sexta-feira, setembro 17, 2021

Saab Naval

Marinha do Brasil realiza intercâmbio com a Armada Chilena

Destaques

Joker
Estudante de Psicologia, colaborador em Natal-RN do Forças de Defesa.

NSS Felinto Perry - k11

A Marinha do Brasil e a Armada Chilena realizaram intercambio relativo ao mergulho profundo (mais profundo que 50 m). Por ocasião da primeira visita do NSS Felinto Perry a Punta Arenas, o intercambio ocorreu abordo do navio e tinha como objetivo a troca de conhecimento e experiências em mergulho profundo entre a duas marinhas.

Esta atividade foi coordenada pelo Chefe do Departamento de Logística da Terceira Zona Naval Comandante Mauricio Linderman, foi realizada a fim de aumentar o conhecimento sobre o mergulho profundo em profundidades acima 50 metros e uso de misturas de hélio, oxigênio e nitrogênio – aproveitando a nível operacional – a presença do navio em Punta Arenas antes de seu retorno às águas brasileiras.

Assim, o Comandante em Chefe da Terceira Zona Naval, contra-almirante Kurt Hartung, juntamente com a presença de parte de mergulhadores de salvamento, compostas por 12 especialistas em salvaguarda da vida humana no mar e reparação de navios danificados, foram recebidos a bordo pelo Comandante unidade, Comandante Luiz Filipe Queijo, que discutiu as capacidades do NSS.

O “Felinto Perry”, único do seu gênero na América do Sul, é um navio de 77 metros de comprimento e 18 de boca, caracterizada pelo seu convoo e sua capacidade para acomodar até oito mergulhadores em câmara hiperbárica.

O NSS Felinto Perry possui ainda um equipamento de apoio a mergulho, capaz de realizar mergulhos profundos saturados até 300 metros de profundidade, junto com um Sistema de Posicionamento Dinâmico (SPD), que controla automaticamente o leme e hélices dinamicamente de modo a manter a embarcação em relação um ponto de referência.

A exposição contou com a presença do Assessor de Mergulho do Comando de Operações Navais, Comandante Luis Mora, junto com Vice-Chefe do Estado-Maior Geral Planejamento, Comandante José Hernández, que reconheceu a grande experiência e qualificações técnicas de mergulho brasileiras.

Almirante Hartung observou que esta atividade constitui uma troca de técnicas e experiências para manter o pessoal de salvamento atualizados e motivados para dar uma resposta de emergência imediata ao longo da costa do país.

FONTE: Armada Chilena, com adaptação e tradução do Poder Naval.

- Advertisement -

1 COMMENT

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
rcardonam

RT @podernaval: Marinha do Brasil realiza intercambio com a Armada Chilena: A Marinha Brasileira e a Armada Chilena realizaram i… htt …

- Publicidade -

Últimas Notícias

Austrália abandona acordo de submarinos de 56 bilhões de euros com o Naval Group francês

A Austrália decidiu abandonar o acordo de A$ 90 bilhões (€ 56 bilhões) de 12 submarinos convencionais com a...
- Advertisement -