segunda-feira, agosto 15, 2022

Saab Naval

3º estaleiro perto da confirmação

Destaques

Alexandre Galante
Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O terceiro estaleiro pernambucano começou a ganhar forma. O grupo mineiro Orteng se juntou à Construcap, que já havia manifestado o interesse em construir a fábrica de navios. O martelo só será batido de verdade com o resultado do processo licitatório da Petrobras, em setembro, como adiantou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerra Coelho. “Foi mais uma associação entre grandes empresas para construir mais um estaleiro no Estado. Eles (o grupo) vão fabricar módulos para plataformas e sondas de petróleo”, disse o gestor.

Segundo os últimos dados da indústria paulista Construcap, o empreendimento receberá investimentos na ordem de R$ 200 milhões e ficará em uma área de 40 hectares no Porto de Suape. Cerca de 1,5 mil empregos serão gerados durante a construção e outras sete mil vagas devem ser abertas em meados de 2010, quando iniciar a operação. O terminal marítimo já contempla o Estaleiro Atlântico Sul (EAS), que está em operação, e o Promar, também em fase de instalação.

A questão é saber se o Estado terá mão de obra qualificada suficiente para atender tantos empreendimentos. “Pernambuco está pagando pela falta de investimentos em Educação. Não só no último governo, mas ao longo de anos. Será preciso investir no ensino básico e médio, mas isso não acontecerá em quatro anos. Vai ser resolvido em dez ou 12 anos de investimentos. Podemos dizer que é um problema bom”, defendeu Bezerra Coelho.

FONTE: Folha de Pernambuco(PE), via Portos e Navios

- Advertisement -

8 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Edu Nicácio

Apagão da educação: esse problema não é só de Pernambuco, como do país todo, em especial nas regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte.

O Brasil só vai conseguir crescer 5% ao ano de forma sustentável quando investir em uma ótima formação de base, e difundir por todo o país os cursos técnicos e tecnológicos, além do SENAI…

Falta vontade, ou o que?

camberiu

Como ja havia dito antes, esse e’ um problema FUNDAMENTAL que enquanto nao for resolvido, esse sonho de Brasil potencia NUNCA sera realidade. Fala-se muito do Brasil entrando no seleto clube dos paises que fazem isso ou aquilo, mas enquanto o brasil nao entrar no seleto clube dos paises que tem uma mao-de-obra com o minimo de qualificacao, todos os outros sonhos de grandeza vao ser pura miragem. E para o pessoal que gosta de brincar de PSDB vs PT, esse problema e’ muito mais fundamental e amplo do que Serra vs. Dilma.

luiz otavio

não é off topic:
Pernambuco será sede para Copa 2014 com estádio novo fruto de $$ público, mas faltam escolas, um absurdo.

JOSEF SIMAS Jr.

Gente os dirigentes estao preocupados em encontrar quilombolas e aldeias indigenas… Educacao tecnica e’ secundario…

claudio silva

quem vai criar curso de engenharia naval ou tecnico se a regiao nao tem empresa para trabalhar, aqui em pernambuco falta mas infraestrutura importe profissionais de outros Estados. No Brasil está cheio de profissionais formados e trabalhando em areas diferentes de sua formação, como isso acontece? qualidade das faculdade?

Robson

Poderiam fazer um estaleiro aqui no Tocantins, rsrs

Fuzila

Nesse exato momento o São Paulo está parado no centro da Baía da Guanabara formando uma nuvem negra no céu do Rio de Janeiro …
Off-topic:

Parece que todas as cotas de CO2 preservadas nos últimos 5 anos estão sendo gastas em um dia. rssssssss.

Parece um urso gigante com bafo de 5 anos de hibernação.

Mas como é bonito !!! E como impõe respeito !

O cargueiro ro-ro do lado parece uma lancha …

airacobra

Galante e cia, cade o post falando que o São Paulo finalmente suspendeu?

tirei umas fotos da ponte e com o carro em movimento, ficou longe mas se quiserem usa-las vou mandar pra voces

abraços

Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

Estônia e Finlândia integrarão sistemas de mísseis antinavio costeiros

A Finlândia e a Estônia integrarão sua defesa antinavio costeira, o que permitirá aos países fechar o Golfo da...
Parceiro

- Advertisement -