Corveta classe “Victory” de Singapura

victory-class-corvette.jpg

O navio da foto é a RSS Vengeance (clicar na imagem para ver os detalhes), corveta da classe “Victory” de 600t de deslocamento, projeto da Fredrich Lürssen Werft alemã para a Marinha Real de Singapura. O primeiro navio foi construído na Alemanha e os outros localmente pela ST Marine.

As “Victory” foram os primeiros navios de Singapura a terem capacidade anti-submarino (elas possuem um sonar de casco Thomson Sintra TSM 2064 e um VDS Salmon) e são facilmente identificáveis pelo seu alto mastro, que não chega a prejudicar suas qualidades marinheiras nas calmas águas da região em que opera. Têm 62m de comprimento, 8,5m de boca, tripulação de 46 homens e atinge a velocidade de 30 nós.

Essas pequenas corvetas são armadas com mísseis antinavio Harpoon, um canhão Oto Melara de 76mm de duplo emprego, dois reparos triplos de torpedos anti-submarino Eurotorp A244-S Mod 3 (equivalente ao Mk.46 americano) e, surpreendemente, mísseis antiaéreos Barak (conhecido como o “Seawolf israelense”) de lançamento vertical (ver foto deles sendo lançados abaixo).

Esse pequenos navios muito bem armados poderiam servir de inspiração para a Marinha do Brasil, que planeja construir dezenas de navios de patrulha para proteger as plataformas de petróleo nacionais.

Não podemos conceber que, em pleno século XXI, e diante das possíveis ameaças exaustivamente estudadas na Escola de Guerra Naval, tenhamos que nos equipar com navios-patrulha armados apenas com canhões de 40mm.

victory-class-corvette-barak.jpg

‘Au revoir’, Normandie: Egito quer FREMM, e quer pra já

FREMM - foto via Marinha Francesa

Segundo jornal francês, fragata já construída para a França e atualmente em provas de mar poderia ser adaptada para entrega […]

‘Embarque’ no NAe São Paulo e nos detalhes de sua modernização

NAe São Paulo - foto 4  Nunão 2011 - Poder Naval - Forças de Defesa

Os textos abaixo, gentilmente compartilhados por Luiz Monteiro, trazem muitas informações detalhadas sobre contrato relativo a consultoria, assessoramento e capacitação […]

DCNS vai assessorar a Marinha do Brasil na modernização do porta-aviões ‘São Paulo’

NAe São Paulo A12

Segundo o Diário Oficial da União, a DCNS irá participar da reforma do NAe São Paulo (A-12). Abaixo, o extrato […]

Reforma de R$ 1 bi em porta-aviões da Marinha pode torná-lo mais lento

NAe-São-Paulo-A12-3

TERESA PEROSA A Marinha reforma o porta-aviões São Paulo. Ao custo de pelo menos R$ 1 bilhão, pretende substituir as […]

Fase de testes avança no Prosub

Odebrecht - Prosub, fase de testes - 1

Seção de Qualificação é transportada para Prédio Principal do Estaleiro de Construção Rio de Janeiro, 25 de novembro de 2014 […]