Marinha lança edital de concurso para oficiais intendentes

Marinha lança edital de concurso para oficiais intendentes

1298
2

Inscrições começam dia 16/5 para quem tem nível superior. Salário pode chegar a mais de R$ 7 mil

A Marinha divulgou nesta segunda-feira (15/5) edital de concurso para ingresso nos quadros complementares de oficiais intendentes. São 12 vagas para quem tem formação de nível superior em administração, economia ou ciências contábeis, sendo duas delas destinadas a candidatos negros.

Os interessados podem se inscrever no período de 16/5 a 19/6, no site da Marinha. A prova objetiva com 50 questões de conhecimentos profissionais (CP), inglês e redação será aplicada em data ainda não definida.

A previsão é que os aprovados sejam convocados para o curso de formação em março de 2018, quando começarão a receber remuneração de cerca de R$ 6,2 mil. Após a conclusão do treinamento, que tem duração de 39 semanas, o salário sobe para pouco mais de R$ 7 mil.

É o corpo de oficiais que gerencia e conduz as atividades de administração, abastecimento e Finanças nas organizações militares da Marinha. Atualmente, os intendentes são formados pela Escola Naval ou admitidos com graduação no quadro complementar, via concurso público, podendo ascender até o posto de vice-almirante.

Nos postos de segundo-tenente, primeiro-tenente e capitão-tenente, exercem funções nos navios da esquadra e oceanográficos, distrito, bases, hospitais e depósitos navais, entre outras áreas.

Principais requisitos:

  • Ter menos de 29 anos de idade no dia 1º de janeiro do ano do curso
  • Ser brasileiro nato
  • Ter graduação completa na área a que concorre
  • Possuir bons antecedentes de conduta
  • Estar em dia com as obrigações do Serviço Militar e da Justiça Eleitoral

FONTE: Metrópoles

2 COMMENTS

  1. Sem querer entrar em polemicas……….2 vagas para negros……..a tal lei de quotas….isso sim pra mim eh racismo e nao competencia.

  2. Também acho Celso. A Lei determina que 10% das vagas nos concursos públicos sejam destinadas à pessoas declaradas negras. Eu , se fosse o caso, teria vergonha disso. Como se a cor da pele fosse sinônimo de capacidade intelectual. Vagas reservadas à deficientes físicos, ok, pois eles competem entre si. É mais uma invenção do BRASIL – PAIS DE TODOS da era Lula e seus comparsas!!!

LEAVE A REPLY