Home Marinha do Brasil Ministro Jaques Wagner visita instalações do Programa de Desenvolvimento de Submarinos em...

Ministro Jaques Wagner visita instalações do Programa de Desenvolvimento de Submarinos em Itaguaí (RJ)

560
9
Visita do ministro da Defesa Jaques Wagner ao Estaleiro e Base Naval de Itaguaí - RJ - 1
Visita do ministro da Defesa Jaques Wagner ao Estaleiro e Base Naval de Itaguaí – RJ. Atrás à esquerda, o primeiro S-BR em construção

 

Itaguaí (RJ), 24/02/2015 – O ministro da Defesa, Jaques Wagner, e o comandante da Marinha, almirante Eduardo Bacellar Leal Ferreira, visitaram nesta terça-feira (24) o Estaleiro e Base Naval (EBN) de Itaguaí, 73 km ao sul do Rio de Janeiro. Em sua primeira vez no complexo industrial da Força Naval, Wagner conheceu de perto o andamento do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub). A iniciativa, desenvolvida em parceria com a França, possibilitará a construção do primeiro submarino de propulsão nuclear brasileiro, gerando empregos de alta qualificação e dotando o país de tecnologia de ponta.

Durante a visita, o coordenador-geral do Prosub, almirante Max Roffé Hirschfeld, atualizou o ministro Wagner sobre o andamento e as próximas etapas do projeto. O almirante explicou que, além de assegurar a soberania nacional e a proteção de nossas águas jurisdicionais, o Prosub estimulará a tecnologia nacional de forma determinante.

Jaques Wagner se disse “profundamente orgulhoso” com a evolução do projeto: “Como ministro da Defesa e como brasileiro, estar visitando essa instalação que aponta para o futuro do Brasil, seja no domínio da tecnologia de construção, seja naquilo que vai ser embarcado em um dos submarinos que é a propulsão nuclear, é para mim uma grande alegria”, destacou.

Operários trabalham numa seção do S-BR
Operários trabalham numa seção do S-BR

 

Para Wagner, a importância do Prosub transcende a área militar e a Marinha, tal como o preconizado pela Estratégia Nacional de Defesa. “O que estamos aprendendo aqui com a parceria francesa irá transbordar para muitas indústrias civis. Estamos com um índice de nacionalização bastante significativo, portanto são muitas empresas nacionais que estamos estimulando e até descobrindo, e é uma mão de obra que está se qualificando, da mais simples a mais especializada”, afirmou.

Segundo Hirschfeld, 243 brasileiros já estiveram na França participando do treinamento que viabilizará a transferência de tecnologia para o Brasil. Em função disso, os cinco submarinos previstos pelo Prosub – quatro convencionais e o de propulsão nuclear – serão todos projetados e montados em território nacional.

O almirante detalhou o funcionamento do contrato com os franceses e ressaltou os reflexos da empreitada no estímulo à indústria nacional. Segundo Hirschfeld, apenas na construção da Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas (UFEM) e do EBN, mais de 600 empresas nacionais estiveram envolvidas.

O ministro também conheceu algumas das unidades que compõem o empreendimento, como o galpão da Nuclep (A Nuclebrás Equipamentos Pesados S/A), unidade responsável pelo casco do submarino, e a oficina principal da UFEM, onde será feita a montagem de seções do submarino como anteparas, conveses, tanques, fixadores e peças de penetração no casco.

Na UFEM, o ministro da Defesa e o comandante da Marinha entraram na estrutura metálica já pronta do que será futuramente o primeiro submarino convencional do Prosub, previsto para ser entregue em 2018.

Integraram a comitiva do ministro Jaques Wagner o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), general José Carlos De Nardi, e a secretária-geral do Ministério da Defesa, Eva Chiavon.

FONTE: Ministério da Defesa

9
Deixe um comentário

avatar
7 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
Roberto BozzojoseboscojrWellington GóesKojakMO Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
eparro
Visitante
Member
eparro

Depois dessa “rasgação de seda”, veremos se não será vítima de contingenciamentos futuros.

MO
Membro

Acho que fificilmente a pessoa ja chegaria disparando negativamente, claro ue iria elogiar, falar isso, aquilo e tals, mas quero ver esta suposta boa vontade embasada com que $$$$$ (sem contar a vontade politica)

sei la ..

em tempo

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2015/02/manobras-entre-19-e-2301215.html

13 ships / 19 photos

Kojak
Visitante
Kojak

Bláaaaaaa

vou tomar meu alka seltzer.

Wellington Góes
Visitante
Member
Wellington Góes

Se o projeto parasse estava todo mundo reclamando, se o projeto continua avançando o pessoal reclama do mesmo jeito, vai entender?!

No meu entender, é uma ótima notícia, meio chapa branca é verdade, mas é ótima sim.

Até mais!!! 😉

joseboscojr
Membro
Active Member
joseboscojr

A vida militar tem sido boa para com nossos gordos oficiais.
Benza a Deus!!!

Kojak
Visitante
Kojak

“Benza a Deus!!!”

Deixou de ser ateu ? (rs)

Roberto Bozzo
Visitante
Member
Roberto Bozzo
MO
Membro

É o que falo Bozzo, com noticias frequentes de problemas orçamentários, por mais boavontade que se tenha, como pensar em pro isso, pro aquilo e tals , infelizmente, por mais que haja boa vontade dov Gov (e não há), ta dificil bancar algumacoisa ….

em tempo – com mais fotos e plano 9revisado) =

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2015/02/er-nazire-tczo3-atracando-no-armazem.html

Revisado e com mais fotos adicionadas

Kojak
Visitante
Kojak

“Roberto Bozzo
27 de fevereiro de 2015 at 18:57 #”

Somente este ano ?

Prepare-se !