Home Aviação Naval Segundo porta-aviões da China deve iniciar testes de mar em abril

Segundo porta-aviões da China deve iniciar testes de mar em abril

3227
24
Type 001A no lançamento, em abril de 2017

O Type 001A, primeiro porta-aviões totalmente construído da China, começará seu primeiro teste de mar de quatro dias em abril, segundo reportagens.

O navio-aeródromo de 50.000 toneladas foi lançado e montado na cidade portuária de Dalian, província de Liaoning, em abril de 2017. De acordo com as últimas fotos online do estaleiro Dalian Shipbuilding Industry Company (DSIC), os andaimes que cercavam o navio foram completamente removidos e um sistema de radar de arranjo de fases instalado, indicando que o novo porta-aviões pode em breve estar em condições de navegar, relata o portal de notícias chinês Sina News.

“Todos os equipamentos e dispositivos do porta-aviões estão na fase de depuração conjunta e o motor principal foi acionado. Em 2018, apresentaremos uma surpresa ao povo chinês”, disse Liu Zheng, presidente da DSIC.

Especialistas militares prevêem que o teste inicial do mar começará em 23 de abril, quando a Marinha Chinesa comemora seu 69º aniversário.

Quando for oficialmente colocada em serviço, a China terá dois porta-aviões, com o Tipo 001A juntando-se ao Liaoning de 60.000 toneladas, que foi comprada da Ucrânia em 1998 e reconstruídao com base no projeto da classe soviética Kuznetsov antes de ser colocada em serviço em 2012.

O desenvolvimento do novo porta-aviões começou em 2013 e a construção começou no final de 2015. Espera-se que seja formalmente comissionado até 2020.

Navios-aeródromo chineses planejados

FONTE: gbtimes.com

24 COMMENTS

  1. No infográfico consta uma tripulação de mais de 5000 para o tipo” 001 A” quando menos de 3000
    é o correto, incluindo o pessoal da ala aérea.
    .
    Para o futuro “002” aí sim, com um deslocamento totalmente carregado de 80.000 toneladas,
    catapultas e uma ala aérea maior, uma tripulação de cerca de 5000 é provável.

  2. A China tem 68 anos de independência. Quantos anos o Brasil tem de independência? 195? Precisa desenhar? Sionismo e maçonaria dominando os meios de comunicação, principalmente as igrejas evangélica, e nos mantendo como eternos escravos (slave é mais chique para os coxas).

    • “Romário”:
      Melhor você voltar a jogar futebol. Tua análise é péssima.
      Você esqueceu de citar os americanos, os ingleses, os franceses, os russos, os chineses, os portugueses, os paraguaios, a venda do nióbio, do petróleo, do soja, o juiz Sérgio Moro – que é agente da CIA -, o ataque dos franceses contra nosso foguete, a proibição de venda de sensores pelo americanos para nossos mísseis, enfim, qualquer coisa que aconteceu de errado certamente foi um motivo a nossa independia, impedindo que cada brasileiro se torne um bilionário sem precisar trabalhar.

    • Cara, você achou culpado em tudo, menos o próprio povo. Igreja evangélica! Fala sério, os governos socialistas no poder são laicos. O que evangélicos tem a ver com isso? Os EUA foram formado por protestantes, e hoje são o que? Potencia talvez? Só peguei esse exemplo. Amigo vai escrever roteiros para filmes de ficção pois sua imaginação é absurdamente rara.

    • Vc está delirando, culpar a maçonaria e o sionismo, pelo atraso do país, é irracional. Nós brasileiros, somos os culpados, e para de ler teoria da Conspiracão…
      Cada peça q aparece. É rir pra não chorar.

    • Nossa, nunca vi um comentário tão absurdamente infantil neste blog.
      São 8:30 da manhã, ainda não começou o programa da Ana Maria Braga na Globo. Acalme-se um pouco.

  3. É impressionante em menos de 2 anos os Chinas desenvolveram e construíram o seu primeiro porta aviões. Sem falar que seu desenvolvimento foi todo com tecnologia local, envolvendo centenas de fornecedores novos do país. Isso é um feito enorme de organização e planejamento.

    • É impressionante sim, mas, não tanto assim. O NAe foi lançado em 2017, mas, sua construção começou em 2013, portanto, não levou apenas 2 anos para ser construído.
      .
      Também é preciso levar em conta que o “001 A” é uma versão melhorada do “Liaoning”
      cuja longa gestação é bem conhecida…um casco incompleto de projeto soviético,
      adquirido da Ucrânia em meados da década de 1990 e comissionado em 2012.
      .
      Não estou fazendo pouco caso do feito chinês, eles estão no caminho certo e é bem
      provável que em breve poderemos estar lendo sobre a construção de algo realmente
      novo e não apenas uma cópia de um projeto soviético.

  4. os chineses estão de parabéns , quem sabem não vendem “balatinho” pra gente os projetos deste NAE para adaptarmos a nossa realidade,,,,, Se bem que eu pessoalmente acho que a MB não precisa de porta aviões. Seria ótimo como alternativa na minha opinião a MB operar caças de ataque a partir de bases no litoral uma no sul/sudeste e outra no norte/nordeste, Já seria o suficiente pra projetar poder no Atlântico , pelo menso na nossa costa, Com a vantagem de não ter um NAE que se torna em última análise um belo alvo para o inimigo,

  5. A US Navy concordou em vender “balatinho” o projeto de um navio anfíbio classe “Austin”, apenas 22.000 dólares isso na década de 1980, para que fosse adaptado à nossa realidade,
    mas, não deu em nada, assim como não daria em nada a compra de um projeto de um NAe de
    quem quer que fosse…os recursos para levar adiante tal projeto simplesmente não estão no “radar” e não estarão ainda por muitos anos.

  6. Aos críticos da engenharia reversa, a China fez (e faz) milagre. Não é vergonhoso admitir isso; vergonhoso é não ter nenhum meio de defesa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here