HMS ‘Clyde’ causa acidente ambiental na Baía de Guanabara

    152
    0

    Uma falha na válvula de abastecimento de boreste do navio HMS Clyde, uma fragata (*) da Marinha de Guerra da Inglaterra, ocorrida nessa sexta-feira (31), provocou o vazamento de volume estimado em 200 litros de óleo diesel marítimo na Baía de Guanabara.

    Segundo informações do governo do Rio, o vazamento ocorreu por volta das 17h, A embarcação está atracada em frente ao Armazém 13, do Porto do Rio de Janeiro.

    A superintendência de Meio Ambiente da Companhia Docas do Rio de Janeiro providenciou o isolamento imediato do local com barreiras de absorção e acionou a equipe do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), cujos técnicos estão no local monitorando a situação.

    Técnicos do Serviço de Operação de Emergência Ambiental (Sopea), do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) junto com a Superintendência de Meio Ambiente da Companhia Docas promoveram na manhã de hoje vistoria na área para avaliar os impactos ambientais provocados pelo vazamento e definir as medidas que deverão ser tomadas para minimizar seus efeitos.

    O Inea esclareceu que, como o navio é de bandeira estrangeira, a responsabilidade pela aplicação das devidas penalidades pelo incidente caberão ao 1º Distrito Naval da Marinha Brasileira.

    FONTE: Agência Brasil

    (*) NOTA DO BLOG: O HMS Clyde está longe e ser classificado como uma fragata. Ele é designado na Royal Navy como OPV – “offshore patrol vessel”.

    Deixe um comentário

    avatar
      Subscribe  
    Notify of
    Marcelo Ostra
    Visitante
    Marcelo Ostra

    Se o navio estava recebendo óleo, ele já é previamente o causador do acidente ??

    Mod MO

    catraca
    Visitante

    Sem desculpas………multa com recebimento antecipado antes de levantar ferro.
    Fazer lambança no quintal dos outros……é de lascar.

    Angelo Nicolaci
    Visitante
    Angelo Nicolaci

    tem que manter o navio aqui até o pagamento da multa.

    Ricardo
    Visitante

    O HMS Clyde

    https://jecobinplans.com/estore/images/plans/clyde.jpg

    Ele não é uma Fragata, o porte é menor… E interessante tambem..

    Marcelo Ostra
    Visitante
    Marcelo Ostra

    Catraca, quem fez lambança ? o navio rebendo o óleo ou a barcaça fornecendo o óleo ????

    Isso se assemelha a frase “O trem atropelou fulando de tal que estava andando na linha”

    Esperar o inquerito para julgar ….

    Cuidado com os detalhes de operações portuárias …

    Abs
    Mod MO