Home Marinha do Brasil Futura bateria de Pantsir da Marinha deverá proteger a nova base de...

Futura bateria de Pantsir da Marinha deverá proteger a nova base de submarinos

959
22

Pantsir S1 - imagem 2 KBP

A informação é de reportagem do G1. As outras duas baterias de Pantsir-S1, de três a serem compradas em contrato previsto para assinatura em 2015, deverão proteger o Palácio do Planalto e órgãos administrativos federais (a do Exército) e o complexo da indústria aeronáutica e de defesa de São José dos Campos (a da Força Aérea). Clique aqui para saber mais, no blog das Forças Terrestres.

22
Deixe um comentário

avatar
21 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
16 Comment authors
AerokickerRonaldo de souza gonçalvesCarlos Alberto SoaresIsrael E S Martinswilton feitosa Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
eduardo.pereira1
Visitante
Member
eduardo.pereira1

Tem que por um trem desse pra proteger a fabrica da Iveco tbm uai sô.

juarezmartinez
Visitante
Member
juarezmartinez

Em breve eles vao ter que colocar uma bateria de Patriots no Ministerio Publico.

Grande abraco

Roberto Bozzo
Visitante
Member
Roberto Bozzo

Eu veria mais lógica ter um sistema de defesa fixo em Itaguai do que este que possui boa molidade. O sistema CAMM, do qual o sea ceptor já foi escolhido pela MB, seria melhor pela comunalidade.
Deixava estas baterias de Pantsir com o EB que precisa desta maior mobilidade.

mdanton
Visitante
mdanton

Lógico que tem de ser o PANTSIR. Nem poderia ser diferente se queremos MESMO proteção contra os “amigos” do projeto subnuc….. O VLS merecia também uma proteção MAIS especial….enfim…não teve.

mdanton
Visitante
mdanton

Como a JBS tá vendendo carne adoidado pra URSS …opss.. Russia…podem se preparar para mais 3 baterias.

thomas_dw
Visitante
Member
thomas_dw

Tem a Banca de Jornal do Seu Augustinho, bem em frente de casa, é uma banca pequena mas muito boa, e o Seu Agostinho é gente fina.

Sei lá, eu nao acho certo que o Seu Agostinho fique desguarnecido, a Banca dele corre o mesmo risco que a nova base de submarinos, bem que um Pantsir poderia ser colocado para defender a banca de Jornais dele , e , de quebra, daria para adaptar ela para um destes novos food truck (é so tirar uns canhoes e misseis e por a cozinha la) – eu acho que ficaria ótimo.

Corsario137
Visitante
Member
Corsario137

A preocupação com a defesa da base se submarinos já foi tema bastante discutido por essas bandas. Bom saber que a base terá alguma proteção. Resta saber se a base contará com redes anti-torpedo, que ao meu ver seria a principal ameaça – ainda que hipotética – a base. Afinal, para o potencial oponente, ele teria que se aproximar do alvo, e o único jeito de fazer isso de forma furtiva é com um submarino.

MO
Membro
Ivan
Membro
Member
Ivan

Acredito que é racional disponibilizar recursos para proteger um ativo importante, mas é importante identificar quais são as ameaças e classificar por importância e urgência. Aceitando a premissa que identifica os potenciais alvos a ser defendido, depois de colocar os mesmo em gradação de valor, cabe um estudo das ameaças. Cabe alguns questionamentos: Qual a localização? (…o mapa mesmo…) Quais são as ameaças? Quem são os potenciais inimigos? Qual a gradação de risco das ameaças elencadas? Dito isso, com relação a nova base de submarinos que ainda está em construção (e no Brasil prazo de construção não é respeitado), entendo… Read more »

Marcos
Visitante
Member
Marcos

E se esse troço se auto explodir, com Base e tudo?
Bom para a empreiteira, que terá de fazer tudo de novo.

Corsario137
Visitante
Member
Corsario137

Ivan,

A única ameaça no séc XXI vinda pelo mar se chama China, minha humilde opinião. É para ela que devemos nos preparar. Não de uma maneira “clássica” mas de mostrar que o Atlântico Sul não será o quintal deles.

Eles sim podem vir pelo mar e “levantar seus periscópios” na altura de Itaguaí.

Sds,
Corsário, o prevenido.

daltonl
Membro
Active Member
daltonl

A maior ameaça poderia ser bem de misseis de cruzeiro semelhantes ao TLAM, lançados de submarinos posicionados a centenas de Kms…é o
método preferido da US Navy. 🙂

Lyw
Visitante
Lyw

Bom, lendo na matéria completa postada no “Forte”, e observando as seguinte citações:

“… o sistema brasileiro que será produzido pela Avibras “não se trata de um concorrente”, mas que poderá ser “complementar“.

“… O presidente da Avibras, Sami Hassuani, informou que a parceria com o consórcio europeu é para um produto destinado à Marinha…”

Imagino que a marinha possa querer usar os dois sistemas juntos, com o Pantsir protegendo a bateria CAMM/AV-MMA da MBDA/Avibrás.

Assim faz mais sentido ter o Pantsir na Base naval.

wilton feitosa
Visitante
wilton feitosa

Senhores,

Sou tolo complete neste terreno, mas todos estão levando em conta ameaças externas …
usamericanus gastaram uma fábula em um devaneio chamado “projeto guerra nas estrelas”…
Porém, o pior golpe já sofrido durante a sua história foi justamente dentro do próprio quintal…
Acho que esta hipótese, mesmo que remota deve ser considerada em algum momento…

Tem maluco pra tudo meus amigos …

Abraços.

Corsario137
Visitante
Member
Corsario137

Não mudando muito de assunto, será que a MB vai querer equipar o Opalão com o Pantsir? Até 2019 da tempo. Afinal eles vão atualizar o sistema de defesa antiaéreo do navio.

juarezmartinez
Visitante
Member
juarezmartinez

Caro Corsario 137, até lá é bem provavel que o SP não esteja mais por estas bandas e o Pantsyr com preço de Patriot não vai passar de um sonho,ou melhor um pesadelo, estamos fazendo agua pela popa e pela proa, e as bombas não estão adiantando, é questão de tempo para o capitão dar ordens de abandonar o navio…..
A propósito , tem gente dentro do Mindef com ligação forte coma Vana que disse que está mais do que na hora de frear os delírios da Marinha…..

Grande abraço

Corsario137
Visitante
Member
Corsario137

Caríssimo Juarez,

Neste país eu não duvido de nada. Se amanhã disserem que vão comprar Migs para segurar o gap da FAB até a chegada dos Gripens, eu não me surpreenderia. Aqui tudo pode.

thomas_dw
Visitante
Member
thomas_dw

estamos comprando o caviar enquanto esta faltando pao com manteiga na nossa mesa.

Israel E S Martins
Visitante
Israel E S Martins

Na minha humilde opinião, deveríamos colocar Pantsir de longo alcance perto de represas, hidroelétricas, e usinas nucleares(angra 1 e 2), pois jogando uma bomba alí, acabou energia elétrica no Brasil…

Carlos Alberto Soares
Visitante

Põe um Gepard também, vai que aparece um maluco com um C 152 cheio de TNT …… rs

E$$e$ Pant$ir devem $er bon$ me$mo, pelo menos é o que diz o Bosco.

Ronaldo de souza gonçalves
Visitante
Ronaldo de souza gonçalves

Poem o pantsir,a Mb compre dos alemaes os guerpard talvez uns 3,lembre-se srs que lá estarão ancourados pelo menos 2, 3 submarinos um ataque bem sucedido poria as Mb de joelho.mesmo com a base espero que não desative as dos subdiesel mais velhos estou falando de dois ancouradouros.E acho que a base de anapolis deverá ter o mesmo cuidado com a defesa antiaérea,pantsir,guepard rbs-70,alguns iglas,canhões de 40mm.radares saber de 200km de alcance.

Aerokicker
Visitante
Aerokicker

Ué, pá de ouro?