sexta-feira, maio 27, 2022

Saab Naval

Coréia do Sul lança ao mar outro KDX-III

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

yulgok-yi-i-3.jpg

A ROK Navy lançou ao mar hoje seu segundo destróier Aegis da classe KDX-III, o Yulgok Yi I (DDG-992), no estaleiro Daewoo Shipbuilding and Marine Engineering.
O navio desloca 7.600t (mas chega a 10.000t a plena carga), teve sua construção iniciada em novembro de 2006 e sua incorporação deve ocorrer em 2010.
O KDX-III é equipado com radares 3D phased array
AN/SPY-1D (V), capazes de rastrear mais de 1.000 alvos simultâneamente ao redor do navio e permitir o engajamento de até 20 alvos ao mesmo tempo.
Esses destróieres são semelhantes à classe americana “Arleigh Burke” e à japonesa “Atago”, que também utilizam o sistema Aegis e são dotados de propulsão e capacidades parecidas. No entanto, uma diferença notável entre o KDX-III e os “Burkes” é o número de células VLS para os mísseis embarcados. O navio coreano tem uma capacidade de 128 mísseis, contra 96 da classe “Arleigh Burke”.
O
Yulgok Yi I é equipado com um canhão de 127mm Mk.45, um lançador de mísseis antiaéreos de defesa de ponto RAM, um CIWS Goalkeeper de 30mm,  mísseis antiaéreos Standard SM-2 Block IIIB de defesa antiaérea de área, mísseis antinavio SSM-700K Hae Sung (Sea Star), mísseis de cruzeiro Hyunmoo IIIC (semelhantes ao Tomahawk), foguetes anti-submarino K-ASROC (Red Shark) e dois helicópteros Westland Super Lynx Mk.99 (dotados de sonar de profundidade variável e mísseis Sea Skua).

yulgok-yi-i-1.jpg

yulgok-yi-i-2.jpg

- Advertisement -

44 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
44 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wilson Johann

E continuando assim, em breve serão também uma potência militar. Um grande número de submarinos e moderníssimas escoltas de superfície, além de outros navios, transformarão a marinha da Coréia do Sul em uma das maiores e melhores do mundo. Vai encarar?

Abraços a todos!!!

Edilson

se inveja matasse…

Wagner_ASW

Que injevaaaaaaaaaaaaa !!!! rsrsrsrsrsrssrsrsrsrsrsrsrsrsr

Alexandre F.

DEUS… que inveja! Em 4 anos foi planejado, construido, lançado ao mar e em breve será incorporado, estes sim sao prazos ideais, vá sonhar em fazer um deste por aqui? a Barroso muito menor, vide uma corveta, nem Fragata era, imagina um Destroyer? seriam uns 20 anos no minimo, aqui falta COMPROMISSO E SERIEDADE, e tem pessoas que acreditam devemos construir nossas armas, para assim sermos INDEPENDENTES… e se esqueçem de ex: como OSORIO, Barroso e outros MILHARES. Por isso sempre sou a FAVOR da compra de OCASIAO e das PRATELEIRAS, que tanto se fala aqui, infelizmente CONSTRUIR no BRASIL… Read more »

pablo

alguem tem mais info sobre a proposta feita a marinha para que os koreanos modernizarem o arsenal da marinha e ainda a aquisicao de umas 4 KDXII ?!?!?!?!

Douglas

nave soberba.
A oferta coreana trocando 6 KDX II por 4 KDX III, seria o ideal.

Reparem no prazo de construção, novembro de 2006 foi o início!!!!
só dois anos e a supermáquina está montada!!!!!!!!

Corsario-DF

Já estou morto de INVEJA!!!
Mas por que o Brasil precisaria de um navio desse, nossa costa não chega nem aos pés da ENORME costa e mar territorial Sul Coreano, além das grandes reservas de petróleo existentes lá… Nós nem sequer utilizamos o mar para o transporte… Pra que MB???

Esse país é uma piada mesmo…

3 dessas aí já tavam de bom tamanho.

Sds.

Corsario-DF

Percebam que estão construindo outro navio ao fundo, não sei se é outra KDX-III. Isso que é compromisso com Defesa.

ph

Douglas, foi construída tão repidamente por que com certeza dinheiro não faltou.

6 destroiers kd-xIII
10 fragatas no estado arte
10 corvetas no estado arte
10 submarinos…

Quem ia encarar a MB?

Beto

Alquem tem noticias da proposta Koreana ??

Rodrigo

Fora de tema.

http://defesabr.com/Mb/mb_su33.htm

No site existe um artigo completo sobre a utilização do SU-33 no Opalão e que com algumas mudanças ele poderia operar o SU-33.
Além deste artigo existem outro com o F-18, Rafale, SEM e SU-33.

Tirando o SEM algum outro desses pode realmente ser usado no A-12?

Aquilo é fantasia ou realidade?

GustavoB

É a Hyundai que fabrica?

Alfredo_Araujo

Bonito e mto bem armado… mais um goalkeeper só ?? Achei pouco… um navio desse porte deveria ter ao menos dois desses

GustavoB

constrói, melhor dizendo..

pablo

e os vamos de canhoneiras armadas com lanca rojao AT4…

pena que o Brasil ainda nao foi invadido… acho que so sendo invadido pro politicos acordarem, ai sera tarde demais…

Norberto Pontes

Belíssimo navio.

Nunão

Aos que sonham com KDX III por aqui, só um lembrete:

KDX III = Aegis.

Mas se o sonho é KDX III sem Aegis, então é melhor sonhar com KDX II, que já tem deslocmento mais do que suficiente.

E parabéns aos sul-coreanos!

André

Boa observação, Nunão.

Marcelo R

“Mas o Governo do Brasil vai construir um submarino nuclear e toda esta diferença com a Marinha da Coreia vai acabar!!!”
Frase do Dunga. Aquele anãozinho da Branca de Neve!!!

Henrique Sousa

Ao pessoal com mais conhecimento, quando o Brasil estava no auge de sua indústria naval, atingiu um ponto parecido com o atual da Coréia do Sul?

Joao

Aqui esta um grande exemplo a ser seguido pelo Brasil: Construcao iniciada em novembro de 2006 e sua incorporação deve ocorrer em 2010!!!! Se este projeto fosse brasileiro,a coisa seria assim: Construcao iniciada em novembro de 2006 e sua incorporação deve ocorrer (talvez) em 2026. Corsario-DF tem razao com o sarcasmo. Concordo plenamente com seu comentario acima. Muitos vao justificar a nossa incompetencia desta forma: O Brasil e pacifico,nao se pode comparar com outros paises,nao tem inimigos,nao precisa de tanta coisa,etc,etc,etc. Nao foi o mesmo Jobim que disse por exemplo, que o F-35 era “bom demais” para o Brasil? outros… Read more »

Hornet

Não sei se atingiu o mesmo nível, mas guardadas as devidas proporções de tempo e espaço, o Brasil chegou a construir, por exemplo, algumas das Fragatas da classe Niterói e das Corvetas da classe Inhaúma no AMRJ, fizemos as parcerias com Alemanha e Itália, que proporcionou a construção dos subs da classe Tupi e do AMX, que se desdobraram no Tikuna e demais aviões da Embraer…enfim, ainda vivemos, hoje, do que tínhamos nesta época. Depois veio o “buraco negro”, que sugou tudo e não deu continuidade a nada…e agora parece que estamos querendo novamente reativar nossa indústria de defesa. Por… Read more »

Fábio Max

É bom lembrar que eles tem um problema chamado Coreia…do Norte.

Tem que armar até os dentes, para evitar que seu vizinho governado por um ditador anão os ataque, com a ajuda da China.

Fábio Max

Embora isso, não ter inimigos visíveis, não justifique a negligência do Brasil, com nossas Forças Armadas…

Wilson Johann

Os KDX-II já eram naves grandiosas, pelo seu desenho e tamanho. Esses KDX-III então, são magnifícos, não ficam devendo nada aos seus congêneres ocidentais, e penso que são até mais poderosos que as classes equivalentes americanas ou européias. Um pouco mais e poderíamos classificá-los como cruzadores. A marinha coreana é o modelo de marinha que gostaria de ter no Brasil.

Abraços!!!

Hornet

Fábio Max em 14 Nov, 2008 às 16:07

[É bom lembrar que eles tem um problema chamado Coreia…do Norte.]

É, mas do jeito que a coisa está indo acho que a Coréia do Norte é que tem um problema chamado Coréia…do Sul….rs.rs.rs.

abraços

Taer

Isso é que pode-se chamar de “novo em folha”! Belo navio esse KDX III mas acredito que um desses por aqui o Tio San não iria permitir, levando-se em conta os armamentos nele embarcados, certo ou errado?
Sds.

AJS

Caro Taer

Certamente o Tio Sam não deixaria, para “não quebrar o equilíbrio” na América do Sul.

Vassily Zaitsev

Só 128 mísseis????????????????????? Canhão calibre 127mm??????????? Só isso??????

Ai que inveja…………………………..

1000 alvos………………………………

Ai que inveja.

Iuri Korolev

Amigos do blog Vocês devem observar a trajetória da Coréia nos últimos 40 anos. Na década de 60 era um país paupérrimo que só plantava arroz. Na decada de 70, perto do Brasil, a Coreia ainda era um paisinho. Mas investiu pesado em educação Apareceram empresários de peso em alta tecnologia.Não esses plantadores de soja e arrancadores de minério daqui do Brasil. Aqui continua sendo o país do samba, do futebol e do bigbrother. Quando mostram na TV os desfiles de carnaval tenho ganas de destruir o aparelho, mas sempre conseguem me segurar… Quem planta rosa colhe rosa, quem planta… Read more »

Zorann

Concordo com o CORSÁRIO-DF e discordo do MAURO Pra que MB?? Se somos incapazes de manter a atual frota navegando, pra que novos navios?? Pra que novos submarinos?? Não utilizamos nem os 5 submarinos existentes(apenas um é mantido operacional). Nossa frota é uma piada, nossos militares nem doutrina tem (como ter doutrina se não há verbas para manter as atuais tripulações efetivamente treinadas – para isso são necessários verdadeiros e constantes exercícios para tirar do equipamento e dos homens seu maior potencial). A culpa é só dos governantes?? Lógico que não. Quem decidiu comprar o A-12?? Quem decidiu comprar o… Read more »

Iuri Korolev

Caro Zorann

O problema do Brasil é que as instituições públicas são todas umas porcarias.
Sinto muito mas é a realidade.
Tem execeções ?
Não sei. Existem pessoas bem intencionadas mas elas não conseguem fazer nada.
Vide a operação Satiagraha em que o juiz de Sanctis e o delegado Protógenes tiveram coragem e eles é que viraram réus.
Estão sendo punidos.

Mas este não é um blog político.
Falemos de coisas mais amenas como FX e SubNuc …

Sds
Iuri

Zorann

Pode até ser Iuri, mas também é realidade que vivemos num país onde toda a classe política, pessoas realmente influentes no cenário nacional e principalmente a imprensa, têm muitas “mágoas” do período militar. Muitos são ex-guerrilheiros, outros viveram no exílio, outros foram presos e torturados, a imprensa foi sensurada. Todos estes se tornaram inimigos declarados de Forças Armadas bem equipadas e treinadas. Eles acreditam no sucateamento, no enfraquecimento, pois apesar de já se terem passado mais de 20 anos do final da ditadura, eles ainda tem medo. Noticiam repetidamente o fato de soldados terem entregue alguns adolescentes no morro vizinho… Read more »

Iuri Korolev

Realmente Zoran
São as dores do crescimento de uma democracia ainda nascente.
E precisamos educar o povo em larga escala.
Este é o primeiro mandamento.
Gastamos 3% do Pib com educação. Tinha que ser 6%.

Mas as instituições precisam amadurecer ( inclusive as militares), ter mais meritocracia e atrair (e não afastar) os talentos.
Você vê nos EUA o MccCaine, um militar, o Jimmy Carter também é um ex-militar.

Isto para não tomar as decisões equivocadas de longo prazo que tanto são criticadas aqui como p.ex o caso dos submarinos, fragatas,etc.

Sds
Iuri

Alexandre F.

Caro Zorann

Tenho a mesma raiva e angustia que vc, em relaçao a F-47 (Dodsworth), com 8 anos em serviço, e uns safados mandaram para a reserva, mas teimam em gastar com o Contra-Torpedeiro Pará (consome um absurdo) e com o OPALAO (A-12), este desde que veio só deu PREJÚ (financeiro, de tempo e de vidas a MB), uns infelizes, tenho vergonha e nojo dos nossos Almirantes atuais, o ultimo que passou, e entendia foi Mario Cesar Flores.

Zorann

Caro Iuri e Alexandre Temos que nos lembrar que a crise econômica mundial também já chegou por aqui. Não é só a Venezuela que perde com o petróleo a US$50,00. Nós também perdemos e muito. Nessa semana foi noticiado que o Brasil teria que investir 1 trilhão de reais nos próximos 10 anos para tornar viável o Pré-Sal. A Petrobrás já reviu para baixo suas perspectivas de investimentos para os próximos 5 anos. Enquanto a crise se agravava, nossos parlamentares discutiam como seriam divididos os lucros do Pré-Sal. Quanto iria para a educação, pra o “Fundo Soberano”, para a saúde… Read more »

Joao

ZOrann,gostei tanto da tua opiniao,quetomei a liberdade de colocar teu comentario la no meu blog,abrindo assim uma discussao sobre as penurias da MB. Quem quiser comentar,e votar no proximo vetor da FAB,e so ir la…o Rafale e F-18 estao empatando. http://defensesystemsbrasil.blogspot.com/
Abraço…

marujo

Ter forças armadas equivalentes às sul-coreana para mim é querer demais. Sou mais modesto, igual à Espanha já estava bom demais.

Ivan

Iuri e Zorann, Tenho dois pontos a comentar com vcs e com todos os amigos. PRIMEIRO: Política e políticos. No Brasil é difícil? É sim, mas é difícil no Brasil e no Mundo. Os americanos do norte deram 8 anos ao irresponsável e ladrão do G W Bush. Berluscone é uma piada, mas uma piada eleita. Muitos de nós reclamamos neste e em outros fóruns dos políticos com ou sem razão, não importa. O importante é lembrarmos que NÓS os elegemos. É responsabilidade nossa. Certa vez um deputado federal, MEU deputado federal, com meu voto e minha amizade não foi… Read more »

JSilva

GustavoB disse: É a Hyundai que fabrica?

Os principais estaleiros Sul-Coreanos são a Hyundai, Daewoo, Samsung, Hanjin, STX, Mokpo, Jinhae, Samho e uma porrada de outros.

Essa classe esta sendo construída pela Hyundai e pela Daewoo. Você ficou impressionado porque? Pelos carros? 🙂

Excel

Beleza esse navio.
Andei fuçando um dos meus sites coreanos favoritos sobre defesa e achei fotos muito boas sobre este navio. Pra quem estiver interessado segue abaixo o link do site:

http://bemil.chosun.com/brd/view.html?tb=BEMIL085&pn=3&num=114199

Azevedo

Correio Braziliense (da sinopse da Marinha em https://www.mar.mil.br/menu_v/sinopse/2007/sinopse.htm#not31793 ) Coréia oferece navios O presidente da República da Coréia, Lee Myung-bak, chega ao Brasil trazendo na bagagem uma oferta para a Marinha. A Hyundai, que além de montar carros é um dos cinco maiores construtores mundiais de navios, quer construir no Rio de Janeiro quatro destróieres da classe KDX2 — embarcações extremamente bem armadas e equipadas, que deslocam 5.200t — ao custo unitário de US$ 420 milhões. Como atrativo extra, ofereceram a doação de 10 pequenas corvetas da classe Pohang, de 1.200t. São barcos empregados em missões de vigilância, que permitiriam… Read more »

MarceloRJ

Sugiro uma caampnha:
Nossos ilustres deputados e senadores, funcionários exemplares irão fazer trabalho voluntário e em todo o seu mandato, doariam seus pequenos salários e abririam mão de suas regalias para as FA’s serem reaparelhadas. As pensionistas e filhas e etc… de militares(oficiais) que recebem gordas(GGGGG)pensões também iriam seguir o exemplo anterior e entrarem na campanha em prol do pais……
Com a ajuda destes pobres coitados, o orçamento já ficaria 80% livre.E o dinheiro doado pelos politicos daria para reequipar 10 veses qualquer marinha do mundo inclusive a usn….rsrsrsrsrs

HENRIQUE

Se a Coréia aumentar o preço de 420 milhões de dólares a unidade para 1 bilhão de dólares, aí sim terão chance de ganhar esse contrato para a construção das fragatas..rs…
vcs não viram os franceses? helicóptero com preço de avão de caça e submarino com preço de porta-aviões, levaram o contrato….rs…

- Publicidade -
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

GRÁFICO: Marinha Chinesa em 2025

No gráfico abaixo, os principais navios de guerra de superfície da Marinha do Exército de Libertação Popular (PLA Navy),...
- Advertisement -