domingo, janeiro 23, 2022

Saab Naval

Helicóptero Seahawk MH-16 é destaque na festa de 96 anos da Aviação Naval

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Hoje, dia 23 de agosto, o Comando da Força Aeronaval comemorou os 96 anos da Aviação Naval em Cerimônia Militar presidida pelo Ministro da Defesa Celso Amorim e presença do Comandante da Marinha, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto, no Complexo Aeronaval de São Pedro da Aldeia.

Este ano, o evento marcou uma nova etapa para a Marinha do Brasil, quando foram apresentados oficialmente os novos Helicópteros MH-16 “Seahawk”. Na ocasião as aeronaves foram incorporadas ao Primeiro Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino(HS-1).
O evento contou também com desfile militar e de aeronaves da Aviação Naval. Participaram da cerimônia o Comandante da Força Aeronaval, Contra-Almirante Victor Cardoso Gomes, e diversas autoridades civis e militares. Alunos da Escola Carneiro Ribeiro e militares da reserva que ajudaram a escrever a história da Aviação Naval também fizeram parte da comemoração.

O MH-16 “Seahawk”

As aeronaves, que chegaram no dia 30 de julho, no Aeroporto Internacional de Cabo Frio, vieram desmontadas e transportadas por aeronave C-17 da Força Aérea dos EUA.
O MH-16 possui características estruturais e de projeto que lhe conferem maior robustez, resistência e confiabilidade, tais como: redundância dos sistemas de controle de voo e sistemas hidráulicos; e tolerância balística das pás do rotor principal para calibres de até 20 mm. Seus equipamentos aviônicos e sensores são de última geração e podem ser armados com metralhadora lateral, torpedos antissubmarino e míssil antinavio.

Desta forma, serão empregadas em proveito das Forças Navais, na “Amazônia Azul”, com a capacidade de realizar tarefas de detecção, localização, acompanhamento, identificação e ataque a alvos de superfície e submarinos, além de ações de busca e salvamento.

As novas aeronaves irão substituir os SH-3A/B “Seaking”, que por mais de 40 anos prestaram bons serviços à Aviação Naval.

Aviação Naval

A Aviação Naval é composta pelo Comando da Força Aeronaval, sediada em São Pedro da Aldeia, à qual estão subordinadas as seguintes Organizações Militares: Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia (BAeNSPA), Centro de Instrução e Adestramento Aeronaval Almirante José Maria do Amaral Oliveira (CIAAN), Centro de Intendência da Marinha em São Pedro da Aldeia (CeIMSPA), Policlínica Naval de São Pedro da Aldeia (PNSPA) e cinco Esquadrões de Helicópteros e um Esquadrão de Aviões. Há, ainda, três Esquadrões de Helicópteros sediados em Manaus-AM, Ladário-MS e Rio Grande-RS subordinados aos Comandos dos 9°, 6° e 5° Distritos Navais, respectivamente.

Além das missões operativas que realizam com os Fuzileiros Navais ou embarcados nos navios da Esquadra e das Forças Distritais, as aeronaves da Aviação Naval também participam da busca e resgate de náufragos e embarcações em perigo nas áreas sob responsabilidadedo Brasil no Atlântico Sul, fiscalização da navegação aquaviária marítima e fluvial, apoio à Defesa Civil na proteção e redução dos efeitos das calamidades públicas, apoio logístico em campanhas de saúde pública ou apoio a outras instituições públicas como a justiça eleitoral, em processos eleitorais, levando cidadania às comunidades isoladas. Participam, ainda, de importantes projetos nacionais como do Programa Antártico Brasileiro e de assistências médica e odontológica às comunidades ribeirinhas na Região Amazônica e no Pantanal Matogrossense.


- Advertisement -

9 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Guilherme Poggio

Finalmente um helicóptero moderno no nível do que o HS-1 necessitava.

Parabéns para a AvN!

mmmbrandao

Ehhhh bichão bonito!!!

juarezmartinez

Chegou o Heli de “Patrão” dos Marinheiros.Agora vocês vão ver o que é um heli de venrdade de combate, deixem a turma do Hu 2 tira uma casquinha para ver só o que é o bixo, em vez dauela carroça torcedorta de pá…
Parabéns ao aos aviadores navias, estão com o que há de melhor mundo…..

Grande abraço

Giordani RS

EC para desfilar, SeaHawk para trabalhar!

Parabéns à MB!

MO

desfilezinho caro este eim o Evandro …. rssssss o cachet do desfile sai cara pra caramba .. .rsssss

José da Silva

O Sea King não prestou bons serviços na MB e em outras marinhas, prestou “excelentes” serviços, é um ícone, uma lenda, mas uma lenda construída em cima de fatos e realizações.

Deu o que tinha que dar e agora chegou a sua hora.

E assim mais uma vez vai se provando que o projeto “romano” UTTAS e variantes é o que tem de melhor na categoria.

Mauricio R.

Poderia ser melhor (Merlin) mas já está bom demais, afinal a tão celebrada tranqueira francesa comprada a preços aviltantes, pelo MD, p/ tão pouca serventia; não cumpre as missões de que este helicóptero é capaz.
Com o Merlin, poderíamos prescindir de parte da restauração de acervo de museu aeronaval, by Embraer.
Mas nem tdo é perfeito.

jcsleao

Chegaram mais dois ontem no aeroporto de Cabo Frio.

Antonio M

Li, não lembro onde, que os S3 estariam ainda em boas condições e poderiam ser revitalizados/modernizados aqui mesmo no Brasil e serem deslocados para cumprir missões SAR exclusivamente preenchendo uma lacuna importante nesse tipo de missão no país …

Publicidade
- Publicidade -
Parceiro

Últimas Notícias

Irã, Rússia e China realizam exercício naval conjunto no Oceano Índico

O exercício naval conjunto com a participação de forças navais e aerotransportadas da Marinha Iraniana, da Marinha do Corpo...
- Advertisement -