 Processo nº 61165.000287/2014-93 Espécie: Reconstrução […]