A TENÇÃO!!! A Marinha do Brasil abriu 2.200 vagas para o concurso de admissão nas Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM/2014). A remuneração inicial é de aproximadamente R$ 1.400.

Os interessados podem se inscrever até o dia 20 de março por meio dos sites
www.ensino.mar.mil.br ou
www.ingressonamarinha.mar.mil.br.
A taxa de inscrição é de R$ 12.

Confira o edital: http://goo.gl/UkNXUr

1556455_583858865040484_48273887_o

FONTE: Página do Ministério da Defesa no Facebook

FOTO: Jorge Cardoso

Tags: , , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

One Response to “MB abre edital para Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM/2014)” Subscribe

  1. Carlos Alberto Soares 25 de fevereiro de 2014 at 1:10 #

    Cuidado, tem dia que não tem rancho …..tem que levar marmita ou comprar marmitex ….

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Corveta Frontin irá para a reserva

Abaixo, portaria de 28 de agosto que foi publicada em 1º de setembro no Diário Oficial da União, com entrada […]

Mais um passo rumo às novas corvetas: contrato com Emgepron

Abaixo, extrato de dispensa de licitação contratando a Emgepron para serviços no projeto de obtenção da nova classe de corvetas […]

Outra notícia de corveta: Ares fará reparos gerais nos lançadores de torpedos da Barroso

Abaixo, extrato de contrato publicado na edição de hoje (3 de setembro de 2014) no Diário Oficial da União, sobre […]

França suspende entrega de navio de guerra para a Rússia

Governo de Hollande afirma que ações recentes na Ucrânia inviabilizam fornecimento de porta-helicópteros – Sob pressão de aliados devido à […]

Marinha do Brasil fará Desfile Naval no 7 de setembro

  Em comemoração ao Dia da Independência do Brasil – 7 de setembro – a Marinha do Brasil realizará o […]

Governo Federal deve R$ 820 milhões à armação

Sergio Barreto Motta Muito eficiente ao cobrar de devedores, o Governo Federal age de modo diferente quando é ele quem […]