Second_Zubr_LCAC_China_Crimea

Segundo testemunhas oculares e e fotografias, no último sábado (01), o transporte do segundo hovercraft anfíbio da classe Zubr fabricado para a Marinha do Exército de Libertação Popular da China, foi transportado às pressas de Fedosiya, na região da Crimeia, para seu destino final na China. A entrega foi antecipada para evitar danos à embarcação por conta da escalada nas tesões regionais.

Atualmente o maior hovercraft do mundo, o Zubr, empregado principalmente para desembarque de tropas, começou a ser desenvolvido pela União Soviética em 1978, e a primeira unidade foi comissionada à URSS em 1988. A embarcação é capaz de transportar três blindados com peso conjunto de cerca de 150 toneladas ou dez veículos de transporte de tropas em até 130 toneladas além de 140 soldados. Caso não estiver transportando veículos ou armamentos pesados, o Zubr acomoda cerca de 370 homens.

Ao todo, 14 unidades do hovercraft foram lançadas – apenas duas permanecem em serviço na Marinha russa. Cinco embarcações foram descomissionadas, duas não formam concluídas e outras cinco foram vendidas para a Marinha da Grécia, onde são usadas geralmente em operações de apoio às Forças Especiais do país. Com a recente encomenda chinesa, o total de Zubrs lançados chegará a 18 unidades.

FONTE: Navy Recognition (tradução e adaptação do Poder Naval a partir de original em inglês)

Tags: , , , ,

Jornalista formada pela Universidade Federal do Paraná. Ganhou o Prêmio Sangue Novo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná com uma monografia sobre o PROSUB. Feliz proprietária de um SSN classe Virginia.

2 Comentários para “Hovercraft construído na Ucrânia é entregue às pressas para Marinha chinesa”

  1. Almeida 6 de março de 2014 at 12:01 #

    Houve um erro na matéria (ou na sua tradução): não são 3 veículos blindados de 150 toneladas, mas até 3 veículos blindados num total de 150t. O mesmo se aplica aos 10 veículos de transporte de tropa, etc.

    Seriam, no caso, 3 carros de combate pesados de até 50t cada um, ou até 10 APCs de 13t cada um.

    Até por que não existem veículos blindados de 150t! :)

  2. daltonl 6 de março de 2014 at 21:56 #

    Um pequeno escorregão na tradução…o texto em inglês menciona 3 MBTs com “overall mass of 150 tons” , peso total de 150 tons.

Deixe um comentário

É necessário estar logado para postar um comentário. Para ter acesso aos comentários, você precisa adquirir nossa revista Forças de Defesa e solicitar aos editores um login e senha de cortesia.

Portugal também interessado no navio-doca ‘Siroco’

corymbe-le-bpc-tonnerre-releve-le-tcd-siroco-2

Na hipótese de o Brasil considerar inviável a aquisição do navio de assalto anfíbio Siroco , o navio, que será […]

Compre seu livro ‘Monitor Parnaíba – 75 anos’

Livro Monitor Parnaíba - 75 anos -  Capas - WEB

A editora Aeronaval Comunicação, que produz a revista Forças de Defesa, está lançando a primeira edição do livro “Monitor Parnaíba […]

Base chinesa em Walvis Bay põe em xeque trabalho da Missão Naval do Brasil na Namíbia

Namibia

Uma delegação da República Popular da China desembarcará proximamente em Windhoek, capital da Namíbia, para negociar a instalação, ainda este […]

Vídeo: Navio-Patrulha Classe ‘Macaé’

Navio-Patrulha Macaé

O Navio-Patrulha classe “Macaé”, construído no Brasil sob gerenciamento da EMGEPRON, é um navio versátil, apropriado para missões de vigilância […]

Compre sua revista Forças de Defesa 12ª edição

Forças de Defesa 12 - capa e miolo 2 - destaque

Saiu a Revista Forças de Defesa 12ª edição, com 120 páginas! a versão impressa está disponível para compra pela Internet e […]