6585

Em comunicado feito ontem, o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, declarou que governo russo está tomando medidas para garantir a segurança das instalações da Marinha na Península da Crimeia, em meio à instabilidade política na Ucrânia.

No texto, o ministro afirma que “estamos monitorando cuidadosamente a situação na Ucrânia e em torno da nossa Frota do Bar Negro. Estamos agindo para garantir a segurança das estruturas e arsenais da Força”. Shoigu não especificou quais medidas estão sendo adotadas. Porém, fontes militares afirmaram ontem que foram reforçados com blindados diversos pontos de segurança em instalações da Frota do Mar Negro.

A declaração do ministro vem logo após relatos de instabilidade na cidade de Simferopol, no sul da Ucrânia – manifestantes contrários ao governo interino recém-estabelecido teriam entrado em conflito com representantes da comunidade tártara da Crimeia, do lado de fora do parlamento local.

A península era oficialmente parte da Rússia até 1954, quando o então líder soviético Nikita Khrushchev transferiu o território para a então República Socialista Soviética da Ucrânia.

A Frota do Mar Negro da Marinha russa mantém sua principal base no porto de Sevastopol, e diversas instalações auxiliares ao longo da península. Durante o mandato do ex-presidente ucraniano, Viktor Yanukovych, deposto no último sábado (22), o país renovo a concessão do porto e demais áreas para a Rússia até 2042.

FONTE: RIA Novosti (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

2 Comentários para “Governo russo reforça segurança de instalações navais na Ucrânia”

  1. Mauricio R. 1 de março de 2014 at 0:45 #

    E a Criméia foi, apesar do esperneio generalizado, re-integrada á Rússia.

  2. Carlos Alberto Soares 2 de março de 2014 at 18:34 #

    Concordo, anexada mesmo, já era !

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

DGMM reúne almirantes para discutir orçamento e planos de contingência

F Bosísio (F 48)

  O diretor geral de Material da Marinha, almirante Luiz Guilherme Sá de Gusmão, reúne sua equipe de almirantes esta […]

Precisamos, para já, de 4 (bons) navios usados

maestrale

  Roberto Lopes Editor de Opinião da Revista Forças de Defesa e autor do livro “As Garras do Cisne” Parece […]

Navio-veleiro Cisne Branco aberto à visitação em Santos neste final de semana

Cisne Branco (2)

A Capitania dos Portos de São Paulo informou em nota à imprensa que o navio-veleiro Cisne Branco da Marinha do […]

Marinha peruana estuda três opções para renovar sua força de superfície

DE_LA_PENNE__5____a

  Não é só a Esquadra brasileira que necessita equacionar a renovação de sua força de superfície em um cenário […]

Cerimônia de incorporação do Navio de Pesquisa Hidroceanográfico ‘Vital de Oliveira’ à Marinha do Brasil

Vital de Oliveira - 1

  Em uma cerimônia de batismo, mostra de armamento e transferência para o setor operativo, o Navio de Pesquisa Hidroceanográfico […]