segunda-feira, janeiro 24, 2022

Saab Naval

À Tripulação da Fragata ‘Constituição’

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Rio de Janeiro, 16 de junho de 2009

Era primeiro de junho, quando minha filha de 6 anos acordou e, como fazia desde o dia 8 de maio, coloriu mais um dia do seu calendário que desenhou para visualizar quantos dias faltavam para a chegada do pai. Com uma carinha repleta de alegria, me disse: “mãe, faltam quatro dias para o papai chegar!!”. Sim, na cabecinha dela, eram só quatro, já que não contava o dia 6, onde já se imaginava nos braços do pai!

Na mesma manhã, fomos todos surpreendidos pelo trágico acidente aéreo que comoveu todo o país, porém, jamais poderia imaginar que esse fato iria, também, influir na minha vida tão diretamente. Confesso que, quando soube que o navio havia sido designado para participar das operações de busca, caí em prantos, sobretudo por pensar nas minhas filhas, mais precisamente na mais velha, e em como iria contar para ela que o pai não chegaria mais em quatro dias, e o pior, que não havia mais previsão. Passados alguns minutos, abstraí o meu sofrimento e pensei imediatamente nas centenas de pessoas que tinham, muito provavelmente, perdido a vida e no imenso sofrimento e angústia dos familiares diante da incerteza do que realmente havia acontecido. A minha dor não poderia ser maior que a deles.

Sentei-a no colo e expliquei-lhe que o papai não iria voltar logo, pois tinha sido escolhido para uma grande missão, que era a de ajudar as pessoas daquele avião. Ela, chorosa, olhou profunda e fixamente para o seu calendário, levantou-se e riscou o tão esperado dia 6, que, além da chegada do pai, seria também o dia da sua festa junina, e falou: “mãe, faltam 4 dias para a minha festa junina!”. Meu coração partiu, mas percebi que ela havia entendido a importância da missão e assim substituiu a tristeza por um grande orgulho do pai.
Ao chegar da escola, contou-me que uma amiguinha havia lhe dito que ela era azarada, porque o pai não voltaria agora, mas também que era sortuda, pois seu pai poderia virar um herói! Achei graça e ao mesmo tempo muito interessante o que essa menina, na ingenuidade dos seus seis anos, vislumbrava.

Contei-lhes toda essa história para chegar a duas palavras, que para mim resumem o sentimento atual de toda a nação: HERÓI e ORGULHO. Não sei se vocês têm a exata dimensão do que esse fato todo representou e repercutiu positivamente para as Forças Armadas e diria eu, mais precisamente para a Marinha. Confesso que ao longo dos anos escutei muitas opiniões injustas e indagações absurdas e ignorantes, no sentido da palavra, a respeito das funções da Marinha num país pacífico e sem guerras, como o Brasil. Infelizmente, foi preciso acontecer um trágico acidente, para que essas pessoas, enfim, conhecessem e reconhecessem a importância da grande e nobre carreira que vocês abraçaram.

Recebi uma grande quantidade de telefonemas e e-mails exaltando o magnífico trabalho de vocês e a palavra que eu mais escutava era: ORGULHO. Orgulho de saber da capacidade da nossa Marinha. Orgulho de ver o esforço, a tenacidade diária. Orgulho de estarem levando alento às famílias de cada Ser Humano resgatado. Orgulho de mostrar à França o potencial operacional de vocês. Orgulho de sermos Brasileiros.

A Fragata “Constituição” caiu “na boca do povo”! Todos se referiam a ela com grande intimidade, como se já a conhecessem há anos, mas o que eles não sabem é que ela é “O URSO”! E vocês fizeram jus a este mascote: foram fortes, bravos e valentes!

Na impossibilidade de me dirigir pessoalmente a cada um de vocês, escrevi esta mensagem para que soubessem que foram impecáveis e souberam superar com brilhantismo todas as adversidades e desafios desta inédita operação, desempenhando com louvor essa grande missão, apesar de terem pesando sobre vocês, o cansaço, a saudade e a distância da família, que já estava tão próxima naquele primeiro de junho.

Não tenham dúvidas que terão muito que contar para seus filhos, parentes, amigos e gerações futuras e que estes o receberão como verdadeiros HERÓIS!

BRAVO ZULU tripulação do Urso! Que Deus os abençoe!

Um grande abraço,

Renata Sertã

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
LOBO DO MAR

Fiquei emocionado com essas homenagens a Fragata Constituição! Ainda trago na memória, em uma manhã fria e chuvosa no porto de Southampton, onde ouve a cerimônia de incorporação da F-42. Eu era um dos mais jovens marinheiros da tripulação. Foi o MN-QSE Campanati quem hastou a bandeira nacional. Quando nos instalamos dentro do navio, nos sentimos em casa. Da cozinha vinha um cheiro de feijão sendo feito. Fazia meses que a gente não comia uma comida tipicamente brasileira. Lembro do cozinheiro CB-CO Martins e do chefe de cozinha SG-CO Expedito. Todos os dois muito gente fina. Só me resta parabenizar… Read more »

Fábio de Souza Bezerra

Gostaria de também registrar a minha gratidão e orgulho de pertencer a este povo e que deste povo tão sofrido e que a cada dia vem provando para si e para o mundo que é capaz de fazer muitas coisas que talvez outros povos tenham dificuldades por sua trajetória durante toda a sua formação mais o que mais me agrada em e que temos instituições como as FA brasileiras , o Corpo de Bombeiros e tantas outras que nos orgulha. Gostaria de registrar a minha emoção chegando as lagrimas e esta carta vem recordar a uma carta publicada neste poder… Read more »

Jorge Luiz Leite

Com certeza bravo Zulu toda tripulação da fragata Contituição, Parabens

Marcelo Brandão

Sra Renata e todos os familiares dos tripulantes envolvidos na missão, me dirijo a vocês primeiro para registrar a gratidão a “seus marinheiros”, muitos nos honra a dedicação e o profissionalismo de todos envolvidos nesta faina… Bravo Zulu!!!
Como cidadão brasileiro, me sinto na obrigação de honrar o espirito marinheiro desses verdadeiros herois que dedicam suas vidas profissionais as forças armadas e muitas vezes não são reconhecidos pelo trabalho que realizam. Pensem nisso Srs como um compromisso na hora de votar e de pensar num Brasil melhor, mais justo e mais forte.
Obrigado Marinha do Brasil!!!!

Vassili

Pessoal,

Nada à falar, senão que fiquei totalmente arrepiado com o depoimento da SRa. Renata, esposa do Capitão da Fragata Constituição.

Essa, com certeza matemática que é um dos maiores alentos na vida de um militar: saber que, mesmo não tendo a recompensa financeira merecída, a família o tem como símbolo de tudo que é bom.

Imaginem a felicidade que esta família fez ou fará quando o Sr. Sertã voltar para o merecido repouso em casa.

abraços.

Colt

Nossos cumprimentos a toda tripulação da Fragata “Constituição” e demais unidades navais pela sua dedicação e pelo trabalho árduo realizado nas buscas e recuperação das vítimas e dos destroços.
Através do Blog Naval, nós brasileiros, acompanhamos diariamente as notícias vindas da área da tragédia e podemos somente imaginar as dificuldades enfrentadas por esses tripulantes.
A todos os militares envolvidos na operação, nosso “muito obrigado!”.

Corsario 01

Orgulho Sra Renata, é o que eu sinto por ter estado ao lado deles na UNITAS GOLD, orgulho é saber que apear de estarem tão perto de rever seus entes queridos, foram escalados pelo destino para esta missão SAR, orgulho é saber que a cada embarque que faço, me encontro com homens preparados para o desafio que é estar no mar. 89 dias fora de casa representando a MB. Isso é dureza e a vida no mar não é menos do que isso: Dureza! Saiba Sra Renata, que apesar de todas as dificuldades que se apresentam no dia a dia… Read more »

Corsario 01

E apenas acrescentando, espero que este ou o próximo Governo, não tenham a FALSA impressão de que os cortes financeiros sofridos SEMPRE serão superados pelo “jeitinho” ou pelo improviso que é muito comum nos brasileiros.

Não há espaço para “jeitinho” e improvisos quando estamos falando de Forças Armadas e de manuseio com equipamentos militares.

Sinceramente espero que tanto a carta da Sra Renata Sertã quanto o meu comentário, não levem aos governantes a FALSA impressão de que SEMPRE nos safaremos.

É preciso Olhar para o Futuro e para isso temos que nos mexer hoje! Já!

AlCar

Emocionante. Sem ufanismo ou exageros, digo que todos os que participaram das atividades na busca e resgate devem se sentir orgulhos pelo que realizaram, pois, a despeito do sacrifício pessoal e da falta de infraestrutura de nossa forças armadas, cumpriram com valor a missão

Marcelo Tadeu

Estou emocionado. Sou civil mas sempre defendi as FA de pessoas que diziam que o Brasil é pacífico e não precisa delas. Esta aí a prova , assim como as tragédias do Maranhão, Santa Catarina, voo 1907, etc. Tb sou pai de uma menina de 7 anos e sei como é o mundinho delas. BRAVO ZULU CONSTITUIÇÃO E VIVA , VIVA, VIVA A MARINHA DO BRASIL!!!!

Joaocuritiba

Falar o que mais? Apenas aplaudo em pé.

Clap, clap, clap.

Cláudio Melo

Renata,

Obrigado por compartilhar conosco.

Gostaria de subscrever os parágrafos atinentes à importância que essa grande operação aeronaval de busca e salvamento representou para as nossas F.A.

E digo mais: dentro do contexto de parceria estratégica que estamos iniciando com os franceses, creio que a demonstação do alto grau de operacionalidade e adestramento dos nossos meios e de nosso pessoal irá repercutir positivamente.

Cláudio Melo.

Callia

Não tenho palavras, estou emocionado , vou simplesmente deixar aqui uma parte de Cisne Branco. “quanta alegria nos traz a volta , a nossa patria do coração , dada por finda nossa derrota , temos cumprido nossa missão , linda galera que em noite apagada vai navegando no mar imenso , nos traz saudade da terra amada da patria minha em que tanto penso” O Agradecimento é para a tripulação da Constituição e de todos os navios envolvidos , mas também para as familias , que os receberam ao fim da derrota , só elas sabem o quanto se sofre… Read more »

Publicidade
- Publicidade -
Parceiro

Últimas Notícias

Dois porta-aviões dos EUA entram no Mar da China Meridional para ‘combater influência maligna’

Dois grupos de porta-aviões dos Estados Unidos entraram no disputado Mar da China Meridional para treinamento, disse o Departamento...
- Advertisement -