Rússia afunda navio no Mar Negro para bloquear passagem de ucranianos

Rússia afunda navio no Mar Negro para bloquear passagem de ucranianos

84
6
SHARE

Ochakov

ClippingNEWS-PASebastopol (Ucrânia) – As forças russas afundaram um navio obsoleto de sua Frota do Mar Negro na entrada de uma das bases ucranianas em Sebastopol (Crimeia) para impedir a saída de navios da Ucrânia, denunciou o Ministério da Defesa deste país. “Na entrada da base naval do sul da frota ucraniana, e para bloquear os navios ucranianos que se encontram no lago Donuzlav, os militares russos afundaram o navio ‘Ochakov’, que já estava fora de serviço em sua frota”, disse o ministério. A embarcação anti-submarino “Ochakov” foi construído em 1971 e integrou à Frota russa do Mar Negro dois anos depois, onde participou de vários exercícios navais. Desde 1991, o navio se encontra no porto de Sebastopol para reparos, e deveria voltar a operar em 2004, o que não ocorreu, e em 2011 foi retirado da frota.

CG - Ochakov (1988a)

FONTE: R7

NOTA DO PODER NAVAL: na foto de baixo, o cruzador da classe “Kara” Ochakov, em 1988.

ATUALIZAÇÃO:

Na foto abaixo o Ochuikov afundado bem no acesso do lago. Segundo informes da imprensa internacional, o canal de acesso possui uma profundidade próxima de nove metros. Na imagem mais abaixo do Google Earth aparece o Ochakov quando ainda estava fundeado próximo à cidade de Sebastopol. A linha amarela mostra a distância entre o local em que ele se encontrava, segundo a imagem do Google Earth, e o ponto onde ele foi afundado.

afundamento do Ochakov

local do afundamento do Ochakov

Outros ângulos do Ochakov

afundamento do Ochakov - foto via facepunch 2

afundamento do Ochakov - foto via facepunch

afundamento do Ochakov - foto via ABC news

6 COMMENTS

  1. O Ochakov era um navio da classe Kara. N a URSS ele era classificado como Bol’shoy Protivolodochnyy Korabl’ ou “grande navio antissubmarino”. No Ocidente muitos classificavam como destróier junto com os Sovremennyy.

  2. A Marinha Russa ainda opera um “Kara” o Kerch que estava programado para ser retirado em 2014 mas os russos de alguma forma pretendem esticar o serviço até
    2019 quando então terá 45 anos !

    Ele pertence a Frota do Mar Negro que banha a Ucrania,
    e aparentemente está confinado lá, não sendo capaz de navegar em mar aberto.

Deixe uma resposta