Home Aviação Naval TOP GUN por um dia

TOP GUN por um dia

1054
85

Poder Naval voa com os Falcões da Marinha

Por Guilherme Wiltgen

Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, 23 de agosto de 2010 as 6:30hs da manhã. Inicia-se mais uma dia a bordo e este muito especial, pois nesta data comemora-se o aniversário de 94 anos da Aviação Naval Brasileira e o dia do Aviador Naval.

Para mim, um pouco mais especial e a muito esperado, planejado e sonhado, pois dentro de poucos minutos, estaria iniciando os meus preparativos para tripular o AF-1A Falcão (TA-4KU Skyhawk II) do 1° Esquadrão de Aviões de Interceptação e Ataque (VF-1) da Marinha do Brasil, avião este que é uma verdadeira lenda na Aviação Naval mundial e que foi escolhido para fazer renascer a tão esperada aviação de asa-fixa de nossa Marinha, sonho de muitos dos “Velhas Águias” que estariam desfilando orgulhosos, durante a cerimônia militar, da qual tive o privilégio de poder participar voando no Falcão durante a apresentação aérea alusiva a data.

O Briefing de solo

Assim que chegamos ao hangar do VF-1, a equipe do Poder Naval composta por Guilherme Wiltgen, Alexandre Galante e Luiz Padilha, foi recepcionada pelo CC Rômulo Sobral, que seria o piloto da “minha” aeronave. Em seguida, fomos conduzidos para a sala de equipamentos de voo, para que eu pudesse iniciar minha preparação, vestindo o macacão de voo, o anti-G e o colete de sobrevivência.

Passada a euforia inicial, já na fase das vestimentas é possível ter uma vaga ideia do que se passa lá em cima no AF-1.

Devidamente equipado, o desconforto é algo que beira uma sensação de pânico, pois é preciso se adaptar ao espaço que sobra até para respirar, sem contar que neste momento, já com o capacete, você tem um adicional de peso de quase 15 Kg, só de equipamentos nescessários a realização do voo em uma aeronave de alta performance.

Em seguida, passamos ao briefing de cabine e de assento ejetor. Neste momento, comecei a entender os riscos envolvidos neste tipo de operação e o que deve ser feito na possibilidade de algo vir a dar errado durante o voo. Toda a instrução é feita a bordo da aeronave, treinada e repetida várias vezes pelo Comte Sobral comigo.

É importante ressaltar que na Aviação Naval, além do alto grau de profissionalismo dos militares envolvidos, a consciência de segurança de voo é  levada muito a sério e está presente no dia-a-dia de todos, desde o Comandante ao marinheiro mais novo.

Passado esta etapa, nos reunimos na Praça d’Armas do Esquadrão para aguardar a chegada dos demais tripulantes para realizarmos o briefing do voo propriamente dito.

O voo no AF-1A N-1022 (Falcão 22)

Durante este briefing é que tomamos conhecimento de todos os dados técnicos do nosso voo, a descrição das manobras que seriam executadas, frequências de rádio, teto e etc…, tendo ainda o CF Fernando Vilela (Imediato do VF-1) me deixado bem a vontade para participar com as informações com relação ao que precisávamos, para que as aeronaves permanecessem em ângulos e posições pré-determinadas e nosso ensaio fotográfico resultasse em imagens de boa qualidade.

As aeronaves destacadas para apresentação aérea no aniversário da Aviação Naval e suas respectivas tripulações foram:

AF-1 N-1011 – CF Fernando Vilela – Líder
AF-1A N-1021 – CC Medeiros e CT (FN) Lamego – 2
AF-1A N-1022 – CC Rômulo Sobral e G. Wiltgen – 3

Encerrado o briefing, a tão esperada hora de guarnecer a aeronave chegou.

Junto com o CC Sobral, caminhamos pelo pátio das aeronaves em direção ao tão esperado encontro com o Falcão 22, que se encontrava nos hangaretes do Esquadrão, onde fui recepcionado pelo CF Fonseca Júnior, Comandante do VF-1, que veio me desejar um bom voo.

Olhar para aquela máquina, que iria me proporcionar nas próximas horas um dos momentos mais incríveis da minha vida, é algo simplesmente indescritível, mas que tentarei trazer a vocês mais a frente.

Após todo o trabalho de me acomodar e prender ao meu assento ejetável SCAPAC IG-3, procedemos ao “starte” dos motores Pratt & Whitney J52-P408. Esse motor é muito comum nos últimos modelos (M/N e alguns F modificados por Israel), porém, os TA-4KU são os únicos Skyhawk biplaces equipados com eles (os TA-4J utilizam a versão Pratt & Whitney J52-P6A).

O J52 é um motor do tipo turbojato, com um compressor duplo de fluxo axial e sem dispositivos de pós-combustão. A esta altura, só conseguia visualizar o Galante e o Padilha, correndo de um lado para o outro, escolhendo a melhor e mais segura posição para registrar este momento histórico do Poder Naval e assim como eu, aquele som altíssimo, parecia música para seus ouvidos também.

Taxiamos até o ponto de espera, para nos posicionarmos na cabeceira da pista 07-25, aguardando a decolagem do Líder e do 02, em frente ao local onde se concentrava as autoridades e o público presente.

Pontualmente às 9h56 iniciamos a nossa decolagem para, em seguida, ser apresentado a tão falada força G, em uma arremetida seguida de uma curva acentuada à esquerda, já senti o que me esperava pelas próximas duas horas.

Ao fim da curva o Falcão 22 já se reunia em formação ao 11 e ao 21, demandando imediatamente para a área Arraial, a fim de aguardar o momento que a Torre Aldeia iria nos chamar para a nossa passagem durante a solenidade.

Enquanto não chegava este momento, passamos para a fase de treino da apresentação, quando em voo, realizamos todos os procedimentos e manobras que iríamos realizar perante o público, na passagem sobre a Macega.

Após a passagem sobre a pista, as três aeronaves simulariam uma perseguição típica de combates aéreos, aí se percebe imediatamente a manobrabilidade do A-4 e é impossível não lembrar do “Maverick” e do “Goose” fugindo desesperadamente com seu F-14 do “Jester”, a bordo de seu A-4 no papel de “Aggressor”.


Todo o nosso treinamento foi realizado a aproximadamente 150 milhas da costa (cerca de 270Km), onde atingimos também o teto de voo FL180 e velocidade de até 450 nós (833km/h).

Encerrada esta etapa e estando tudo na marca para a apresentação, podemos relaxar e nos dedicar a realizar a “Fotex” com o VF-1.

Antes de iniciarmos as fotos, aproveitei este momento muito especial da minha vida, que não podia deixar de compartilhar com a minha esposa Maria Angela e minha filha Thaís, de 2 aninhos, que mesmo não podendo estar na Macega desta vez, pegaram uma carona no voo com o Falcão 22.

Descemos para aproximadamente 300 pés de altitude e começamos a sobrevoar a linda costa da Região do Lagos em direção a Ilha de Cabo Frio, Arraial do Cabo e Búzios, afim de buscar conjugar a imagem dos nossos AF-1/1A com as verdes águas do mar, característica desta área, logo abaixo de nós, num dia que parecia agendado com São Pedro.

A título de informação técnica, segue o nosso metar (Meteorological Aerodrome Reports) do dia do voo:

SBES 231200 06010KT CAVOK 25/17 Q1021

Onde lemos o seguinte:

SBES – Identificação da Estação – SÃO PEDRO DA ALDEIA (RJ)
06010KT – Velocidade e direção do vento sendo, 060 direção de onde sopra o vento e a velocidade de 10KT=10 nós
CAVOK: A palavra CAVOK também é usada quando a visibildade é maior que 10 Km sem nuvens abaixo de 5.000 pés e não há precipitação ou tempestades.
25/17 – Temperatura do ar e temperatura do ponto de orvalho. Ambas as temperaturas estão em graus celsius
Q1021 – Pressão barométrica em hPa (hectopascal)

Terminada a “Fotex”, nos posicionamos orbitando sobre a Lagoa de Araruama, pois se aproximava o momento da apresentação.


Chamado pelo controle Aldeia, nos posicionamos em formatura e realizamos a passagem baixa sobre a pista no sentido 07-25, para em seguida realizar uma arremetida seguida de uma curva acentuada à esquerda, iniciando a perseguição aos outros dois Falcões. Depois, nos posicionamos novamente e de frente para o público, realizamos um “Brake” com uma subida vertical, terminando a manobra com os três caças em formação, entramos no circuito para pouso, sendo a ordem novamente do Falcão 11 (Líder), seguido pelo 21 e pelo o 22, último a pousar as 11:41hs.

O Batismo

Ao retornar do voo, e seguindo as melhores tradições dos pilotos de caça, não escapei do tradicional batismo promovido pelos pilotos e os Plane Captain do VF-1.

Bem fisicamente mas nitidamente cansado após 1:45h de voo, tomei um banho com a água mais gelada da minha vida e ainda atravessei o corredor polonês composto pelos “meus colegas de esquadrilha”, mecânicos de voo e do fogo amigo do Padilha, encerrando este momento maravilhoso, que lembrarei com muito carinho pelo resto da minha vida.

NOTA do EDITOR: Agradecemos ao Comandante da Marinha AE Júlio Soares de Moura Neto, ao CA Faria Alves (Diretor do CCSM), ao CA Liseo (ComForAerNav), ao CF Rogério Miranda (CEM ForAer), CF Fonseca Júnior (Comte. VF-1), ao CF Fernando Vilela (Imediato VF-1), ao CC Rômulo Sobral, grande amigo e meu 1P, CC Medeiros, CT Lamego e todos do VF-1 que não pouparam esforços em nos auxiliar e a Ten. Renata Francisco e D. Anne Figueiredo (SECON ForAer).

A todos o nosso muito obrigado, principalmente pelo privilégio único, de me proporcionar ser um Aviador Naval, justamente na data em que se comemora o seu dia.

BRAVO ZULU FALCÕES!

BATE-PAPO ONLINE: Converse com os editores e outros leitores após as 20:00h, sobre o voo do Poder Naval com os Falcões da Marinha, no ‘Xat’ do Poder Naval, clicando aqui.

APOIO:


Subscribe
Notify of
guest
85 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wellington
Wellington
10 anos atrás

Parabéns, muito boa a matéria. As imagens e o video ficaram ótimos.

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

Sensacional!

Quando chegar em casa vou ler de novo!

Francisco de Bem
Francisco de Bem
10 anos atrás

Um soco na boca do estômago dos que desmerecem a aviação naval brasileira e seus bravos. Excelente reportagem.

Em tempo: esta foto é muito bonita mesmo

http://www.naval.com.br/blog/wp-content/uploads/2010/08/avnaval-202.jpg

Madvad
Madvad
10 anos atrás

parabéns!! Com certeza inesquecível!

Danilo
Danilo
10 anos atrás

AAAAA QUE INVEJA LEVA EU DA PRÓXIMA VEZ !!!!

Parabéns pela experiencia deve ser maravilhoso estar lá em cima a bordo do A-4 Skyhawk, parabens a aviação naval e parabéns ao PODER NAVAL.

Saudações senhores,

Invincible
Invincible
10 anos atrás

Mais uma vez vc´s se superam…

Meus parabéns… vc´s são OS CARAS….

sergio borba
sergio borba
10 anos atrás

Legal o VOO, abordo de um falcão da Marinha, isso me lembra a experiencia que tive de voar a bordo de um f-5 do esquadrão pampa em 2003, afinal não é todo dia que nós civis conseguimos esta façanha de voar numa aeronave de combate.

Giordani RS
Giordani RS
10 anos atrás

Parabéns!
Um momento único! Muito boa a matéria!
E finalmente, quem voou, é alguém do meio, que entende do assunto e não aqueles reporteres fashions, que quando querem voar de caça, inventam uma matéria tão pífia quanto aquela do “cansástico”…

Desmerecer à Aviação Naval nunca! É coisa de néscio!

“É preciso escolher o caminho que não tenha fim, mas sempre caminhar na esperança de encontrá-lo. “

souzat19
souzat19
10 anos atrás

Muito bom, parabéns a todos vcs. Agora é esperar para ver o Guilherme Wiltgen sendo catapultado do A-12.

Sabre
Sabre
10 anos atrás

Aquele tucano estava de visita ao ninho dos falcões?

Luiz Padilha
Luiz Padilha
10 anos atrás

Positivo Sabre.

emilson
emilson
10 anos atrás

parabens, muito bonita a matéria, pra quem dizia qe tinha 2 falcões apenas operacionais ta ai a prova. agora ele nao passar no corredor polones correndo ! um abraço e que inveja…..

Sabre
Sabre
10 anos atrás

Há tem uns xavantes, eles foram emprestados para a marinha manter a proficiência?

Luiz Padilha
Luiz Padilha
Reply to  Sabre
10 anos atrás

A MB mantem alguns pilotos voando em Natal nos Xavantes. Alguns vieram prestigiar os 94 anos da Aviação Naval.

Nick
Nick
10 anos atrás

Parabéns ao Poder Naval ,

Bela matéria, belíssimas fotos …

[]’s

MO
MO
10 anos atrás

wiltigen Há muitos anos atrás meia duza de panacas vibrou muito por conseguir ficar no cais pos visitação publica, naquele momento, humildemente foi um marco para estes panacas Hojem, um dos panacas que vibrou muito naquele momento, pois ea o ápice de nosso então momento naval se sentiu muitisso orgulhoso de ver algo construido ser realizado Hoje, quase 30 anos depois, novamente me orgulho vibro por ver que outro panaca conseguiu algo quase que inimaginavel Pofde ter certeza, que aqui, quietinho, vibrei muito por vc, levando-me as lagrimas, pois o que eu senti 30 anos atrás deve ter sido o… Read more »

Fabio
Fabio
10 anos atrás

Brilhante matéria mesmo…
Só faltou a revista do Poder Naval lá na banca pra eu poder comprar.. rs

Pedro
Pedro
10 anos atrás

Encheu de uma “inveja” boa, a maioria ou quem sabe a totalidade dos que prestigiam o blog. Parabéns. Foda!

Abraços.

Leandro
Leandro
10 anos atrás

Meus parabéns ao “piloto naval” e ao Blog, ótima matéria e que grande feito esse hein!
Ps.: As fotos estão excelentes!

Joao Carlos
Joao Carlos
10 anos atrás

Show de bola

Impressionante como o A-4 ainda é um aviao bonito

justin.case
justin.case
10 anos atrás

Parabéns, Wiltgen”

Este foi um sonho realizado. Certamente outros virão e também trarão alegria.
Parabéns também a toda a equipe e aos comentaristas da trilogia, que permitiram alcançar esta relevância entre os meios especializados em Defesa.
Abraço,

Justin

Vader
10 anos atrás

Parabéns ao Naval e parabéns ao Corsário e aos “coberturas” Galante e Padilha. Realmente fantástica a matéria e o texto. As fotos estão primorosas.

Parabéns à Marinha do Brasil por abrir suas portas e permitir que nós paisanos, através do Poder Naval, tenhamos um contato mais aprofundado com sua aviação.

De fato como não lembrar do Top Gun? 🙂

Pedro
10 anos atrás

Como velha Aguia vibrei e senti a santa inveja
Parabens ao Blog cada vez melhor ! valeu a pena as perdas humanas que vivenciamos pela conquista e saga da Aviação Naval

onde estão os radicais/derrotistas de plantão ?

SCintra
SCintra
10 anos atrás

Wlltgen
A Marinha está com parcos recursos, menos peso da próxima, precisamos economizar! Parabens pelo momento compartilhado c/ vsa. família, isso mostra estrutura, assim como as fotos da Sra. M.Ostra, no passado recente. Sinais de carater.
M.Ostra
“quietinho”?? Nem atrelado à maquina.
Aproveitando, no topo do leme do 1021/22 (os Bi) está instalada uma antena, que não existe no 1011, perceberam. Alguem sabe onde ficam nos monoplaces?
Parabéns a todos e mais informes… estão lentos!!!! nesse quesito.ah!
Palavras de ordem e saudação do blog: “panacas vibram muito”.

Robson
Robson
10 anos atrás

Como diria Sadam Hussein, essa é a mãe de todas a materias.

Parabéns

cto
cto
10 anos atrás

alguem saberia quantos a4 estao disponiveis,e quanto foram p atualizacao?excelente materia

Deivid
Deivid
10 anos atrás

Encrivel,parabens ao poder naval vcs são demais mesmo!!!!
kkkk no video um dos militares estava com uma barra de ferro esperando o Wiltgen kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk e um que esticou o pé para ele cair kkkkkkkkk foi muito legal!!!

(lembranças do poder aéreo): Mas esses caras do poder naval tem uma sorte do CARAmba!!! kkk

Vinicius
10 anos atrás

Parabens a todos Blog Naval Pela Otima Materia !!!!

Gerson Victorio
Gerson Victorio
10 anos atrás

Fantástico!!!…Parabéns ao Blog!!!…ao Wiltgen(cara de sorte!), Padilha e Galante também…excelente trabalho!!

Rubens
Rubens
10 anos atrás

Olá!
Alguém poderia me dizer o nome da música?

Cláudio
Cláudio
10 anos atrás

Parabéns a Marinha por permitir essa matéria.

Creio que 95% das pessoas que acessam o Saite ao criticarem fazem críticas construtivas as Forças Armadas, sendo poucas as críticas destrutivas (desprezíveis).

Esse tipo de matéria, feita por pessoas que querem criticar positivamente (ou seja, sempre para melhorar alguma coisa) é muito prazerosa de se ler.

Nota 10.

Gabriel from reu
Gabriel from reu
10 anos atrás

Por essas e outras esses bravos homens merecem ainda mais reconhecimento, seja moral, social ou financeiro.
Belas imagens!

felipe alberto
felipe alberto
10 anos atrás

“num é brinquedo não”

A cada dia melhor, parabens!

celsors
celsors
10 anos atrás

Fazer o que neh……to aqui roxo de inveja e babando …rsrsrrs sensacional…….para muitos que nao acreditam ai vai a msgn de vcs…..PARABENS…….orgulho de nosso pais, nao esmoreçam.

SDS

David Weber
10 anos atrás

Outstanding (Bravo Zulu) images and video, and our best wishes to the VF-1 Pilots and maintenance crews. The Skyhawk Association is very appreciative of all the information and photos provided to them by our great friends in Brazil, especially Poder Naval at http://www.naval.com.br

Cláudio Melo
Cláudio Melo
10 anos atrás

Muito boa a matéria. Parabéns.

Comecei a me interessar por assuntos militares quando era criança, e sempre me perguntava por que o meu país tinha um navio aeródromo (o Minas Gerais) que só operava aeronaves de asa rotativa. Eu era uma criança e não entendia nada…

Hoje, quando vejo um esquadrão de A4 operacional, apesar de todas as limitações, sinto um orgulho danado.

E, sim, eu também fiquei com inveja do Guilherme.

Grande abraço.

Cláudio Melo.

Cláudio Melo
Cláudio Melo
10 anos atrás

O David Weber me lembrou uma coisa que eu havia esquecido.

Minhas congratulações e sinceros agradecimentos como Brasileiro, (com B maíúsculo, mesmo) aos pilotos e pessoal de manutenção do 1º Esquadrão de Aviões de Inteceptação e Ataque da nossa Marinha.

Senhor Comandante do Esquadrão, parabéns, inclusive pelos 94 anos da Aviãção Naval Brasileira e pelo dia do Aviador Naval.

Cláudio Melo.

Comandante Norberto
Comandante Norberto
10 anos atrás

Guilherme, este teu amigo já havia ficado emocionado no solo, pronto para o desfile dos velhas águias, quando você passou no Falcão… Lendo agora a matéria, vendo o vídeo e as fotos, a emoção foi forte demais e, lágrimas rolaram. Teu trabalho no Poder Naval foi finalmente reconhecido, teu “fogo amigo” foi apreciado e os frutos estão sendo colhidos. BRAVO ZULU!

Fábio Mayer
Fábio Mayer
10 anos atrás

Belo trabalho de reportagem!

poorman
10 anos atrás

Parabéns aos bravos aviadores navais e ao profissionalismo deste blog (o reconhecimento da MB veio nesta ótima oportunidade), faltou só o toque e arremetida no NAe São Paulo (quem sabe no 95º aniversário).

P.S.: Não vejo a hora de ver o AF-1 com a modernização, este painel dá uma dó ….

defourt
defourt
10 anos atrás

Este panaca que vos fala (escreve) também sentiu-se contente! Parabéns realmente! As fotos ficaram impecáveis! Tudo ficou impecável! É incrível, mas esta realização já é um símbolo de mudança no horizonte de um Brasil que precisa ser mostrado, falado e debatido sim! Parabéns ao comandante da Marinha e aos demais militares pela oportunidade de diálogo com a sociedade, diálogo este que permitirá uma relação muito mais produtiva e positiva. E ter levado a foto de sua família, Wiltgen, (da esposa e filha) encheu-me de esperanças por uma sociedade brasileira melhor, mais familiar, mais justa e esperançosa ainda! Este é o… Read more »

Jaguar
Jaguar
10 anos atrás

Parabéns pelo Vôo

Francisco AMX
Francisco AMX
10 anos atrás

“Parabéns ao Naval e parabéns ao Corsário e aos “coberturas” Galante e Padilha. Realmente fantástica a matéria e o texto. As fotos estão primorosas.”

Faço minha suas palavras Vader!

PARABÉNS AO NAVAL!

Eduardo
Eduardo
10 anos atrás

Parabéns!!!!!!!!!!

Joker
Joker
10 anos atrás

Dar os Parabens a toda Equipe da Trilogia!

Agradecer em nome de todos os leitores e comentaristas por essa excelente materia, que nos enche de orgulho!!!

Agradecer a todos da MB e do VF-1 que contribuiram ao sucesso e a realização da mesma!

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

Parabéns, sensacional.
Só uma pergunta. Aos 10:48 aparece um helicóptero. É um CH-47 Chinook? Eu sei que não temos ele aqui, masparece um “frame” de outra filmagem.

Jacubão
10 anos atrás

É…
Lá vamos nós babar o teclado novamente. 😀

Baschera
Baschera
10 anos atrás

Wiltgen e aos amigos do Poder Naval….

Uma das melhores matérias do Blog que já tive a oportunidade de ler e “ver”.

Meus sinceros parabéns !!

PS: Abração ao meu amigo MO….. grande Ostra !!

Sds.

Yasser
Yasser
10 anos atrás

Galante, eles disseram qntos A-4 dos 22 existentes, estão operacionais?

Guilherme Poggio
Reply to  Yasser
10 anos atrás

Yasser disse:

Galante, eles disseram qntos A-4 dos 22 existentes, estão operacionais?

Yasser, essa informação é, digamos, “ultracompartimentalizada”. Mas você pode fazer as suas próprias contas e tirar, por baixo, um número mínimo de aeronaves em condições de voo.

Durante a reportagem três estavam voando. Veja também nas fotos e no vídeo que existem outras aeronaves estacionadas nos hangaretes (só fica na linha de voo quem tem condição de voo) e não se esqueça das aeronaves que estão fazendo os ensaios na Embraer que também estão voando.

Seal
Seal
10 anos atrás

Parabéns aos Falcões da Marinha do Brasil e aos Editores do Poder Naval por realizarem essa proeza.! De perto da pra ver como são imponentes esses A4-Ku no vídeo.Quando estavam no Kuwait tinham o seguinte dizer em inglês: “Liberdade”, e parece que foi isso que vimos neste vídeo. Faz tempo que não lia uma matéria assim! É bom saber que a Aviação Naval da MB está sempre pronta para dar respaldo e apoio aéreo em terra para os Fuzileiros Navais e a Infantaria,como mostra neste link num exercício em Minas Gerais: Este exercício do CFN também serviu para aprimorar a… Read more »

zmun
zmun
10 anos atrás

Muito boa a reportagem!!!

Só uma pergunta para o rapaz que fez o voo:

No local onde geralmente fica o painel do rádio, logo abaixo do HUD, tem um mostrador digital. Esse mostrador seria do Rádio? Foi uma modificação feita no Brasil?

Parabéns pela reportagem!!!