VLS_Shtil_russia

De acordo com fontes ligadas à indústria de defesa informaram na última segunda feira (23), a Marinha russa adotará um novo sistema de mísseis superfície-ar (SAM).

O sistema de lançamento vertical modular Shtil foi desenvolvido para ser incorporado a um lote de seis fragatas do Projeto 11356, atualmente em construção. Mas de acordo com Maxim Kuzyuk, diretor-geral do grupo Aviatsionnoye Oborudovaniye (Aircraft Equipment), o armamento pode ser integrado a quaisquer embarcações existentes.Ainda de acordo com o diretor, um dos principais aspectos do novo sistema de mísseis é a frequência de disparos –  o Shtil consegue lançar um míssil a cada dois segundos, e cada módulo é composto de 12 mísseis. “Planejamos entregar seis complexos do Shtil SAM para os navios do Projeto 11356 até 2016″, afirmou Kuzyuk.

FONTE: RIA Novosti via Naval Open Source Intelligence e Navy Recognition (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

2 Comentários para “Marinha russa receberá novo sistema de mísseis superfície-ar”

  1. joseboscojr 24 de setembro de 2013 at 16:39 #

    Este sistema é oriundo do sistema Buk.

  2. Wagner 25 de setembro de 2013 at 13:06 #

    Bacana ! Falei que eles estavam voltando…

    Mas então pode-se instalar esse sistema mesmo num navio mais antigo ???

    mas o navio a receber tem que ter o espaço disponivel para os silos verticais.

    Pode ser uma solução de modernização de navios antigos bem interessante.

    Boa sorte Rússia !

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Marinha dos EUA compra helicópteros usados do Japão

Mh-53E Sea Dragon Port-au-Prince

A Marinha dos Estados Unidos (USN) adquiriu dois helicópteros usados MH-53 Sea Dragon, além de outros sobressalentes, que pertenciam às […]

Crise derruba verbas e cronograma do projeto AF-1B; 2ª aeronave só em 2016…

AF-1M

  Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa As restrições orçamentárias que se abateram sobre a Marinha […]

Reforma do AMRJ: no futuro, Oficina de Submarinos servirá à construção de navios de superfície

NAPAOC Amazonas no AMRJ - foto V Cardoso

A Marinha já traça planos para as áreas do seu Arsenal, no Rio de Janeiro (AMRJ), que ficarão liberadas de […]

Marinha suspende até setembro execução do contrato que rege construção da classe Macaé

Navio-Patrulha Macaé

  A Marinha do Brasil suspendeu, até a terceira semana do mês de setembro, a execução do contrato nº 45000/2008-004/00, […]

Guerra entre China e EUA pode ser inevitável, segundo jornal chinês

bandeira da china

Uma semana depois de a Marinha chinesa ameaçar um avião americano que operava voos de reconhecimento em águas internacionais, o […]