Home Aviação Naval Exercício Canale 2010

Exercício Canale 2010

102
8

20O Canale é realizado anualmente pela Itália, com a colaboração de Malta, onde uma série de exercícios são desenvolvidos, com a finalidade de melhorar a cooperação e a capacidade operacional da Força Aeronaval, nas operações de Busca e Salvamento Marítimo (SAR), vigilância das áreas marítimas e de controle das rotas de comércio para combater as atividades criminosas e ilegais.

Participa do exercício o Comandante Foscari (P 493), da classe Comandanti, e a sua aeronave orgânica AB-212.

12

17

FONTE e FOTOS: Marina Militare

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luiz Padilha
Luiz Padilha
10 anos atrás

Em breve, numa Base Naval pertinho de vc!

Wiltgen
10 anos atrás

Boa Padilha!

Tito
Tito
10 anos atrás

Isso sim é um patrulha de respeito.
Tomara que venha mesmo.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
10 anos atrás

Impressão minha ou mexeram mais uma vez no design da cúpula “furtiva” do OtoBreda 76/62 SR? Comparar com a torreta das fotos do link abaixo: http://www.marina.difesa.it/unita/foscari.asp É claro que nos detalhes dos tais cantos e ângulos a coisa é mais complexa, mas no geral gostei desse que parece ser um novo desenho justamente por me parecer mais… velho! Me lembrou os velhos reparos singelos de 4,7″ (120mm) dos CTs da Marinha Real na II Guerra Mundial, aqueles que não eram totalmente fechados, obrigando a ter um defletor instalado no convés onde ia o canhão superposto, para proteger a guarnição do… Read more »

Tito
Tito
10 anos atrás

É Nunão, valeu mesmo pelas fotos. hehehe

Vassili
Vassili
10 anos atrás

A MB realmente afirmou a palavra quanto aos 5 “Comandanti”??????? ou ainda é expeculação???????

Excelente patrulheiro oceânico, muito bem equipado para a função: Um OtoBreda 76/SR e um heli para metrancar os piratas somalis…………..rsrsrsrsrsrsrsrsss……

abraços.

Vassili
Vassili
10 anos atrás

Nunão, e os ouvidos da equipagem do canhão inferior, como é que ficavam nessa história???????? e os olhos……. imagino que ardiam um pouco por causa da fumaça………. afinal, num existe até hoje sindicato para integrante de forças armadas…….. nem pode né????????? imagine o Brasil enfrentando uma situação de conflito em nossa fronteira seca……….. o Governo resolve mandar tropas para o local e o sindicato entra em cena: – O Governo se comprometerá que nenhum soldado brasileiro enfrentará situação de risco à vida, em hipótese alguma isso será permitido. Ou assina embaixo, ou a classe inicia greve dentro de 24 horas…………… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Vassili
10 anos atrás

Vassili, Os CTs ingleses do início da II GM ao menos tinham esses reparos semiprotegidos em todos os canhões, para resguardar as guarnições da fúria dos elementos, dos spays de água do mar, disparos de pequeno calibre etc. No caso dos CTs norte-americanos do final dos anos 30, a maioria ainda tinha seus canhões de ré sem nenhuma proteção (apenas o defletor para resguardar a guarnição do canhão do nível do convés da concussão do disparo do canhão superposto). Os nossos Classe M, de projeto norte-americano, e depois os Classe A, de origem inglesa mas com equipamento norte-americano, seguiam esse… Read more »