Home História Um octogenário italiano no dique

Um octogenário italiano no dique

799
7
Defesa Store

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 2 Marinha Italiana

Navio ‘Amerigo Vespucci’ da Marinha Italiana em reconstrução no Arsenal La Spezia

Belas imagens divulgadas pela Marinha Italiana mostram o veleiro Amerigo Vespucci docado no Arsenal La Spezia, passando por um extenso trabalho de reconstrução iniciado em outubro do ano passado. O navio “nasceu” há 83 anos, em Castellammare di Stabia, e foi extensamente empregado na instrução de marinheiros e oficiais da Marinha Italiana, que o considera “o navio mais belo do mundo”.

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 3 Marinha Italiana

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 8 Marinha Italiana

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 7 Marinha Italiana

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 6 Marinha Italiana

Espera-se que o navio, que já realizou viagens de instrução no Norte da Europa, Mediterrâneo, Atlântico Oriental, América do Norte e América do Sul,  além de uma circunavegação, volte a operar em 2015.

O Amerigo Vespucci desloca 1.200 toneladas, com um casco de aço com três conveses, três mastros (de 54m, 50m e 43m), velame de 2.800 metros (26 velas quadradas) e 34 km de cabos em fibra natural, segundo a nota da Marinha Italiana.

Clique nas imagens para ampliar.

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 5 Marinha Italiana

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto 4 Marinha Italiana

Amerigo Vespucci - veleiro no dique - foto Marinha Italiana

A imagem abaixo é de junho do ano passado, também em La Spezia, antes do belo navio iniciar o período de manutenção.

Amerigo Vespucci em La Spezia - foto Marinha Italiana

FONTE / FOTOS: Marinha Italiana (Marina Militare) – tradução e edição do Poder Naval a partir de original em italiano

VEJA TAMBÉM:

7 COMMENTS

  1. Há uma bem conhecida foto do Vespucci navegando ao lado do NAe USS Independence em 1962 no Mediterraneo onde ocorreu o fato abaixo:

    O USS Independence ao cruzar o caminho do Vespucci a noite sinalou a mensagemi … “Quem és ?” E o Vespucci sinalizou, “Navio Escola Amerigo Vespucci, navio escola da Marinha Militar Italiana” !!

    E o Indy respondeu…” És a mais bela nave do mundo”.

  2. Aproveitando,

    Acrescentei ao final uma foto do navio em La Spezia, antes de começar o período de manutenção.

    Ma che bello questo navi!

  3. O que o cidadão acima disse ” por um canhão de 18cm e mísseis” … Isso não tem lógica para um navio de época, seria útil a instalação de um canhão OTO de 127 mm só para dar um pouco de segurança, mas mantendo um deslocamento baixo.
    O custo para instalação de mísseis e armamento é muito alto e exige um projeto para o navio suporte esse peso todo,o Japão aprendeu na marra … No incidente de Tomozoru em 1937 e convocou o recall de alguns pequenos navios para saber se o peso não está saturado ou com a estabilidade instável.

    Por exemplo o encouraçado Mikasa, tem 4 canhões EOC 30.5cm/40, até daria para comprar dos EUA os canhões 30.5cm/50 de longo alcance, mas ainda assim seria inútil, ainda mais para um navio museu

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here