CM a bordo do A12

No dia 25 de março, o Comandante da Marinha, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto, visitou o Navio-Aeródromo “São Paulo” (NAeSPaulo), acompanhado do Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação da Marinha, Almirante-de-Esquadra Wilson Barbosa Guerra, do Comandante-em-Chefe da Esquadra, Vice-Almirante Sergio Roberto Fernandes dos Santos, e do Comandante da Força de Superfície, Contra-Almirante José Renato de Oliveira.

Participaram da visita o Diretor de Sistema de Armas da Marinha, Vice-Almirante Alipio Jorge Rodrigues da Silva; o Chefe do Estado-Maior do Comando de Operações Navais (ComOpNav), Vice-Almirante Wilson Pereira de Lima Filho; o Diretor do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro, Contra-Almirante (EN) “Mario Ferreira Botelho; o Subchefe de Logística e Plano Diretor do ComOpNav, Contra-Almirante Renato Batista de Melo; e o Coordenador da Modernização do NAeSPaulo, Contra-Almirante (RM-1) José Moraes Sinval Reis.

Após uma breve apresentação sobre o Período de Modernização de Meio (PMM) a que o navio será submetido, a partir de 2015, foram percorridas algumas das instalações de bordo, destacando-se a Praça de Máquinas de Ré, Praça de Caldeiras de Vante, os Hangares e o Convés de Voo.

Ao final da visita, o Comandante da Marinha dirigiu-se à tripulação, manifestando a sua satisfação em ver a excelente apresentação do navio e ressaltando a essencialidade do NAeSPaulo para o País, motivando todos a superarem os desafios para modernização do meio.

NAe São Paulo A12

FONTE: Marinha do Brasil

Tags: , , , , ,

Jornalista especializado em temas militares, editor-chefe da revista Forças de Defesa e da trilogia de sites Poder Naval, Poder Aéreo e Forças Terrestres. É também fotógrafo, designer gráfico e piloto virtual nas horas vagas. Perfil no Facebook: https://www.facebook.com/alexandregalante

10 Responses to “Comandante da Marinha visita NAe ‘São Paulo’” Subscribe

  1. eduardo.pereira1 12 de abril de 2014 at 20:06 #

    Programa de modernização de meio a partir de 2015 ? O bicho vai ficar de molho até lá ??

  2. thomas_dw 13 de abril de 2014 at 9:37 #

    a partir de Maio de 2015, com conclusão daqui a alguns anos.

    O São Paulo vem cumprindo soberbamente a sua função de empregar centenas de Marinheiros e outros tantas centenas no suporte, tudo isto sem sair da Baia de Guanabara ou operar um avião sequer,

    O Sao Paulo consegui destruir a Aviacao Naval embarcada da Marinha do Brasil, quando voltar a ficar operacional, sera um elefante branco, um beco sem saida – pois a Marinha nao tem como comprar um substituto.

  3. daltonl 13 de abril de 2014 at 11:08 #

    Se a idéia agora é manter o NAeSP até 2028 só com muito “PMM” mesmo !

    Mas não significa o fim da aviação embarcada, nossos pilotos continuarão indo aos EUA , aliás, como fazem os pilotos da marinha francesa e farão o restante do treinamento operando a partir de aerodromos terrestres.

    Talvez o substituto do NAeSP nunca saia dos planos,
    mas ainda há tempo, não necessariamente entrando em serviço em 2028, mas, ao menos já batizado em 2028
    e conclusão em 2030 ou pouco depois.

    Não afirmo que irá acontecer assim, mas, parece ser o
    plano atual, que bem pode mudar na próxima gestão,
    algo que já aconteceu outras vezes no passado quando o assunto era reaparelhamento da marinha.

  4. Ozawa 13 de abril de 2014 at 14:13 #

    “daltonl 13 de abril de 2014 at 11:08 #

    Não afirmo que irá acontecer assim, mas, parece ser o
    plano atual, que bem pode mudar na próxima gestão,
    algo que já aconteceu outras vezes no passado quando o assunto era reaparelhamento da Marinha.”

    Prezado Dalton,

    Se é assim, nunca melhora, só piora…

    Nem que as finanças, por milagre, tenha um incremento nas próximas décadas, o reaparelhamento da MB não vai seguir o mesmo curso, a tomar por comparação os anos 2004/2008 em que as commodities e a China catapultavam às alturas a economia brasileira… O Brasil era o “queridinho” do Financial Times (lembram-se da capa com o Cristo Redentor decolando como um foguete sobre o Morro do Corcovado ?), do editorial econômico do NYT, dos relatórios do FMI e por aí vai… Mas o reaparelhamento da MB não saia do livro branco (ou preto, ou roxo ?) de Defesa… E, lembremo-nos, o FX 2 estava (muito) longe de ser decidido…

    O que realmente pode acontecer até 2028, além do NAe São Paulo nunca sair da baía de Guanabara, é uma mente com poder decisório, dentro ou fora da MB, constatar de uma vez por todas que essa história de Porta-Aviões na MB é um delírio insustentável economicamente.

    Já nossos netos em 2028 estarão debatendo por aqui sobre isso, e o Nunão Neto, Galante Jr., Poggio II postando fotos e matérias do Nae São Paulo com o título, será que agora vai ? Pro ferro-velho…

  5. juarezmartinez 13 de abril de 2014 at 20:14 #

    O link acima citao pelo nosso colega Guizmo explica bem porque coisas velhas são mantidas e mais coisas velhas são adquridas pela Mb a peso de ouro. Explico: coisas velhas geram muita manutenção, que gera muita receita extra caixa a quem contrata ou define, segue o baile enós pagamso a conta.

    Grande abraço

  6. Mayuan 14 de abril de 2014 at 0:49 #

    Mais uma vez o oceano se esquiva de nos prestar um imenso favor! Engolindo o SP nos livraria do elefante branco e seu domador, o Moura Neto.

    A anterior foi aquele vôo para o enterro do Mandela FHC, Collor, Lula, Sarney e Dilma a bordo…

  7. Vader 15 de abril de 2014 at 20:49 #

    Ozawa
    13 de abril de 2014 at 14:13 #

    “Nunão Neto” vc sacaneou com o nosso editor, rsrsrs…

  8. Vader 15 de abril de 2014 at 20:53 #

    No mais falar o que? O bagulho está docado há trocentos anos e agora a gente descobre que, em 2015, começa a sua modernização…

    Depois querem que a gente acredite que este é um país sério…

    PAREM DE GASTAR MEU DINHEIRO COM ESTA B.!!!!

    Seus biltres…

  9. juarezmartinez 16 de abril de 2014 at 8:06 #

    Vader, bosta velha da dinheiro, muito dinheiro….

    grande abraço

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Navio anfíbio americano de última geração visita Rio de Janeiro

O navio de assalto anfíbio USS America (LHA6), uma das mais modernas embarcações da marinha dos Estados Unidos e que […]

Angola busca cooperação brasileira para implementar Programa Naval

Os ministros da Defesa do Brasil, Celso Amorim, e de Angola, João Manuel Gonçalves Lourenço, se reuniram nesta terça-feira para […]

EISA busca empréstimo na Caixa e com fundo nos EUA

Prestes a completar dois meses com as atividades paralisadas, o Estaleiro Ilha S.A. (EISA), do Rio, ainda busca soluções para […]

Aeronaves V-22 Osprey do USS ‘America’ já pousaram no Rio

Duas aeronaves V-22 Osprey pousaram hoje no aeroporto Santos Dumont. Elas pertencem ao grupo aéreo do navio de assalto anfíbio […]

Venezuela quer BrahMos

Míssil supersônico de cruzeiro BrahMos poderá ser exportado ao Sudeste Asiático e América Latina, e Venezuela estaria entre os países […]

Marinha abre 105 vagas para oficiais

A Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM) publicou mais um Edital. Desta vez, são 105 vagas destinadas exclusivamente a candidatos […]