Home Noticiário Internacional Irã testa mísseis capazes de atacar Israel e bases dos EUA

Irã testa mísseis capazes de atacar Israel e bases dos EUA

388
15

shahab-3.jpg

TEERÃ – O Irã testou nesta quarta-feira, 9, mísseis de médio e longo alcance (a linha tracejada no mapa indica o raio de ação) que podem alcançar Israel e bases militares americanas no Oriente Médio, caso suas instalações nucleares sejam atacadas. Os mísseis foram lançados em manobras que autoridades iranianas afirmaram que eram resposta às ameaças de Israel e dos Estados Unidos, segundo a televisão estatal.

iramissil.gif

O exercício foi realizado próximo ao Estreito de Ormuz, região estratégica por onde passa algo como 40% do petróleo mundial. “Este exercício é para demonstrar a nossa determinação contra os inimigos que recentemente têm ameaçado o Irã com uma linguagem dura”, disse o general Hossein Salami, comandante das forças aéreas da Guarda Revolucionária iraniana (tropa de elite do regime islâmico).

Imagens de televisão mostraram pelo menos três foguetes disparados simultaneamente. Além do míssil Shahab-3, que pesa 15 toneladas e foi projetado para atingir alvos até 2.500 quilômetros, foram testados os mísseis Shahab-2, assim como os modelos Fateh (conquistador) e Zelzal (terremoto), segundo a imprensa oficial. Os testes, que incluíram aviões não tripulados para missões de combate e reconhecimento, aconteceram durante as manobras que a Guarda Revolucionária realiza desde segunda-feira no Golfo Pérsico e no Estreito de Ormuz.

Os EUA têm assinado acordos de cooperação defensiva com todas as monarquias petrolíferas árabes do Golfo Pérsico, e vários desses países abrigam bases militares americanas em seus territórios ou em suas águas jurisdicionais. A Quinta Frota americana, que tem sua principal base no Bahrein, afirmou em repetidas ocasiões que protegerá o Estreito de Ormuz, situado entre Irã e Omã, já que por ali saem diariamente entre 16 milhões e 17 milhões de barris de petróleo para cobrir um terço da demanda mundial.

Texto: http://www.estadao.com.br/

shahab.jpg

Subscribe
Notify of
guest
15 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Baschera
Baschera
12 anos atrás

O dedo está no gatilho…… quem vai atirar primeiro ??
Sds.

Paulo Costa
Paulo Costa
12 anos atrás

Aquela região gasta dinheiro com armas.
Um missil com 1 ton de peso,carrega o que?Não entendi esta.
O scud,que era uma copia melhorada da V-2 alemã,tinha uma
ogiva de ate 1 ton.

König
König
12 anos atrás

1 tonelada acho que deve levar uns 350Kg de ogiva.
se esquentar o clima lá todos nos pagamos diretamente do nosso bolso
Saudações

Santos
Santos
12 anos atrás

Quero mesmo que os EUA e seus aliados se afundem cada vez mais nesse mar de “lama negra” (petróleo) chamado Golfo Pérsico. Só assim estamos nós, “latrinos” americanos salvos (por enquanto).
Os nosso governantes não entendem que estamos “ganhando tempo” com essa cnfusão toda. Ganhando tempo para nos preparar para o pior.
Quando tiverem “se resolvido” com os povos dessa região (graças a Deus que encontraram uma carne de pescoço), irão olhar para nós com toda a fúria!!! É bom que estejamos preparados.

RODRIGO
RODRIGO
12 anos atrás

Por isso que o Brasil precisa ter armas nucleares !!!

konner
konner
12 anos atrás

Se não estou enganado, a V-Frota é capitaniada pelo USS Enterprise (CVN-65)

A base da Quinta Frota, é no Barein, e está a + ou – 278 km da costa iraniana, ela própria estaria ao alcance da nova geração de mísseis iranianos.

Aliás, a US Navy [V-Frota], neste TO de operações do Golfo Pérsico, teria dificuldades em manobrar devido a pouca distância da costa do Irã, ao longo de todo o Golfo Pérsico e até o Mar da Arábia.

Bosco
Bosco
12 anos atrás

Deve ser erro de digitação ou uma informação errada. É impossível na atual tecnologia um míssil com apenas 1 tonelada ter alcance de 2500 kms. Até o ACM, os ALCMs e os Tomahawks pesam 1,5 toneladas e representam o que de mais moderno existe no mundo. E mesmo assim atigem 2500 kms com uma ogiva de menos de 70 kg (nuclear de 200 KT). As versões com ogiva convencional (450 kg) tem alcance máximo de 1800 kms. Isto para mísseis com motores turbo. Se for um míssel balístico ou semibalístico com propulsão a foguete o mínimo necessário seriam umas 8… Read more »

Bosco
Bosco
12 anos atrás

Olhei no google e o Shahab-3 pesa 15 toneladas. A ogiva é que pode pesar cerca de 1000 quilos.

Raimundo
Raimundo
12 anos atrás

À beira de uma guerra ? ================================== Até mesmo o matuto do sertão Percebe ser temerária a decisão Do milenar Irão se indispor com o TIO SAM. Não passa tudo isso De um delírio megalomaníaco Vindo de um líder de um povo sofrido, Já massacrado por Saddam, Que, com armas químicas e canhões, Destroçou multidões. A história se repete, Mudam os homens, mas não as mentes! Mais uma tragédia se avizinha… Quem brinca com fogo se queima Quem brinca com míssil se fulmina. Os americanos se incomodam, Os judeus se revoltam E ao povo iraniano só vai sobrar a COVA!… Read more »

Brazilian Eagle
Brazilian Eagle
12 anos atrás

Se for verdade o que o Irão anunciou, teremos um nôvo membro no conselho permanente de segurança da ONU, muito em breve!

Raphael
Raphael
12 anos atrás

Talvez esteja na hora do E.U.A. parar de limpar as ______ que os paises europeus fizeram. E tambem de parar de defender o interesse europeu.

Raimundo
Raimundo
12 anos atrás

Político Norte-Americano comenta ousadia iraniana:
==================================================
– Muitas bombas são o que os iranianos TEERÃo!
==================================================

Raimundo
Raimundo
12 anos atrás

Só mais uma para descontrair o BLOG:
==============================================================
Um iraniano em visita aos Estados Unidos adentra num estabelecimento de FAST FOOD do McDonald´s, sendo prontamente atendido:
– Qual o seu pedido, senhor?
Ao que o iraniano responde:
– Um McDuplo… Sem (Gás) Mostarda, por favor !!!
==============================================================

Raimundo
Raimundo
12 anos atrás

Gostaria de ressaltar que a menção à rede de Fast Food McDonald´s foi apenas para fazer uma piada sobre os iranianos, sem a intenção de fazer qualquer tipo de crítica à Rede de Fast Food McDonald´s, até porque se eu fosse relacionar as refeições produzidas pelo McDonald´s que são deveras saborosas, teria que citar o cardápio inteiro ! ========================================== Durante a Guerra Irã-Iraque, populações inteiras foram devastadas no território iraniano por armas químicas iraquianas, contendo agentes tóxicos, como por exemplo, o Gás Mostarda, um agente químico vesicante, o qual provoca queimaduras, com formação de bolhas e destruição de tecidos adjacentes.… Read more »

luriam vinicios
10 anos atrás

é ridiculo pensar que uma nação com mais de 300 milhões de individuos
perderia uma guerra para uma naçõa que não tem nem condições de lutar contra Israel..eles dizem q vão deixar tel aviv em chamas se israel atacar o territorio do ira..mas..e o contra ataque israelense?eles(iranianos) paressem que não pensam…depois uma guerra nessa região os paises europeus tambem meteriam o bedelho e ai…