quinta-feira, janeiro 27, 2022

Saab Naval

Egito recusa pedido dos EUA para atacar navio do Irã no Canal de Suez

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Em entrevista às redes de TV Al Arabia e Al-Hayat, o presidente da autoridade responsável pelo Canal de Suez e ex-comandante da Marinha do Egito, vice-almirante Mohab Mamish, disse que os Estados Unidos pediram que a força naval egípcia atacasse uma embarcação com bandeira do Irã que passava pelo Canal, mas o pedido foi recusado.

Segundo Mamish, os EUA afirmavam que o navio transportava armas rumo à Síria, mas não foram apresentadas provas para sustentar a alegação. O vice-almirante descartou a possibilidade de operações militares em Suez, a fim de garantir a segurança na rota marítima de importância global.

Em fevereiro desse ano, navios de guerra iranianos fizeram sua segunda passagem pelo Canal desde a Revolução Islâmica de 1979. A viagem segue a linha proposta pela autoridade iraniana de aumentar a presença do país em alto-mar

Enquanto que o Egito permitiu, até então, que duas flotilhas do Irã navegassem por Suez, o vice-almirante Mamish declarou que o país é reticente em deixar que navios de guerra estadunidenses naveguem pela região.

FONTE: Worldwide Defense

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
- Publicidade -
Parceiro

Últimas Notícias

Construção da primeira fragata classe ‘Tamandaré’ deve começar em setembro

Em 20 de janeiro, na parte da manhã, como parte da Operação “ASPIRANTEX/2022”, o Comandante de Operações Navais, Almirante...
- Advertisement -