Home Aviação Naval FOTOS: Terceiro porta-aviões chinês em construção

FOTOS: Terceiro porta-aviões chinês em construção

20952
76

A construção do terceiro porta-aviões chinês – o Type 002 – prossegue no estaleiro Jiangnan da China. As fotos mais recentes mostram a nova instalação de montagem a sudeste do estaleiro existente, com uma grande embarcação sendo construída junto a uma bacia inundável.

Embora os detalhes sobre o Type 002 sejam limitados, o que é observável em Jiangnan é consistente com o que é esperado para o terceiro porta-aviões da Marinha do Exército de Libertação Popular da China (PLA Navy).

A seção de proa mede aproximadamente 22,5 metros de comprimento e afunila de uma largura de aproximadamente 34 metros até aproximadamente 30 metros.

A seção principal do casco é parcialmente escondida por abrigos ambientais montados em trilhos e ferrovias, dificultando a medição precisa de seu comprimento neste momento. A seção principal do casco é, no entanto, de aproximadamente 40 metros de largura (mesma boca dos porta-aviões classe “Kitty Hawk” da Marinha dos EUA).

Também visível na nova instalação de montagem existem várias seções pré-fabricadas. Essas seções são dispostas no solo adjacente ao conjunto do casco e distribuídas na rede viária circundante, que leva à nova instalação de montagem ao sul e sudeste.

Imediatamente ao sul da nova instalação de montagem há uma área semi-alagada, que parece estar em processo de ser convertida em uma bacia inundável para navios. Um canal de lançamento é uma necessidade para qualquer embarcação que esteja sendo construída na nova instalação de montagem.

Vários relatórios não oficiais especulam que o Type 002 com propulsão convencional será maior que seus antecessores e contará com um sistema de lançamento de catapulta eletromagnética. O planejamento é que o novo porta-aviões esteja operacional em 2022.

Maquete do segundo porta-aviões da PLA Navy e o primeiro construído na China (clique nas imagens para ampliar)
Maquete do segundo porta-aviões da PLA Navy e o primeiro construído na China (clique nas imagens para ampliar)
Maquete do terceiro porta-aviões da PLA Navy e segundo construído na China

76
Deixe um comentário

avatar
18 Comment threads
58 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
48 Comment authors
ClaudioFlávio Henriqueeder barbosa dos reis100nick-ElãBueno Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

É meu amigo, o dragão acordou faz tempo e ninguém vai conseguir por ele mais para dormir.

Minuteman
Visitante
Minuteman

Eles precisam comer muito feijão ainda.

US Navy:
– 11 porta-aviões em operação
– 02 em construção
– 02 pedidos em espera

Fora as marinhas aliadas dos Estados Unidos. Daqui uns 40 anos o dragão vê se vai acordar.

Juarez
Visitante
Juarez

Feijão e arroz, pois hoje eles não tem meio grupo de batalha plenamente operacional.

Esteves
Visitante
Esteves

Alguém aqui publicou um comparativo (projeção) para 2050. Em 30 anos a China estará maior. Se foram capazes de reduzir a pobreza absoluta da população de 65% para 6,5% em 30 anos…

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Nesta área a China ainda está bem atrás. Mas até 2030 planejam ter 6 Naes de grande porte. Os americanos terão os 11, pois os encomendados substituirão os mais velhos.
Vai reduzir bastante a distância na área de Naes.
Lembrando que o objetivo não é intervir no mundo todo, mas assegurar a superioridade no mar da China.

Augusto L
Visitante
Augusto L

Terão entre 9 a 13 PAs.

Bosco
Visitante
Bosco

Minuteman,
A USN tem 20 porta-aviões.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Mas 11 são grandes e 9 são médios sem catapultas e levando bem menos aeronaves.
A China planeja 3 ou 4 Type 075 nos próximos anos, além dos Naes de grande porte.
Em 2030 acho que já terão uns 12 contando os grandes e médios.
Estão reduzindo a diferença rapidamente.

filipe
Visitante
filipe

Não seja invejoso Minuteman , a China já é potência a olhos vistos, já não é daqui a 40 anos, 2050 eles vão ser a Marinha com mais navios.

Luís Henrique
Visitante
Luís Henrique

Eles já são a marinha com mais navios.

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

Marinha aliada? quer dizer que os USA se amparam nos outros para ser poderoso? alianças são desfeitas rapidamente, depende do interesse das partes.

sub urbano
Visitante
sub urbano

A Coreia do Sul mesmo não demora muito a mudar de lado…

Alison Lene
Visitante
Alison Lene

China não precisa usar forças de “ocupação” como os americanos. somente defesa.

Chen
Visitante
Chen

Vc supõe que os aliados americanos vão vir ajudar os EUA ??? Mas os aliados chineses vão ficar parados ??? Colega quando todos vieram em auxílio deles será a 3 guerra mundial e todos vamos morrer e ninguém vai vencer . Os EUA e Europa podem ter a maior forca do mundo .mas Rússia e China juntos aniquilam os EUA e a Europa também. Vai sonhando que os outros aliados vão morrer pelos EUA e Europa. Não sobra nada .nada.

Bueno
Visitante
Bueno

O Dragão acordou e esta espreguiçando. Uma hora coloca os pés no chão

Filetti
Visitante
Filetti

A democracia seria o suficiente para abalar esse “dragão “

Dodo
Visitante
Dodo

Erro básico, nem toda civilização entende nosso conceito ocidental de democracia como sendo necessário, pra falar a verdade, creio que é até mesmo impossível governar um país desse porte por meio de uma democracia como nois conhecemos. O fato é que com esse estilo de governo, a China se tornou uma potência em todos os sentidos, e podendo falar com um amigo que teve o privilégio de ir a China a uns 3 anos, posso dizer que os chineses estão bastante satisfeitos com seu modelo político

Mano
Visitante
Mano

Tenho clientes chineses, e os mesmos estão provando de um pouquinho de nosso tipo de democracia, até porque se não fosse abrir o país eles não teriam condições de ser o que estão sendo hj, diga-se de passagem que a tecnologia deles basicamente foi copiada e lógico aprenderam com as cópias, ex. disso basta vc pegar qualquer equipamento eletrônico em sua maioria estará escrito MADE IN CHINA, mão de obra barata.

teropode
Visitante

Principalmente se os Reinos do médio oriente incentivaram os moradores do oeste chinês kkkkkkk

Rafael Coimbra
Visitante
Rafael Coimbra

O dragão acordou com 40 anos de atraso…. se cuidem eles estão começando a fazer porta aviões… kkkk

Bosco
Visitante
Bosco

Sem falar que de acordo com os torcedores chineses e russos os porta-aviões são os maiores alvos que existem .
Os chineses estão ficando loucos investindo em todos os equívocos dos americanos decadentes (tecnologia stealth e porta-aviões).

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

Combate-se fogo com fogo. Igualar-se ao inimigo é o correto.

Kommander
Visitante
Kommander

O certo seria “enquanto isso, o gigante dorme está deitado em berço esplêndido a 500 anos”.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

desde 1889

Dodo
Visitante
Dodo

Atraso em relação a que ? E a quem? Se for pensar dessa forma, os EUA tbm acordaram com 200 anos de atraso em relação às potências europeias que dominavam mundo no início do século 20, o mundo muda, os países mudam e com eles, tbm o jogo de poder. Mas uma coisa é certa, se manter esse ritmo que é de fato impressionante, a marinha chinesa se tornará a mais poderosa em questão de algumas décadas, ouso me arriscar e dizer que até o final de 2030

Leonardo Santos Tarosso
Visitante

Verdade, mas 10 anos atrás China era o pior e mais atrasado país emergente do mundo… Entrou um novo “Imperador”, o tempo se passou e ela compensou 270 anos de atraso tecnológico em apenas 1 década. Hoje apontada em 2° maior economia do planeta, está entre os países com a mais alta taxa de alfabetização (95,1% da população), é o país com o maior poder industrial do mundo, já controla o maior câmbio comercial do mundo, está prestes a destronar a Rússia de sua 2° posição como maior potência Bélgica do mundo em 5 anos. Já possuí a maior marinha… Read more »

Chen
Visitante
Chen

Que papo furado. Quem vai boicotar a China ? O Brasil ? O Brasil boicotaria os EUA ? A China tá enfrentando os EUA . O Brasil enfrentaria os EUA ????
Senta e olhe o espetáculo.

Ironcop
Visitante

Chega de papo furado, a real é que a China vai começar a definhar se essa guerra perdurar.

schneider
Visitante
schneider

Bingo! ironcop. Donald Trump sabe que o crescimento chinês está ancorado no superávit de US 300 bilhões que a China tinha com os EUA. Agora é ver o que vai acontecer. Toda a grande mídia liberal ataca Trump, contudo ele foi o único presidente em décadas a adotar uma postura responsável de defesa do país contra o expansionismo chinês.

Alison Lene
Visitante
Alison Lene

Fico pasmo com essa torcida a favor dos EUA… Eu torço por quem me beneficia. Os EUA nunca fizeram nada pelo Brasil, salvo a CSN em troca das bases na 2ª Guerra… A China nunca ameaçou nossa soberania e investe de forma pesada no Brasil. Aqui mesmo no RN estão ocorrendo essa semana negociações para implantação de um parque eólico no Estado para aproveitar as condições naturais amplamente favoráveis! Coisa que sempre se soube no Brasil e ninguem nunca fez! O que diabos os EUA fizeram pra vcs amarem tanto eles??????? A única coisa que eles fazem e atacar governos… Read more »

filipe
Visitante
filipe

é Triste, todo mundo perde com essa guerra comercial.

100nick-Elã
Visitante
100nick-Elã

Falou, Mãe Diná.

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Despertou e continua rugindo até agora ninguém estava fazendo nada mas parece que os EUA também acordaram e agora começam a pressionar para não deixar tão solto como estavam.

Flávio Henrique
Visitante
Flávio Henrique

Mas tem um país que ela tem medo de competir….que dá sinais de que pode vim a “acordar”….

Ironcop
Visitante

Enquanto isso o gigante dorme.

Esteves
Visitante
Esteves

Sem entender, penso que esses caras vão construindo e montando meios militares usando o que aprenderam no navio anterior. O próximo será maior e melhor. Mais capaz.

Vai de encontro a idéia dos especialistas no PN que defendem a montagem padronizada e repetitiva como fator de redução de custos e preço final. Aqui construiríamos mais do mesmo apostando na escala.

Lá, os chineses copiam mas não se repetem. Avançam.

Bora pra China aprender com eles.

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

Isso é divertido até que a primeira bala saia de seu cano, então as fábricas comessem a ser atacadas e você note que cada um dos seus três navios principais utilizam peças diferentes, feitas em locais diferentes e então eles ficam na doca. A guerra, muito mais do que o equipamento no primeiro dia, se faz da logística dos anos a frente. Padronização é boa para tempos de paz mas IMPRESCINDÍVEL em tempos de guerra.

Flávio Henrique
Visitante
Flávio Henrique

Mais ainda sim tem componentes em comum e após a versão melhorada a antiga é modernizada para o mesmo padrão, ou próximo do novo padrão.

Fernando Turatti
Visitante
Fernando Turatti

sim e não. Óbvio que em casos mais simples isso acontece, mas temos que lembrar que estão fazendo uma versão CATOBAR de um porta-aviões da era soviética. A quantidade de peças intercambiáveis vai cair sensivelmente, assim como a própria tripulação e ala aérea. Não importa o quão grande seja seu país, o pesadelo logístico disso numa guerra seria bem maior que o natural. A questão é que na prática, todos os porta-aviões chineses são e serão por um bom tempo, meros aparelhos para aquisição de doutrina.
“São dois anos para se construir um navio e 200 para uma tradição”

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Quando a nossa indústria naval vai ter capacidade de fazer um Porta Aviões ou um Porta Helicópteros 100% nacional?

Ironcop
Visitante

Primeiro precisamos dominar a tecnologia do canhão de nosso Leopard 1 a5, iniciar a produção e assim restaurar a prontidão da frota, porta aviões nem se faz necessário no momento.

Kommander
Visitante
Kommander

Essa do leopard foi osso. Triste, mas verdade.

Dodo
Visitante
Dodo

Olha teoricamente, poder nos podemos. Basta ter o pedido da marinha e o dinheiro pra bancar, a questão é que no momento a marinha não vê necessidade imediata pra ter um porta aviões, preferindo terminar seus projetos estratégicos atuais( terminar o prosub e os navios de patrulha classe p500). Uma vez terminados eles, aí se analisará a necessidade e possibilidade de se adquirir um PA

Marcos10
Visitante
Marcos10

Quando tirarem da Constituição que tudo tem de ser social. O Estado brasileiro está pendurado em empréstimos para sustentar o socialismo aqui instalado e sem nenhuma capacidade de investimento.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

sou nem a favor sou mais investir em subs diesel-eletrico

Felipe Alberto
Visitante
Felipe Alberto

Já esta sendo construido um submarino nuclear, muito mais útil e letal que um porta-aviões (pelo menos para a defesa)

klebergonzaga1212@gmail.com
Visitante

NUNCA

Alison Lene
Visitante
Alison Lene

Nunca. E se depender do Bozo, nunca mesmo… O cara comemora ser tratado como “Aliado Extra Otan” para ter acesso a armas e tenta acabar com tarifas com EUA… Vai matar o resto da nossa incipiente indústria… É só pensar com logica: se Trump, com seu mercado forte, faz de tudo pra proteger sua economia colocando tarifas nos produtos de fora, pq a gente é que tem de abrir???

Alison Lene
Visitante
Alison Lene

Porta aviões é pra quem quer projetar força… Não é necessário no Brasil…

Hilton
Visitante
Hilton

Sei que sonhar não custa mas o USS Kitty Hawk (CV-63) já foi desmantelado? Mesmo encostado há 10 anos, deve estar mais inteiro que o nosso São Paulo!

Dalton
Visitante
Dalton

O “Kitty Hawk” ainda não foi desmantelado, mas, já foi publicado que será,
ou seja, já deixou de ser um ativo que em caso de necessidade, poderia ser reativado, mesmo que com limitações, isso, uns dois anos atrás quando seu “status” mudou para “stricken” “embora, mesmo antes disso eventualmente tenham saído comentários que não estaria sendo devidamente preservado.

jodreski
Visitante
jodreski

Ta de sacanagem né amigo… uma coisa é sonhar, eu sonho que a MB produza pelo menos 3 Sub Nuc de Ataque, outra coisa é viajar na maionese com um Kitty Hawk. 1- Os EUA já venderam algum Nae nuclear deles pra alguém? Não!, 2- Os EUA venderiam algum Nae ou Sub Nuclear para alguém? Não!, 3- Temos dinheiro para comprar a ala aérea embarcada ou dinheiro para manter um Nae desse tamanho? Não!, 4- Temos escoltas prover proteção a qualquer Nae? Não!, 5- O Kitty Hawk seria capaz de ser reativado e nos prestar serviços por mais uns 30… Read more »

Leonardo Costa da Fonte
Visitante
Leonardo Costa da Fonte

kitty hawk é convencional. No mais, concordo com vc. É melhor alguns sub nucleares do que um porta aviões banguela.

Hélio
Visitante
Hélio

Segundo uns e outros entre soluções de choro, isso não passa de um holograma desses comunistas racionarios.

Gabriel Ferraz
Visitante
Gabriel Ferraz

Creio que a partir do 4 em diante a propulsão será nuclear sem contar que daqui a no mínimo uns 10 anos será operada com caças de 5 geração, é uma estimativa mais creio que conseguem.

teropode
Visitante

Um Type 001 BR encaixaria como uma luvas na MB .

Alex
Visitante
Alex

Por isso que o Brasil não vai para frente!
Não importa a quantidade de porta aviões e sim a quantidade absurda de empregos diretos e indiretos ao qual um estaleiro desta magnitude cria na região e para China como um todo!

El Lion
Visitante
El Lion

Prezados, vejam só. Enquanto o Brasil vende tudo o que tem, a China está aí construindo e consolidando diariamente sua soberania e sua posição como ator-chave na geopolítica internacional. Sabem por quê? Porque lá tem Estado Forte. Vender mineradora, entregar a inteligência em aviação, entregar BR Distribuidora, acabar com BNDES, destruir a construção civil nacional, pra não falar nos ESTALEIROS brasileiros que tiveram a maior parte dos pedidos cancelados…. em nome de bobagem liberal o país joga no mercado seu patrimônio, libera desmatamento selvagem (quem ganha com isso?) se enfraquece a ponto de sair artigo acadêmico especulando sobre uma invasão,… Read more »

Davi
Visitante
Davi

Na China também não há liberdade de expressão, liberdade religiosa, direito de propriedade privada e as crianças meninas são tratadas como animais nas creches.
Mil vezes melhor morar no Brasil que na China.

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

Já moraste na China ou é só achismo? No Brasil temos libertinagem de expressão (fakes a torto e a direita); charlatães abrindo igrejas protestantes em todo buraco do pais e tomando dinheiro dos pobres; e as creches e favelas brasileiras não sõ lá esta grande coisa quando se trata de proteger as crianças. Acorda, até 1959, a China era um depósito de gente pobre, hoje é o pais mais rico do mundo e com o IDH melhor do que o nosso. EM TEMPO: não defendo o comunismo e não desejo isso para o Brasil. Mas a verdade deve ser dita.

Leonardo Santos Tarosso
Visitante

O Brasil deveria aprender com os Chineses a pensar alto também. Deveríamos incentivar a indústria bélica no Brasil, todos os países que investem em armas , evoluem rapidamente a sua infraestrutura, logística, indústrias, escolaridade e nível de pesquisas científicas. Com isso teríamos mais investimento estrangeiro, maior circulação de dinheiro, maior e mais qualificada alfabetização no país, menor número de desemprego e diminuição da criminalidade. Outro fator importante é que “A onça ainda dorme”! Não precisamos de Armas nucleares, mas mísseis de cruzeiro e balísticos sim!, não precisamos de uma Força de dezenas de milhares de aviões, mas uns 4.000 caças… Read more »

Paulo
Visitante
Paulo

Hahahaha.

E o dinheiro viria de onde?

francisco Farias
Visitante
francisco Farias

Da redução de pessoal das forças armadas: Precisa-se acabar com as pensões de filhas solteiras; tratar os que são reformados e passam para a reserva como meros aposentados. E, principalmente, reduzir o efetivos. Não tem cabimento o Brasil possuir 1.600.000l (militares, entre da ativa e da reserva), enquanto a França só tem 300 mil.

Alexandre Esteves
Visitante
Alexandre Esteves

Precisa se atualizar. A pensão para as filhas acabou a quase 2 décadas. Citastes o efetivo da França da ativa para comparar com o do Brasil ( ativa e reserva), que comparação é essa?Compara os gastos militares da França e do Brasil, em relação ao PIB. Aí sim poderá ter um parâmetro lógico para comparação.

Bosco
Visitante
Bosco

Alexandre,
A “pensão” acabou para os novos militares que adentram o serviço militar desde 2000 mas não para os que já implementavam esse sistema. E as tais filhas vão viver por pelo menos mais uns 70 anos.

Demara
Visitante
Demara

É meus amigos… infelizmente o eterno sono do berço esplêndido continua mesmo. Vamos esperar os próximos capítulos das CCT e do prosub é o que temos no momento

Foxtrot
Visitante
Foxtrot

Imagino uma capacidade fabril dessa construindo as CCT,s projeto original do CPN.
Com certeza com o mesmo valor consiguiriamos mais que 4 unidades.
Mas !!!!
Parabéns China .

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Bom eu acho que colocar catapulta eletro-magnética num PA que não é nuclear é um erro, acredito que o consuma de energia é maior, logo o de combustível…. quanto a China ainda não é suficiente para se impor no Pacífico, outro dia os Chineses reclamaram que os Japoneses estavam fazendo subs bons demais.

Rogerio Schneider
Visitante
Rogerio Schneider

O que chama a atenção é a determinação dos povos que buscam sua autoafirmação. O Brasil não possui uma indústria de defesa estabelecida. Quando adquire algum produto, exige transferência tecnológica. Grandes projetos acabam acontecem por interferência estatal com direito à propina. Décadas entram e saem, e o país permanece estacionado. Enquanto isto, nas últimas décadas, asiáticos desenvolveram programas espaciais, passaram a construir jatos, submarinos, foguetes e porta-aviões. A China, quando terminou a segunda Guerra Mundial, era um país pobre. Os comunistas assumiram e pioraram ainda mais as coisas com sucessivos expurgos. Quando o Brasil compra material militar, frequentemente são as… Read more »

Guizmo
Visitante
Guizmo

A China está fazendo avanços incríveis, porém só vai superar a USNAVY se os EUA colapsarem economicamente. O ritmo chinês só alcançará os EUA, SE estes ficarem parados “a ver navios”. Não é o caso, como sabemos. A Classe Ford que o diga

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

O bonito ver o crescimento da China mas o orçamento americano é MUITO maior e eles já estão beeeem na frente na qualidade de seus meios, se a China quiser ultrapassar os EUA em poderio naval precisam no mínimo igualar o orçamento mas isso parece muito distante!

Chen
Visitante
Chen

Não precisa igualar o orçamento. Os chineses compram em ien. Moeda local não precisam pagar em dólares. mas a força dos EUA está no dólar. Se o dólar colapsar. As forcas armadas não terão dinheiro pra desenvolver sua tecnologia com essa facilidade toda pois terão que pagar o déficit que possuem. Os EUA devem agradecer os árabes que ajudaram a ser o que são com os petrodólares.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Ata!

100nick-Elã
Visitante
100nick-Elã

A questão não é se o dólar colapsar, mas quando. Hoje, ainda 60% das transações internacionais são em dólar (antes era quase 100%), e caindo….caindo….caindo….agradeço a Deus todos os dias, por ter a oportunidade de viver para poder assistir a queda dessa Império Maligno, o Império da Mentira e do Caos.

eder barbosa dos reis
Visitante
eder barbosa dos reis

E o Brasil quantos porta aviões o Bozo esta construído ?

Claudio
Visitante
Claudio

Pessoal Respeitem a China, ela tem mais de cinco mil anos de história contemporânea, não é um paiseco , moleque como Estados Unidos que ficam fazendo golpes e contra-golpes mundo a fora, no mais deveríamos nos inspirar e fazer o trabalho de casa e não depender de outros países com acontece hoje, no mais espero que a China cresça mais ainda e o brasileiro acorde e não seja submisso a nenhum país especialmente Estados Unidos com vejo muitos aqui abs.