Home Sistemas de Armas Modernização dos AF-1: contrato assinado

Modernização dos AF-1: contrato assinado

371
41

af-1-vf-1-a-foto-g-wiltgen

Clique aqui e veja a notícia publicada no Blog do Poder Aéreo (juntamente com a notícia da assinatura do contrato de desenvolvimento dos C-390 para a FAB).

FOTO: Guilherme Wiltgen

41
Deixe um comentário

avatar
41 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
31 Comment authors
PAULO SÉRGIO DE LIMAMarco JustinoVan RelsingVassili ZaitsevJosé Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

É isso aí!!!!! Beleza!!!!

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

Bela foto. O bichinho pode ser ultrapassado, mas é bonito né não? Ele modernizado e funcionando serve para mantermos a proficiências dos aviadores navais até chegar ou o Rafale M ou o F-18 ou vcs acham que a Marinha não vai dar uma mordidinha no FX2. O Nae São Paulo vai ser substituído um dia.

RODRIGUES
Visitante
RODRIGUES

Só acho que são poucos. Vão ser modernizado só 12, poderia ser todos os 23 aviões.

Democracia
Visitante
Democracia

Escutem a musica “Aleluia de Handel”, e entenderão como me senti.
PArabens ao pessoal do blog pela rapida apuração da noticia.

Viva a República !!!

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Mas ainda acho que este contrato poderia haver sido licitado.
A MB está cometendo o mesmo equívoco da FAB, ao invéz de adquirir o upgrade no mercado baseado em uma arquitetura comum, vc pode ter as mesmas funcionalidades, simbologia e capacidades mas de um outro fabricante; está se amarrando á Elbit tal qual a FAB.
Além do que quem manja do avião são os israelenses e não a Embraer.
Como no caso do F-5.

jose adelino
Visitante
jose adelino

Os pesimistas que se mordam, mas o governo brasileiro está fazendo muito com o pouco que sobra (Em um pais em que os politicos vivem do “que é dando que se recebe” . o Poder Executivo nem sempre faz o que quer, mas sim o que pode). Navio Polar, subs p/ marinha, FX2, etc,etc.

Marcos T.
Visitante
Marcos T.

Tem algum detalhe do que realmente vai ser feito ???

Marcos T.
Visitante
Marcos T.

Cara, a LAAD ta cheia de boas noticias para o Brasil, tomara que não seja só conversa fiada.
Até fiquei eufórico com essa noticia… que venha mais.

DOUGLAS
Visitante
DOUGLAS

Considerando a responsabilidade que está nas mãos da marinha e o tamanho do atraso tecnológico das nossas forças armadas, acredito que esse tipo de noticia pouco acrescente em mais poder e capcitação a marinha e ao Brasil.

Se esse END for sério e de verdade, precisamos parar de gastar com meios com poucos anos de vida pela frente e de pouco valor militar.

joao terba
Visitante

12 tá ótimo,só para menter o treinamento.

joao vaz bandeira
Visitante

lamntável que não tenha sido pelo menos 18, ficariam 5 para reposição/canibalização.Mas fazer o que?Vamos ter que enfrentar a nossa realidade, e parar de sonhar muito alto.

dumont
Visitante
dumont

Modernizados são vetores interessantes (sera que vão disparar o Derby?) mas não sei se vamos manter a capacidade de operar um PA no futuro… De qq forma são boas novas.

Esdras
Visitante
Esdras

Aleluia irmãos!!!!!!!! vai chover canivete!!!!
Brincadeira a parte, essa é realmente uma boa notícia, mas bem que poderia ser pelos menos uns 15…… a MB queria modernizar só 10 mas acho que a Embraer andou agumentando a falta de viabiliade com poucas células.
E o meu S-2T????????

Bronco
Visitante
Bronco

Alguém sabe exatamente o que compreende o paconte de modernização?

Qual radar? Qual a arquitetura final do cockpit? APU? Gerador de oxigênio? Será possível lançar mísseis anti-navio? ……….

Enfim, alguém sabe o que será revisado e o que será instalado no avião, e quais as características e leque de armamentos da aeronave depois de modernizada?

Galante
Visitante

Bronco, amanhã buscaremos detalhes da modernização dos AF-1. Hoje não tivemos tempo de apurar.

Dalton
Visitante
Dalton

Galante,

já havia perguntado antes, mas nao obtive resposta ainda…

como anda o modfrag ?

abraços

RL
Visitante
RL

Apesar de não ser a favor, tb não sou contra.

Penso que melhor com isso do que sem isso.

Apenas gostaria que o A4, tivesse a mesma avionica do A1, pois parece ser melhor para missões navais do que a do F5EM.

Enfim.

Bronco
Visitante
Bronco

Valeu Galante, muito obrigado!

Fábio Max
Visitante

Bem, não é o ideal, mas é um início.

Penso que 12 aviões estão de bom tamanho, porque é necessário recomeçar praticamente do zero, em termos de qualificação dos aviadores navais.

Clêuber
Visitante
Clêuber

Galante, estou ansioso por suas informações também sobre a modernização dos A-4 e principalmente no tocante a radar, datalink, armamentos.Espero que logo venha o Fx da MB!

Francisco AMX
Visitante
Francisco AMX

que pena… mais dinheiro mal gasto…. Será que o Brasil/marinha não pode ter uns 24 F-18C/D??? vai sobrar no mercado! ou agora os amigos vão me dizer que o A4 modernizado é muito melhor que um F-18C/D! este caça vai operar 5 anos e vai pra banha! escrevam!

Helião
Visitante
Helião

Antes que falem, já me adianto não é pessimismo é realismo. O governo pôs um bode na sala e agora tira o bode, mas do seu jeito, isto é, jogando para a platéia e gritando OLHA O QUE EU TÔ FAZENDO; OLHA COMO EU TÔ TRABALHANDO. Explicando meu ponto de vista: é claro que existe uma mudança em curso e me parece algo muito significativo, mas a pergunta que não quer calar é porque só agora?. E esse caso dos AF1 é exemplar ninguém sabia que eles precisavam de uma modernização a pelo menos 4 anos? Claro que sabiam, e… Read more »

henrique
Visitante
henrique

Avióes e São Paulo deveriam virar sucata, ou melhor, ja são suacatas, falta aposenta-los de vez. A marinha precisa de navios patrulha melhor armados, submarinos, helicopteros multi função e armar melhor as escoltas. O apoio aéreo pode ser feito pela FAB de bases em terra. Quem quer tudo nao tem nada. Porta avião é um luxo que não podemos ter, por prejudicar outras área importantes, como as que mencionei acima. Além disso, porta aviões são muito vulneráveis, ainda mais o nosso que não possui escoltas a altura de uma guerra moderna.

henrique
Visitante
henrique

Quem quer tudo não tem nada, a Marinha quer ter uma força aero naval mas está capenga em todos os sentidos. Não tem submarinos em número suficiente, as escoltas estão velhas e ultrapassadas, não tem número de helicópteros para querra anti submarina em número suficiente (encomendou só 4 Hahahahah), torpedos anti-submaridos ultrapassados. CADA MACACO NO SEU GALHO. Agora vai investir os parcos recursos nessas SUCATAS VOADORAS e na BANHEIRA VELHA chamada SÃO PAULO. E pra que? só pra dizermos que temos um porta aviões? Uma banheira que pode ser facilmente afundada ……..

henrique
Visitante
henrique

CADA MACACO NO SEU GALHO. Do jeito que as coisas estão daqui a pouco a FAB vai querer operar navios também….rsssss Também acho que todos os helicóptes Cougar deveriam ir para o exército, formando regimentos de pronto emprego, daria para formar pelo menos 5 regimentos. O transporte por asas rotativos deveriam ser operados apenas pelo exército, assim como os helicópteros de ataque que são usados como apoio dereto as tropas e Asa fixa apenas pela FAB. Assim temos concentração de forças. Além disso, FAB e a Marinha deveriam ser forças enchutas, com metade do efetivo atual. Isso é possível, a… Read more »

Esdras
Visitante
Esdras

Embraer vai modernizar Marinha e FAB Folha de S. Paulo – 15/04/2009 A Embraer assinou dois contratos militares com a Força Aérea e a Marinha dentro do programa do governo de revitalizar a indústria bélica brasileira. A empresa de aviação vai modernizar 12 caça-bombardeiros A-4 Skyhawk, 9 do modelo AF-1 e 3 dos AF-1A. Serão modernizados o radar, a eletrônica de bordo e o sistema de geração de oxigênio, por um custo de US$ 140 milhões, segundo a Embraer. O outro contrato foi assinado com a Força Aérea para o projeto de um avião de transporte e reabastecimento em voo,… Read more »

Virtualxi
Visitante
Virtualxi

Mais uma vez perde-se tempo, afinal estamos em 2009 e até a modernização final de todas as aeronaves as ameaças de defesa na América Latina serão outras. Embora claro não faça muita diferença um A-4 modernizado ou não, mas considerando que estes passam o maior tempo possível no chão por falta de peças, então a modernização é para bonito ou oque eu acho mais certo para agradar a Embraer e seus acionistas. Nada contra. Agora perde-se tempo que poderia ser gasto adquirindo aeronaves de verdade, russas, recebendo estas e treinando o pessoal para utilização. Até porque já foram oferecidas ao… Read more »

Esdras
Visitante
Esdras

Os A-4 não ficam parados por falta de peças, e sim por falta de $$ para comprar as peças.

Raphael Barros
Visitante
Raphael Barros

Eles preferem comprar aviões VIPs do que reequipar as Forças Armados do nosso país essa é a verdade e fora quando os EUA se metem e proibem o Brasil de comprar os Su-30 e os submarinos Amur.

O Petroleo e a Água estão acabando os gringos já estão de olho no nosso país quero ver quando a coisa feder como vamos defender o Brasil da cede e da ganância das potências-bélicas

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

O Raphael é igual a imprensa em geral: Se voamos o KC-137 chamam de Sucatão, aí a FAB compra o Airbus A319ACJ e chamam de Aerolula. Os Boenigs 737 são os sucatinhas, aí a FAB compra o Embraer 190 e vão ser o que? Aerolulinhas!!! Fica difícil satisfazer este povo.

Raphael Barros
Visitante
Raphael Barros

Marcelo Tadeu

Para que tanto aviões VIPs no inventário da FAB? Só para transportar os oficiais de alta patente e políticos que ganham 20000 reais ao mês.

Enquanto isso os A-4 estão parados, os F-5 só 15 estão mordenizados, O exército não tem defesa anti-aerea decente…. E fora outras coisas.

Cara na moral não vale nem a pena ficar esquentando a cabeça ou discutindo por essa bosta de país.

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Más por que tanta crítica na modernização dos A4KU pela ELBIT. É uma empresa que está sediada no Brasil e portanto podemos nós mesmos, sem PEDIR para outros países, trabalhar o avião com autonomia assim como está sendo feito com os F5-M, A-29 e agora os A1?! Não entendo isso sinceramente. Tudo será feito aqui no BRASIL pessoal! Ou preferem que a MB fizesse como os A4-AR Argentinos? Se algum vai para a manutenção os argentinos são obrigados a esperar peças de reposição da Lockheed Martin!!! É isso que querem? Na boa gente… Estamos integrando nossos equipamentos aqui mesmo e… Read more »

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

FAB compra o Airbus A319ACJ – RAZÕES. Com a compra, o governo estipulou economizar anualmente US$ 5,2 mi em relação ao que gastava com o fretamento de aviões comerciais para longas viagens. O antigo avião apelidado por todo o país de Sucatão tinha ainda o sério inconveniente de sofrer restrição de pouso em muitos aeroportos internacionais, por não mais enquadrar-se na legislação internacional (elevado ruído e poluição dos gases), tendo o governo de pagar multas e sobretaxas, o que constrangia a Republica durante as viagens em virtude da sua defasagem. Segundo a FAB, o gasto com uma viagem no Airbus… Read more »

marujo
Visitante
marujo

Meu comentário a respeito da modernização do A-4, Zero Uno, é por entender que a plataforma é muito antiga, do começo da década de 50 do século passado, e por duvidar de sua validade mesmo em um teatro de operações modesto como o que projetamos para a MB na nossa faixa costeira do AtLântico Sul.

xerxes
Visitante

bem amigos para os que disseram sobre a fab fazer a defesa de costa ou litoral sem o apoio de força aeronaval, imaginem só poderiam atuar até um certo raio de ação e se as forças inimigas se posicionassem fora do alcance de nossos aviões baseados em terra, o que fariamos, ficariamos esperando o inimigo se aproximar para revidar , com o emprego de um porta-aviões( claro, navegando)nossa capacidade de defesa do litoral é muito maior, se ele pode navegar e cumprir sua missão é outro problema.

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

Raphael, Até concordo cque a quantidade de Legacy e ERJ 135 no GTE é alta, mas o FAB 01 é indispensável para um país que pretende demonstrar bandeira lá fora, sem o incoveniente de ter que pousar longe por causa do barulho. Aliás tinha que ser 2 ACJ, sendo um de reserva. E não só tem 15 F-5M e sim 35 dos 43, fora os que estão chegando da Jordânia para modernização. A modernização do A-4 é importante para mantermos a proficiência de voo (sem acento, de acordo com a nova gramática) dos pilotos navaisaté a chegada de um vetor… Read more »

José
Visitante
José

O A4 é realmente um projeto antigo. Mas esses que foram adquiridos pela Marinha estavam com pouquíssimas horas de vôo. Pelas diversas consequências das dificuldades orçamentárias da época, os aviões pouco voaram. Isto significa que ainda tem uma longa vida pela frente. O Skyhawk é um excelente avião, um dos mais utilizados e consagrados no mundo. Diversos países ainda o utilizam e os EUA os utilizavam até pouco tempo como plataforma de treinamento. E na Marinha do Brasil ele servirá como excelente recomeço para aviação de asa fixa embarcada. Devemos lembrar que até dez anos atrás, nós tinhamos o NAel… Read more »

Vassili Zaitsev
Visitante
Vassili Zaitsev

Sou do time que solta rojões para essa notícia.

Quem não tem cão, cassa com gato. Ou melhor, com Skyhawks mesmo.

Sou fã de carteirinha do “Agressor” de Miramar. E os que o Brasil adquiriu ainda tem bastante tempo de vida, pois no Kwait eram sub-utilizados.

abraços.

Van Relsing
Visitante

Tou com vc Vassili Zaitesev

Marco Justino
Visitante
Marco Justino

Buenas, caros amantes da aviação militar – asas fixas e asas rotativas, fico feliz com essa modernização, mas…não é o bastante, precisamos de melhores (diga-se mais mais mortal, mais dessuasivo) vetores de defesa de nossas riquezas marinhas, flora/fauna e agora o “pré-sal”, lembre-se que o “império colonial” norte-americano reativou a quarta armada naval, que atua na américa do sul, com a “desculpa” de ser uma armada com fins humanitários – HUMANITARIOS?????????????com belonaves armadas até os dentes?????, francamente, somos pobres mas não somos idiotas!!!!!! A nossa armada deve adquirir melhores armamentos, com total transferencia de tecnologia, exemplo: misseis mar-mar, ar-mar, mar-ar… Read more »

PAULO SÉRGIO DE LIMA
Visitante
PAULO SÉRGIO DE LIMA

BOM PESSOAL,EU ACREDIDO QUE É UMA BOA OPÇÃO PARA MARINHA BRASILEIRA A MODERNIZAÇÃO DE NOSSOS A4!NO SETOR MILITAR,NEM SEMPRE MODERNIZAR SIGUINIFICA COMPRAR,PODE E DEVE TAMBÉM SIGUINIFICAR MELHORAR O QUE JA SE POSSUI.TODAS AS FORÇAS ARMADAS DO MUNDO FAZEM ISTO:AMERICA- NA,INGLESA,FRANCESA,ISRRAELENSE,RUSSA,CHINESA…ENFIM, TODO MUNDO FAZ.NO MERCADO DE DEFESA TUDO É MUITO CARO.VEJAM O EXEMPLO DOS EUA,ELES PRETENDIAM EQUIPAR SUA FORÇA AÉREA,COM CERCA DE 2500 CAÇAS F-22,MAS,CADA CAÇA DESSES,CUSTA 250 MILHÕES DE DOLARES!FIZERAM AS CONTAS E…DESCOBRIRAM QUE SÓ PODERIAM COMPRAR UNS 250 SÓ,OU SEJA, VÃO TER QUE MODERNIZAR SEUS F-15,F-16,F-18…VEJAM VOCÊS!NÃO VÃO SIMPLESMENTE PODER TROCAR TODA A SUA FROTA POR F-22 OU F-35!!!… Read more »