Home Noticiário Internacional Lula anuncia venda de corveta da classe ‘Barroso’ para a Guiné Equatorial

Lula anuncia venda de corveta da classe ‘Barroso’ para a Guiné Equatorial

507
55

Em discurso proferido no almoço oferecido pelo Presidente da Guiné equatorial Obiang Nguema M’Basogo, o Presidente da República do Brasil, em seu brinde ao anfitrião, declarou: “O desenvolvimento do país passa também pelo aproveitamento soberano de seus recursos marítimos”. E continuou: “Por meio de um acordo no setor de Defesa, Guiné Equatorial vai adquirir uma corveta brasileira junto à EMGEPRON. Vamos reproduzir no Golfo da Guiné a boa cooperação que a Marinha mantém na Namíbia”.

Leia matéria completa no site da ALIDE clicando aqui.

SAIBA MAIS:

55
Deixe um comentário

avatar
55 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
23 Comment authors
J. ClaroRoberto MartinsAlecsanderVaderBiel Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Bronco
Visitante
Member
Bronco

Há mais alguma informação relevante sobre o acordo? A aquisição pára por aí, ou há opção por pelo menos mais uma corveta?

E o mais importante: quem construirá? O AMRJ, para garantir continuidade na capacitação de mão-de-obra, mas com sérios riscos de atraso; ou um estaleiro privado nacional, seguindo a tendência de fortalecimento da indústria naval com encomendas de grande porte?

Marcelo Martins
Visitante
Member
Marcelo Martins

Vamos ver em quantos anos essa vai levar para ser construída e comparar com os 16 anos (?) que a nossa levou.
Se sair em menos tempo que a nossa, vai ser uma vergonha!!

Luiz Padilha
Visitante
Member
Luiz Padilha

Vamos torcer para acontecer e depois ela ficar pronta. Alguém já sabe quem irá bancar isso? Será o BNDES com nosso dinheiro?
Uma só? Bom, ela poderá servir de cobaia para a Emgepron ir se acostumando com a integração de novos sistemas.
Só espero que este Ditador honre as calças e cumpra até o final este contrato.

Francoorp
Visitante
Francoorp

Mais uma vitória da atual administração… o nosso país exportando armas…

POW Galante, nem falou que fui eu quem colaborou com o Tópico…magoei… hehe

Igo
Visitante
Igo

Marcelo Martins,

Se não ocorrerem cortes de grana, como na nossa Barroso, pode estar certo que levará muito….muito menos tempo…

Aldo Ghisolfi
Visitante
Aldo Ghisolfi

Será que pagam?

Eduardo
Visitante

Como seria bom se fizessemos uma nova versão do EE-T1 Osorio e exportassemos tb, tomara que o brasil engrene nessa de produzir fragatas, vendendo é que se desenvolve e tem dinheiro para investir em pesquisas para os proximos projetos!

Antonio M
Visitante
Antonio M

Mais uma ditadura que LuLLa flerta.

Negócios são negócios mas, Lulla não era contra ditaduras?! Bem, acho que não pois faz tempo que admira Fidel e outros da mesma laia…….

Francoorp
Visitante
Francoorp

Antonio M disse: 5 de julho de 2010 às 21:08 Pois é, enquanto isso a democracia na Arábia Saudita vai muito bem né… a mulheres nào podem dirigir, estudar em universidades, etc… mas la são os Yankees que apóiam, então pode, então tudo bem!! Cada uma… tem que vender pra quem quiser pagar… e o ponto é este, pagar. Será que vai ser o BNDES a financiar esta também?? Vamos ver o que acontece no futuro, mas creio que mesmo que não paguem, vejo que pelo menos trouxe um marketing internacional aos nossos produtos navais, creio que até mesmo civis…… Read more »

Baschera
Visitante
Baschera

Ótima notícia. Existem notícias ou comentários do Almirante Moura Neto, também em matéria lá da Alide, onde o mesmo diz, ao se referir ao PEA e a nova Esquadra a ser estabelecida na região Norte/Nordeste : “É natural imaginar que pelo menos uma parte desta frota venha a ser composta de corvetas da classe Barroso”. O que seria melhor ainda. No entato, a matéria atual diz : “o navio vendido pelo Brasil será construído no Brasil em estaleiro privado ” e será da “família Barroso”…. Quem será o construtor a serviço da Engeprom, o novo estaleiro da Odebrecht ?? O… Read more »

Antonio M
Visitante
Antonio M

“…Pois é, enquanto isso a democracia na Arábia Saudita vai muito bem né… …”

Pois é. Como é que o LuLLa vai ser contra, se age igualzinho aos “Yankees” ?!?!?!?!!?

Ele apoia regime que fuzila sumariamente cidadãos de seu próprio país quando tentam fugir pelo amr em botes improvisados ou, que morrem de fome emprisões pois tem opinião doferente do “chefe” mas, se LuLLa apoia, tudo bem…

PS.: fica óbvio que a preferência por certo produto frânces não passa de antiamericanismo bobo….

Antonio M
Visitante
Antonio M

“…tem que vender pra quem quiser pagar …”

Pois é. Quem pode ser o próximo cliente, as farcs? E com a mãozinha do BNDES nénão ?!??!

Antonio M
Visitante
Antonio M

As referidas corvetas possuem alguma característica “sthealt” ? Será que nessa eventual chegada ao mercado não poderia ser considerada um pouco defasada?

Bronco
Visitante
Member
Bronco

O maior mercado de exportação de armamento de pouca tecnologia depois da segunda guerra foram os mercados sul-africanos. Ditaduras cujas fontes de renda eram a miséria de todo um povo e a exploração de recursos naturais como o diamante; quase todas baseadas na discriminação étnica, na carnificina de inocentes civis por conta da necessidade de liquidar tribos rivais que, pelo processo de partilha nas independências Africanas, foram obrigadas a conviver no mesmo território; ditaduras baseadas no ódio e na intolerância, na exploração de mão-de-obra em regime de semi-escravidão, nos genocídios. As guerras civis generalizadas ou, quando não dentro de seu… Read more »

Fuzila
Visitante
Fuzila

“Bronco disse:
5 de julho de 2010 às 21:41”

Ótimo comentário.

Francoorp
Visitante
Francoorp

Bronco disse:
5 de julho de 2010 às 21:41

Isso ai Bronco, perfeito e sensato !!!

Fuzila
Visitante
Fuzila

Cornetam até as poucas exportações de material militar que o Brasil consegue …

O que vale é criticar, não importa o que …

Alexandre
Visitante
Alexandre

Pelo que me consta esse projeto tem tantos defeitos e foi tão caro que era melhor vender a única unidade, a própria Barroso. Não acredito que essa corveta fará algum sucesso em um mercado mais exigente. Vai fazer sucesso só em países mais pobres. Preço alto e qualidade duvidosa não fará frente a concorrência séria.

Francoorp
Visitante
Francoorp

Antonio M disse: 5 de julho de 2010 às 21:25: “PS.: fica óbvio que a preferência por certo produto frânces não passa de antiamericanismo bobo….” Muito me admira brasileiro gostar tanto dos Yankees assim, pois no fim das contas REAIS DOS FATOS, o que trouxeram para o Brasil foi a ditadura, a tortura e a morte para nossos irmãos brasileiros, pouco importa se de direita ou esquerda, eram brasileiros natos, sangue do nosso sangue, e este sangue nosso foi derramado por eles. E hoje tem este tanto de gente por ai que ama de paixão estes assassinos da liberdade e… Read more »

Nick
Visitante
Nick

Negócios são negócios como disse o Ministro Amorin em entrevista para a Globo, meio que envergonhado.

Realmente é irônico vender armas para esse ditador e depois reclamar dos USA fazendo o mesmo.

Mas o governo ta certo, tem que fazer caixa mesmo. É agir com com o bolso e não por ideologias do passado.

[]’s

gerson carvalho
Visitante
gerson carvalho

Caros, se a Guiné vai pagar eu não sei, mais que vai sair rapido vai, pois este projeto faz parte da estratégia do governo para projetar o país ou vocês acham que mandaram ela pra africa só pra passear? daqui alguns dias deve até sair mais vendas como para a Namibia onde estamos ajudando a montar uma marinha.

Antonio M
Visitante
Antonio M

“…Bom, eu acho muito mais destrutivo vender milhões de AK-47 e toneladas e mais toneladas de munição 7,62 para serem operadas por crianças de 8 anos de idade…” Tem toda razão. Mas é pior ainda são governantes que eram comprometidos com a bondade e fraternidade vendendo essa imagem toda sua vida política para quando chegar ao poder fazer vista grossa e dar tapinhas nas costas de ditadores sanguinários e por o $eu no bol$o. É mesmo a ironia que quis infatizar. “…gostar tanto dos Yankees assim, pois no fim das contas REAIS DOS FATOS, o que trouxeram para o Brasil… Read more »

Antonio M
Visitante
Antonio M

“…pretende vender um navio de batalha que pode ser usado única e exclusivamente para proteção do litoral do país contra pirataria e em defesa das rotas marítimas…”

Exclusivamente? Eu creio que o navio servirá para proteger as rotas de tráfico humano, de drogas, armas e a pirataria do próprio ditador….Como acontece em outra ditadura no Caribe…..

Rodrigo Rauta
Visitante
Rodrigo Rauta

Uma dúvida. A Barroso tem alguns equipamentos estrangeiros, como as turbinas (EUA), o canhão de proa (Britanico) e os misseis (Franceses). Se a venda do navio for fechada e esses países não autorizarem a venda destes equipamentos,como faremos? Existe a possibilidade de integração de outros em seus lugares?
Acho que o Lula so falou da venda sem pensar nisso ou disse que vendaraia o navio só de fanfarronisse mesmo!

Abraços

Abraços!!

cadugoes
Visitante
cadugoes

Esta venda deve ser vista como uma forma de alavancar nossa produção naval militar. Aqui mesmo, já fora exposto anteriormente, algumas modificações possiveis e que aumentariam as capacidades da classe. Poderiamos utilizar esta situação para que a marinha construa outras unidades melhoradas da classe para seu uso, e quem sabe até exporte. Acredito que é mais viavel que todos os projetos de construção naval ficassem a cargo da iniciativa privada, uma vez que o governo faria a compra destas unidades, gerando concorrência na qual venceria o menor preço, sem contar que a iniciativa privada conseguiria diluir melhor os custos de… Read more »

Francoorp
Visitante
Francoorp

Antonio M disse:
6 de julho de 2010 às 8:21

“Parece um adolescente que sai da aula de história do cursinho achando que se tornou politizado.

Precisa estudar mais.”

Tenho ja filho de 17 anos meu caro, ele que é adolescente!!!
Eu sei exatamente do que estou falando, mas o senhor não, o senhor ouviu falar !!

Alecsander
Visitante
Alecsander

Antonio M É como o Francoorp disse, se você só fica lendo falação sem conhecer a historia, você vai ter uma visão distorcida e mentirosa dos fatos. Os E.U.A é a maior democracia do Mundo, só que ao contrario do que diz o Capitão America, eles nunca ajudaram nenhuma nação a se democratizar, é quando derrubou alguma ditadura, foi só ditaduras que eles próprios apoiaram no passado como o caso do Afeganistão e do Iraque, sem contar que foi os próprios americanos que treinaram os membros da organização terrorista Al Qaeda de Osama Bin Laden. Dos países citados pelos americanos… Read more »

Alecsander
Visitante
Alecsander

Exclusivamente? Eu creio que o navio servirá para proteger as rotas de tráfico humano, de drogas, armas e a pirataria do próprio ditador….Como acontece em outra ditadura no Caribe….. Antonio M Meu caro, não sei onde você tirou essa idéia, você provavelmente deve estar mesmo, lendo muita revista Veja rsrsrsrs… A pirataria esta acontecendo na Somália, do outro lado do continente, na África Oriental (que alias, a Somália já esteve ocupada pelo exercito americano na década de 1990, e eles nunca resolveram nada naquele país). Por isso dizem, se quer conhecer a verdade, veja os fatos, não veja a Veja… Read more »

Antonio M
Visitante
Antonio M

Valeu Alecsander, Os EUA acabaram criando ditaduras pois enviaram ajuda e os governantes “tomaram o gosto” e acharam que seir aeterno mas, era para mantê-las fora do alcance da URSS. Com o esfriamento da guerra fria, acabou a ajuda e inclusive passaram a condenar, um dos motivos pelo qual o Brasil sofria embargo de armas amercianas mais sofisticadas. E quanto ao navio são apenas exemplos mas ditadores fazem isso sim e nem tão ditadores fazem também; lembra do general cubano que foi fuzilado quando apreenderam uma grande quantidade de drogas em litoral cubano? Assumiu tudo sozinho e foi para o… Read more »

Vassili
Visitante
Vassili

Bom, quanto à questão das peças estrangeiras usadas na Barroso, só podemos presumir uma coisa:

Se essa venda não interferir nas pretensões dos países detentores dos direitos tecnológicos e industriais dos mesmos, então podemos presumir que a venda seja realizada.

caso contráio, fica mais da mesma lição para o Brasil e seus governantes:

“preoculpesse um pouco mais com suas forças armadas, liberando verbas para que elas possam andar tecnologicamente por suas próprias pernas, sem depender da boa vontade internacional”.

abraços.

Alexandre
Visitante
Alexandre

Não entendi até agora o embate acima. Tirando a parte técnica da negociação, acho uma falta de coerência em negociar com essas ditaduras. Não sei por que comparam um erro como a política externa dos EUA para atenuar as barbaridades que esse governo pratica. Aliás, nosso “competente líder” só tem negociado com o que há de pior no mundo. Quanto mais ditador e ameaçador, mais amigo. Só me resta concluir que que se tivesse plenos poderes nosso atual presidente estaria no mesmo patamar desses seus aliados. Mas deixa estar . Tudo indica que as coisa vão piorar, salve um milagre.… Read more »

Dalton
Visitante
Dalton

Alecsander…

por acaso sou leitor da revista Veja, mas não foi apenas a Veja que já publicou que há uma crescente ameaça de pirataria surgindo na costa oeste da Africa, justamente no Golfo da Guiné.

Os piratas somalianos tem maior cobertura da midia, e muitos dos ataques na costa oeste não tem sido reportados, portanto de um certo modo o Antonio tem razão.

abs

Antonio M
Visitante
Antonio M

Alexandre disse:
6 de julho de 2010 às 20:39

Resumiu muito bem Alexandre, assino embaixo.

Dalton disse:
6 de julho de 2010 às 20:46

Pois é Dalton. Valeu!

Biel
Visitante
Biel

Provavelmente esta será apenas a primeira venda , penso que dentro de pouco tempo veremos mais corvetas sendo vendidas para países africanos
uma vez que nosso governo tem se aproximado bastante da África .

Vader
Visitante
Vader

Ah tá, é que eu pensava que só os malditos yanquees imperialistas do Norte, comedores de criancinha, é que vendiam armas pra ditaduras miseráveis mundo afora…

Agora os africanos podem ficar tranquilos: quando tivermos, com a ajuda dos “diamantes de sangue” e dos petrodólares que eles tão graciosamente nos fornecerão, derrubado o Maldito Império do Mal do Norte, continuaremos a fornecer a fina flor do armamento nacional para eles continuarem se matando…

Que “Império do Bem” que seremos então! 🙂

Alexandre
Visitante
Alexandre

Se nossa indústria bélica for depender de países africanos para se levantar, terá o mesmo destino da ENGESA. Como se esses países tivessem condições de levantar algo. Se fosse assim a Embraer estaria se fazenndo no continente africano. Essa corveta se for vendida custará o triplo, pois o ditador não vai perder a oportunidade de dar uma faturada. Depois, vai ser tão dispendiosa que se bober vai ser o único meio operativo que vai sobrar. Claro que quando der a primeira pane séria levará mêses para se solucionar. Se nossa Marinha acha que vai a algum lugar se aliando a… Read more »

Vader
Visitante
Vader

PS: detalhe: daqui a alguns anos, quando a dita ditadura africana se recusar a pagar o dinheiro da construção (que saiu do nosso bolso), alegando que é “pobre”, “coitadinho”, e etc, sempre haverá algum iluminado vermelhuxo no governo para perdoar a dívida…

Alexandre
Visitante
Alexandre

Com certeza Vader. Mas até lá alguns políticos e almirantes já estarão aposentados curtindo o dinheirinho auferido com essas excelentes oportunidades que aparecem nessas vendas como o saudoso Almirante Janot que foi preso recentemente mas já está solto curtindo a vida adoidado com o nosso dinheirinho suado. Obrigado a todos esses grandes patriotas que tanto bem fazem a nossa nação.

Vader
Visitante
Vader

Alexandre disse: 6 de julho de 2010 às 21:41 Alexandre, sabe do que mais bro? Eu não sou hipócrita, nem pacifista: se alguém quer comprar uma arma, de duas uma: ou é pra botar paúra no rabo do vizinho, ou é pra atirar nele. Mas boa coisa não é. Nunca. Ou melhor, como diria Sun Tzu: “armas são instrumentos de mau agouro”. Mas o pior de tudo é que o “maldito yanquee”, o “russo degenerado”, o “europeu decadente” ou o “chinês comedor de alho” vende a arma mas COBRA por ela. E não perdoam um powto de um centavo nem… Read more »

Alexandre
Visitante
Alexandre

Concordo plenamente Vader. Mas como disse, vai piorar após (………………….). Sds

COMENTÁRIO EDITADO POR CONTEÚDO COM PROPAGANDA POLÍTICA

Alecsander
Visitante
Alecsander

Antonio M disse: 6 de julho de 2010 às 19:55 “Os EUA acabaram criando ditaduras pois enviaram ajuda e os governantes “tomaram o gosto” e acharam que seir aeterno mas, era para mantê-las fora do alcance da URSS. Com o esfriamento da guerra fria, acabou a ajuda e inclusive passaram a condenar, um dos motivos pelo qual o Brasil sofria embargo de armas amercianas mais sofisticadas.” Não foi bem assim, o que ouve foi a velha demagogia americana de sempre. Bom primeiramente não se trata anti-americanismo, mais o caso é que aconteceu com o Brasil foi o mesmo que aconteceu… Read more »

Alecsander
Visitante
Alecsander

Dalton,

Já aconteceu casos de pirataria fora dos domínios marítimos da Somália, e já li a respeito disso em outros noticias, mais não podemos nos esquecer que existe um conceito tendencioso de que na as culturas, etnias, criminalidade e problemas em geral no continente, é tudo a mesma coisa em toda Africano, o que é um equivoco tremendo. Não se pode associar qualquer crime pequeno com a pirataria cometida na Somália, pode ser que no futuro venha a se torna igual a da Somália, mais pelo que pesquisei, ainda esta longe disso.

Um grande abraço.

Antonio M
Visitante
Antonio M

Então tá. Até o Brasil sofreu embargos por causa da ditadura mas, o ditador africano pode comprar o que quiser pois tem o aval de bolivarianista lullista ?!?!?! então já aprovenitamos e fechamos a ONU que só sabe fazer estradalhaço quando Israel dá uma porrada mais forte em alguém mas, faz vista grossa para esses sanguinários da África. E Alecsander, não adianta, os prof. de cursinho sabem convencer e não vou ficar fazendo luta de versões. A verdade é que a mairoia das ditaduras que acabaram surgindo por causa da influência americana, desmoranaram com ou sem a ajuda dos próprios… Read more »

Alecsander
Visitante
Alecsander

Antonio M Provavelmente você deve ter encontrado muitos professores anti-americanos, no seu cursinho que o deixaram hhhuuurrrmmm rsrsrsrs… Mais eu não acuso os americanos por ter sido influenciado por um professor, também porque não gostava de ver professor de geografia dizendo que o homem não foi a Lua, já fui como você, á uns oito anos atrás, eu acreditava que o os ocidentais eram os mocinhos e que os contrários aos ocidentais eram os vilões (influenciado por mídias como Veja). Hoje em dia sou mais consciente de que não existe vilões nem mocinhos, o que existe são forças se chocando,… Read more »

Vader
Visitante
Vader

Alecsander disse: 7 de julho de 2010 às 14:31 Caro Alecsander, há controvérsias no seu off-topic: “No entanto, os romanos sempre criaram uma visão de que 100% dos bárbaros, eram pessoas ignorantes, imundas, selvagens, incapazes de viver em uma sociedade, e isso ainda existe em grande parte dos livros de historia, que aos poucos esta mudando” Será que foram os romanos que criaram essa visão? Ou será que foi a Igreja Católica? Ou será que foi a escolástica? Ou a patrística? Ou o iluminismo? Ou o cinema holywoodiano? Amigo, os romanos não apenas não criaram visão nenhuma, como não precisavam… Read more »

Alecsander
Visitante
Alecsander

Vader . “Caro Alecsander, há controvérsias no seu off-topic” Não Vader, não a controvérsias no que eu postei, o que eu postei esta relacionado com as novas descobertas feitas pelos historiadores europeus especialistas em Império Romano. Você precisa entender que nossa visão de Império Romano e mundo bárbaro esteve por séculos, totalmente limitada a ótica romana, e atualmente muitos historiadores europeus especialistas em império romano, estão aos poucos destruindo essa ideia que você mesmo apontou como fatos, de que Roma foi a luz. Roma não era a luz, Roma criou o mito da luz, a alto imagem de Luz, se… Read more »