Home Sistemas de Armas Por dentro do HMS ‘Astute’

Por dentro do HMS ‘Astute’

863
33

Clique nas imagens da galeria para conhecer as instalações  do mais novo submarino nuclear da Royal Navy.

BATE-PAPO ONLINE: Converse com os editores e outros leitores sobre este e outros temas, no ‘Xat’ do Poder Naval, clicando aqui.

33 COMMENTS

  1. Muito lindo, tá limpinho,será que deram um tapinha para fotos?Quando olhei os beliches levei um susto, mas depois olhei melhor e me acalmei,na primeira foto na qual eles aparecem , o beliches que estão em primeiro plano não estão com as barras de contenção instaladas,uma vez viajei em um navio que não existia barras de contenção nos beliches e eu estava no segundo andar, ou seja nem dormi, fora isso não achei o interupitor da lâmpada que estava a menos de um palmo do meu rosto, trauma total! 🙁

  2. Sub Nuc com seção variavel alem das extremidades,será devido ao tamanho do reator?Espaçoso,com bom pe-direito( não sei o nome naval) ,corredor
    largo,ambientes bem iluminados,mais conforto a tripulação,vasto uso de materiais amagneticos,resistentes a corrosão,contatos banhados a ouro
    devido ao ambiente,parabens a Royal Navy pela aquisição,e que venha o
    nosso tambem…

  3. “Estou enganado ou ele não lança bombas nucleares ?”

    Não é um SSBN, então se não houverem Tomahawks c/ ogivas nucleares, não lança bombas nucleares.

  4. O mais interessante é que os bonequinhos da planta tem cores de cabelo diferentes… Mas ainda acho que são clones com acesso a tinturas de cabelo. =P

  5. Galileu…

    vc deve estar referindo-se ao “pump jet”…e o HMS Astute também possui
    apenas não foi mostrado no desenho acima e é dificil ve-lo quando o submarino está emerso como na foto.

    abs

  6. João Augusto disse:
    19 de setembro de 2010 às 0:04

    EURI!!!!!!! AuhaHUHUAhuaHUAhuaHUH
    clones! aUHHUAuhahua

    mas voltando ao sub… parece uma nave mesmo! o desenho é muito louco!

  7. Como o Dalton disse o Astute possui o sistema pump jet
    mas sera que o SNB tera tamben sera intão um primo da classe Barracuda e agora uma pergunta para os amigos o sistema pumpjet compensa o seu preço? que dizem ser um pouco salgadinho rsrsrsrsrs

    abraço a todos

  8. Só eu que percebi ou os Ingleses estão com adotando um design parecido com o projetos dos submarinos russos? Gostaria de uma opinião especializada.

  9. Me pareceu muito espaçoso e confortavel. Nem parece que estao dentro de um submarino. Creio que desta forma seja possivel a tripulacao permanecer durante meses confortavelmente por la.

  10. Uma pergunta tosca, mas ao mesmo tempo uma grande dúvida: Como é feito o sistema de purificação do ar quando submerso, filtros HEPA e carvão ativado?Pergunto porque tenho um amigo no trabalho que se vc colocar num sub desses e não existir um sistema de filtro, os tripulantes não aguentam um dia, o velho é uma fábrica de de bufa!

  11. Caro Joel…

    enquanto não seja capaz de dar uma opinião especializada, não me parecem semelhantes os cascos de um Akula russo e do Astute
    britanico, por exemplo… ambos tem suas caracteristicas proprias, os britanicos usam este tipo de proa por exemplo há decadas e os russos estão usando o “pump jet” pela primeira vez nos seus novos SSBNs Boreis dos quais um ainda está em testes de mar enquanto o missil Bulava ainda necessita mais testes para ter suas falhas corrigidas.

    abs

  12. roberto bozzo

    ele possui muitas vantagens como por expemplo ele pode dar mais manobrilidade ja que utiliza um sistema de empuxo vetorado
    é extremamente eficiente para altas velocidades num Sub isso é importante porque ele almenta a velocidade antes da “cavitação” graças
    ao almento da sua pressão interna dinamica (meio outubro vermelho rsrsrs) e talvez a maior vantagem a redução do ruído resultando em uma baixa assinatura sonar
    resumidamente é isso
    aos amigos do blog abraço

  13. valeu Taurusiano…pela aula sobre o pump jet, vamos esperar que nosso SNB venha a tê-lo, se nãos nos 1os, talvez como MLU, ou nas últimas unidades.

  14. Sobre a pergunta da renovação de ar a bordo: os submarinos nucleares produzem seu próprio oxigênio, através da eletrólise da água do mar. Com o oxigênio que é liberado, mais o emprego de absorvedores de dióxido de carbono (CO2), é possível controlar a qualidade da atmosfera a bordo,
    assegurando a independência do submarino da superfície.

  15. No infografico,o Numero 11,carretel do sonar rebocado,e guincho,o cabo
    fica muito perto da helice,o sistema de propulsão deve ser mesmo diferente
    do mostrado….

  16. Para quem conheceu um Oberon, os ingleses evoluíram muito no quesito habitabilidade, porque até os GUPPYs eram muito mais confortáveis, mais espaçosos, do que os Oberons. Agora, claro, este nuclear que pode ficar mergulhado por quantos dias a guarnição suportar e muito mais moderno sob todos os aspectos tinha que ser mesmo como é. Parabéns aos submarinistas ingleses. Belo submarino.

    Abraços

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here