quinta-feira, maio 26, 2022

Saab Naval

Submarinos: como anda o acordo com a DCNS

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.naval.com.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

vinheta-clipping-naval Os presidentes Lula e Nicolas Sarkozy assinaram com grande pompa em dezembro de 2008 o contrato para a compra de cinco submarinos franceses, um deles de propulsão nuclear. Até hoje, no entanto, nenhum centavo foi repassado para a fabricante DCNS. Depois de muito reclamar, a empresa aceitou receber este ano três parcelas de 500 milhões de euros. Mas o primeiro semestre já vai longe e nada. Para agravar, o Ministério do Planejamento resolveu cortar R$ 2 bilhões do orçamento do Comando da Marinha, que terá apenas metade dos recursos para honrar o pagamento de pessoal e a manutenção de suas unidades.

FONTE: Isto É, via resenha do EB

LEIA TAMBÉM:

- Advertisement -

36 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alex Nogueira

Esse tipo de coisa só se vê mesmo no Brasil, por que não cortam os altos salários e subsidios dos governadores?! Ser militar no Brasil só se for pra ser de alto escalão, pois se for para ser soldado de linha de frente só vai tomar bucha mesmo….

Pelo visto os submarinos só vão chegar depois de 2025….

molleri

O papel aceita tudo! Não é o espetáculo do crescimento como alegam os petralhas, e, sim, o Crescimento do Espetáculo. A propaganda enganosa segue a todo vapor. Ah, as comissões e o caixa dois para a campanha das – mesmas de sempre – empreiteiras, estas estão em dia.

emerson

Coisas estranhas essas notinhas da istoé…. 1) o dinheiro vem de um financiamento externo já aprovado pelo Senado, portanto não tem relação nenhuma com o orçamento da MB 2) os cortes no início do ano são tradicionais. O orçamento aprovado pelo congresso é autorizativo, e por causa das pressões da sociedade, é sempre maior do que a receita. O ministério do planejamento sempre (SEMPRE, e basta ver os jornais desde FHC) fazem um corte nos valores no início do ano, preservando educação, saúde e investimentos. Salários, custeio e gastos militares sempre são cortados. 3) geralmente, no segundo semestre, são autorizados… Read more »

emerson

apenas para mostrar o pau e a cobra, segundo a coluna do próprio Claudio Humberto, o emprestimo foi autorizado pelo senado em setembro do ano passado. mas quero chamar a atenção sobre o consórcio financeiro, reforçando o que falei sobre o orçamento. É como comprar um carro financiado. O banco paga o fabricante e você paga ao banco prestações pelo tempo de vida de uso do bem. Comissão aprova submarino nuclear (Notícia) 01/09/2009 | 15:49 Os senadores da Comissão de Assuntos Econômicos aprovaram nesta terça (1º) a operação de crédito entre o Brasil e um consórcio de instituições financeiras francesas… Read more »

Antonio M

“…fazem um corte nos valores no início do ano, preservando educação, saúde e investimentos…”

Essa piada foi boa! conta outra !!!!!

E engraçado, está tudo certo mas, o pagamento que é bom, o início dos trabalhos nada !!!!!!!

M1

Antes de tudo, quero dar os parabéns às Forças Armadas Do Brasil, pois fazem milagres com os recursos destinados à eles. Sem querer misturar as coisas aqui, pois eu vou comentar sobre compras militares. Ainda querem comprar o caça mais caro… não dá pra acreditar que os “administradores” tenham coragem de fazer isso com o Brasil. Dá pra ver claramente que tem muita coisa errada. O pior de tudo isso é já me disseram que para dar a resposta à esses políticos, eu deveria usar aquela poderosa arma, o voto, mas em quem votar será que tem o menos pior?… Read more »

Patriota

Eu acho que tudo vai acabar em pizza !

Vamo ficar sem submarino , sem escoltas , sem navio multi função , sem porta aviões etc .

Bronco

Ei, mas espera aí… os recuros para alavancagem do projeto (cerca de US$ 3 Bi) não tinham vindo por empréstimo de bancos estrangeiros???

Como o contingenciamento do orçamento da MB pode atrasar o projeto, então?

Acredito que a única coisa capaz de atrasar o projeto de forma significativa é o reator do SNB não ficar pronto até o início de sua construção.

emerson

Caro amigo Antonio, Não irei polemizar com você por detalhes, mas gostaria de convida-lo para buscar nos jornais as noticias sobre os cortes no orçamento no início do ano. Pode parecer piada, mas infelizmente não é. Fosse piada, riríamos até as lágrimas.. mas geralmente chegamos às lágrimas sem passar pelo riso. Em tempos bicudos de eleição, qualquer notinha se torna verdade política e para mim, isso sim cheira a piada. 1) por força constitucional, o orçamento da saúde e da educação são fixos (artigo 212), por isso os valores do orçamento destinados à educação e saúde são preservados. Não é… Read more »

Bronco

Patriota e outros, Nem tudo à terra, nem tudo ao mar. Nem oito nem oitenta. Não sejamos extremamente otimistas a ponto de imaginarmos que um projeto deste tamanho, que inclui construção de instalações e integração de um reator nuclear de projeto novo e nacional a um casco de submarino (que talvez seja o menor nuclear do mundo) não sofrerá atrasos. É óbvio que sofrerá. Mas provavelmente não por problemas de recursos, dado que este tipo de negociação envolve bancos estrangeiros e a aprovação do congresso já passou há quase um ano. E não sejamos pessimistas a ponto de imaginarmos que… Read more »

emerson

Caro Bronco, foi a mesma dúvida que tive, por isso fui atrás de algumas informações, que podem parecer piada, mas são reais. Não há nenhuma relação entre o orçamento da marinha e o financiamento para a construção do submarino. Considerando que a revista Istoé não é muito cuidadosa nas informações militares (não que outras revistas sejam), é óbvio que o jornalista fez uma conta de padaria que no mínimo, é inútil. Para não ter dúvida, cacei uma informação na coluna do Claudio Humberto, que pode ser tudo menos governista, para apoiar meu comentário. Apenas um ajuste, foi um emprestimo de… Read more »

brujhar

Emerson,

Otimos comentários! Não devemos apenas absorver as informações, mais verificar as suas autenticidade.

Abraços

Brujhar

emerson

Caro Brujhar,

um grande abraço.

realmente, a partidarização e politização está prejudicando os blogs

Antonio M

Caro Emerson,

Tudo bem, o que quis dizer que até pode haver orçamento mas, serem gastos preservando educação, saúde e investimentos no sentido correto dessa palavra é outra estória.

Se fossemos avaliar os montantes gastos, teriamos saúde, educação etc. de primeiro mundo, com a carga tributária de quase 50%, mais ou menos igual a países como a Suécia……….

Danilo

Atrasos em cima de atrasos e submarino que é bom acredito que acabaram nem sendo fabricados e se chegar a serem feitos ja estarão obsoletos na data de seu comissionamento a esquadra, isso apenas deixa o Brasil desacreditado no cenario mundial e a tal transferencia de tecnologia nem vai valer a pena, o Brasil ja é capaz de projetar e construir algo nacional e tão bom quanto a dos franceses, mas na dúvida vamos torcer para que os acordos sejam cumpridos a tempo de serem levados adiante pelas partes.

Saudações,

Mauricio R.

É o típico a mão esquerda não sabe o que a mão direita está fazendo. “1) o dinheiro vem de um financiamento externo já aprovado pelo Senado, portanto não tem relação nenhuma com o orçamento da MB…” “5) mas volto a insistir, O financiamento dos submarinos é bancado por financiamento externo e não tem relação com o tesouro nacional…” Considerando que: “…nenhum centavo foi repassado para a fabricante DCNS. Depois de muito reclamar, a empresa aceitou receber…” Então pq a DCNS está reclamando??? Se é que realmente está. “6) por fim, os recursos para a construção do estaleiro tem sido… Read more »

Danilo

Mauricio R. disse:
27 de abril de 2010 às 12:45

”E por um acaso vc está pensando que a Odebrecht é uma DCNS qualquer, p/ ser contrariada???”

Isso é verdade Mauricio, uma empresa como esta construtora não joga para perder não e no brasil ela nunca perdeu, pode ser apenas expeculação de quem quer ver isso tudo dar errado só para prejudicar politicos responsaveis pelo acordo e tambem a maior prejudicada a Marinha e a segurança do país.

Abraços,

Nick

Enquanto o Brasil não efetuar o pagamento desse “sinal”, o Contrato não está efetivo. O que pode se traduzir que o programa ProSUB já está atrasado. Como o MD está com verbas contigenciadas, é provável que esta seja liberada lá para o fim do ano. Projetando, o Contrato vai ficar com quase 1 ano de atraso. É isso?? Será que todo o cronograma terá de ser ajustado, ou as empresas participantes estão trabalhando sem receber????

[]’s

emerson

Olá António, o assunto sobre o orçamento publico (federal, estadual e municipal) é muito legal, mas bastante complicado para comparações rápidas. Eu não me atreveria, mas tem coisas muito bacanas. 1) o PIB do Brasil é da ordem de 2 trilhões de dólares, dando uma renda per capita de 10.000 dólares por ano, ou 17.000 reais. Não é pouco, mas claro, podia ser melhor. Sempre dá. 2) a carga tributária total (federal, estadual e municipal) é aproximadamente 33%, ou cerca de 800 bilhões de dólares. Muito dinheiro. 3) agora que vem os problemas….. o país possui um população de 190… Read more »

Galileu

É até onde eu sei a compra dos subs e dos caças, não está incluso no orçamento das respectivas Forças, mesmo porque não dá….

Mas eu já ouvi, inclusive numa entrevista com o gênio Jobim, que eles não fazem ideia de onde virá a grana pra compra do que foi anunciado, se ele é ministro ganha pra isso e não sabe, quem é que vai saber?? ahahhaha

Galileu

Ahh mais uma coisa, O Jobim não ia sair do cargo agora em abril?? vou mandar um e-mail pra lembrar ele, sabe como é muitas viagens….. é o nosso Amaury Jr..ahahahh

rafaelscheffer

Vale conferir a fonte da noticia. Tem alguma nota oficial da DCNS? Como os colegas apontaram, o dinheiro para o financiamento do projeto não sai diretamente dos orçamentos militares. A questão é: de onde ele vai sair e será que já foi pago? O problema não é criar uma tempestade em copo d’água, mas saber como está sendo encaminhado o programa. O papel aceita tudo, tanto por parte do governo quanto da oposição. E essa discussão sobre orçamento mostra mesmo como a gente não entende como o país funciona. Acho que noção sobre essas coisas tinham que ser dadas na… Read more »

mottaeiras

O contrato com a India vai atrasar 3 anos. Aqui a gente finge que paga e eles fingem q vão cumprir o contrato.

lucas

È emerson muito esquisita esta nota se o brasil não pagou nada ate agora eles (dcn) não iam ficar com essa fala mansa

Fábio  Mayer

Eu quero acreditar nos argumentos do Emerson mas, conhecendo o Brasil, já posso imaginar que não estão honrando contratos firmados com pompa e circunstância em uma visita oficial de mandatário estrangeiro.

Gerson Victorio

emerson meu caro,

parabéns!!!…você faz a diferença…ainda existe luz!!!

Paulo Rick

Srs., Com exceção das obras no Estaleiro, todo o resto do acordo está coberto por empréstimos internacionais, de bancos europeus, assim a DCNS vai receber tudo lá mesmo na França, nós pagaremos o empréstimo conforme o contrato. Quanto ao estaleiro, as verbas estão no Orçamento e sendo executadas, o início das obras estavam aguardando a licença ambiental, que já foi dada, portanto, estão sendo iniciados os preparativos para as mesmas, afinal, existe todo um trabalho de engenharia, geologia antes do inicio efetivo das obras. A notícia da Revista não tem sentido, porém, achar que algum cronograma será 100%, sem nenhum… Read more »

Gerson Victorio

Fala Prick….bom te ver por aqui.

Braziliano

Só para constar. Já perceberam uma “estranha” coincidência que é o mote do governo Lula? Vejam o exemplo da agricultura (é mais fácil de perceber a trama): Coloca um ministro ligado ao agronegócio, mas entrega o INCRA e IBAMA para o pessoal marxista do MST e quejandos. Fala de boca cheia da construção da Usina de Belo Monte. Mas quem ele colocou no IBAMA mesmo? Será que ele está usando o mesmo procedimento na área de defesa? Um discurso para um segmento conservador e nacionalista, mas sem esquecer da tropa de choque marxista, que funciona como uma moeda de troca.… Read more »

emerson

Caro Braziliano, Duas coisas… um pouco de história política e depois um pouco de bom senso. quando Getúlio foi eleito presidente, tinha um nome para o ministério da fazenda, então chamou seu assessor mais próximo e perguntou se um dado economista era amigo ou não daquele que viria a ser seu ministro da fazenda…. – inimigos ferrenhos, um quer o outro morto, disse o assessor. na outra semana, Getúlio nomeou um para a fazenda e o economista para o banco do brasil (que na época fazia o papel de banco central) vendo isso, o assessor correu a perguntar a Getúlio… Read more »

emerson

Quero dizer, que se há algo para criticar o governo Lula, seria sua política cambial, baseada em juros altos e inócuos. Manter uma taxa selic em 8% com uma inflação de 5%, dá um juros real de 4%. Entre os maiores do mundo. Para comparação, o governo americano paga juros de 0.1 a 0.2% ao ano. O pior é que o juros praticados pelos bancos (chamado spread) é de 40, 80 ou até 200% ao ano dependendo do tipo de financiamento (carros, cartão de crédito, cheque especial). OU seja, qualquer aumento na taxa selic afeta em bilhões de reais o… Read more »

emerson

puxa,
peço desculpas ao editor do blog… acho que acabei saindo demais do tema.. Me parece razoável remover meu comentário anterior.

realmente me excedi.

Drcoakroach

A parte financiada dos subs foi de € 4.324.442.181,00 (cerca de 10 bilhoes e 200 milhoes de reais). O financiamento foi feito com juros acima da taxa de mercado, aceitos porque havia transferencia de tecnologia. Mas no Item “III” “b” abaixo, fica claro que jah estava incluido no preco a ToT. E isto eh sobre-preco. Deveria TCU investigar? O parecer do financiamento diz: “Calculou-se que o custo efetivo total do financiamento alcançará 6,354% ao ano (a.a.). Embora maior que o custo de captação do Tesouro Nacional em uma operação semelhante, avaliado em 5,183% a.a., a taxa a ser cobrada foi… Read more »

massa

Emerson, A dívida total nunca foi paga, somente pagamos a dívida contraída com o FMI, sendo que boa parte da dívida externa, mais ou menos 2/3, é de origem privada. Temos ainda uma dívida interna muito maior que a externa onde boa parte dos juros que pagamos é pra financiarem esta maldita dívida, pois todos os anos apesar do superávit primário ainda temos um enorme deficit nominal. A reserva de 240 bilhões de dolares que o Brasil possui é graças a política “inteligente” do governo Lula em vender títulos federais ao mercado financeiro ( tirando reais em circulação ) pagando… Read more »

Nelson Lima

Ah, tá! Será que o contrato com o Rafale seria uma forma de agradar aos franceses, que ainda não viram a cor do dindim? Deixem a FAB se fora disso!

pauloOsso

Corrijam me se eu estiver errado, se a compra do sub nuclear se concretizar essa será a primeira vez que um submarino nuclear será vendido a a outra nação, já que o caso da india foi apenas um “emprestimo”. Não é?

- Publicidade -
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

Navios de guerra britânicos podem ser enviados para quebrar o bloqueio de Putin aos portos do Mar Negro

A Grã-Bretanha está coordenando com seus aliados um plano potencial para enviar navios de guerra ao porto de Odessa,...
- Advertisement -