Navio-patrulha classe ‘Hayabusa’, da JMSDF

japan-jmsdf-pg-hayabusa-class.jpg

Mais uma vez trazemos um navio-patrulha do exterior para compararmos com as “soluções nacionais”, dentro das devidas proporções. Desta vez é a classe “Hayabusa” (Falcão), da Força Marítima de Auto-Defesa do Japão. Notem que é um navio-patrulha de um país pacífico, cujas forças armadas são somente para “auto-defesa”.
A classe “Hayabusa” desloca cerca de 200t e é propulsada por turbinas a gás Ishikawajima Harima LM-500, permitindo velocidades de até 44 nós!
Caracteriza-se por um design stealth com ângulos facetados. O navio possui um canhão de duplo emprego OTO Breda de 76mm de tiro rápido, com nova torreta. A superestrutura é feita de material composto e aço, com proteção balística e contra fogo.
O navio leva mísseis antinavio SSM-1B e sistemas de softkill contra mísseis.

japan-jmsdf-pg-hayabusa-class2.jpg

Navios da Marinha do Brasil visitam o porto de Santos-SP neste final de semana

Está prevista a chegada e atracação no período da manhã de sexta-feira (29.08 – 7h) de um GT (Grupo-Tarefa) composto pelos […]

Futuros tripulantes indianos de Scorpene treinam em equipamentos fabricados na Índia

Sessões de treinamento da DCNS, referentes ao console dos sistemas de gerenciamento da plataforma e de manobras do submarino, foram […]

Marinha do Brasil e Armada da República Argentina concluem a Operação ‘Fraterno-XXXII’

De 15 a 25 de agosto, a Fragata “Greenhalgh” participou da Operação bilateral “Fraterno-XXXII”, que se realiza há 32 anos, […]

Visita da comitiva do Ministério da Defesa da Suécia ao NAe ‘São Paulo’

  Na primeira quinzena de agosto de 2014, uma delegação do Ministério da Defesa da Suécia esteve no Brasil, em […]

98 anos da Aviação Naval

Todo dia 23 de agosto, comemora-se o Aniversário da Aviação Naval, em referência à data de assinatura, pelo Presidente Wenceslau […]

Custo planejado dos reparos do NAe São Paulo, de 2006 a 2012

A imagem acima, tirada de uma apresentação da Marinha do Brasil, mostra os gastos programados dos reparos no NAe São […]