Home Concursos Marinha do Brasil abre quatro Concursos Públicos para Cursos de Formação de...

Marinha do Brasil abre quatro Concursos Públicos para Cursos de Formação de Oficiais

2167
2

Marinha_do_Brasil-logoNovas oportunidades estão disponíveis na Marinha do Brasil, por meio da realização de quatro Concursos Públicos para o Curso de Formação de Oficiais (CFO), com 91 vagas no total.

A partir desta segunda-feira (11), você pode se inscrever para os certames destinados às áreas e funções relacionadas abaixo:

  • Corpo de Saúde de Marinha (CSM – S): Enfermagem (4), Farmácia (4), Fisioterapia (1), Fonoaudiologia (1), Nutrição (1) e Psicologia (1);
  • Quadro de Capelães Navais (CapNav): Sacerdote da Igreja Apostólica Romana (4), Pastor da Igreja Assembléia de Deus (1) e Batista (1);
  • Quadro de Cirurgiões-dentistas (CSM – CD): Cirurgia e Traumatologia Buco-maxilo-facial (2), Dentística (1), Endodontia (1), Implantodontia (2), Odontopediatria (1), Ortodontia (1), Patologia Bucal e Estomatologia (2), Periodontia (1) e Radiologia (2).
    Nestes casos, o Curso será realizado no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), na cidade do Rio de Janeiro – RJ, e a taxa de participação em cada Concurso é de R$ 60,00, a ser pago via boleto ou débito em conta corrente.
  • Corpo de Engenheiros da Marinha (CEM): 60 vagas, para as profissões nas áreas de Arquitetura e Urbanismo (1), e Engenharia nas especialidades de Cartográfica (3), Civil (4), Materiais (1), Produção (2), Sistemas de Computação (2), Telecomunicações (3), Elétrica (10), Eletrônica (8), Mecânica (13), Mecatrônica (2), Naval (6), Nuclear (3) e Química (2), com inscrições a partir do dia 13 de maio de 2015.

Verifique se você atende aos requisitos específicos da vaga em que vai pleitear, como formação de nível Superior, limite de idade e outras qualificações. Há também vagas reservadas para pessoas negras.

Os aprovados para ingresso no curso de graduação de Guarda-Marinha, vão receber remuneração atinente à sua graduação, como previsto na Lei de Remuneração dos Militares, durante o período do mesmo. Além de serem proporcionados alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa, observados cada caso.

Fique atento ao prazo final para garantir sua participação. Você tem até o dia 12 de junho de 2015, para se inscrever no site www.ensino.mar.mil.br.

Os três primeiros Concursos mencionados, consistem de prova escrita de conhecimentos profissionais, redação e eventos complementares (inspeção de saúde, teste de aptidão física, verificação de dados biográficos, prova prático-oral de conhecimentos profissionais e prova de títulos).

Em todos os Concursos, as provas podem ser realizadas nas cidades de Rio de Janeiro (RJ), Vila Velha (ES), Salvador (BA), Natal (RN), Olinda (PE), Fortaleza (CE), Belém (PA), São Luís (MA), Rio Grande (RS), Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Ladário (MS), Brasília (DF), São Paulo (SP) e Manaus (AM). Exclusivamente os candidatos do Quadro de Engenheiros tem o município de Cuiabá (MT) entre as opções.

O prazo de validade para convocação e aproveitamento de candidatos reservas terminará na data do encerramento do Período de Adaptação, que vai até 27 de março de 2016. Confira os documentos disponíveis em nosso site com todos os detalhes.

FONTE: PCI Concursos

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
FarragutDouglas Falcão Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Douglas Falcão
Visitante
Douglas Falcão

Não temos verba para manutenção, não temos verba para pesquisa, não temos verba para compra de meios, mas verba para despesa corrente de salário, irredutível e inegociável temos? Viva o Estado paternal brasileiro!! Quem paga??? o menosprezado cidadão CAPAZ que gera renda e imposto… O mesmo que depois recebe o desdém do funcionalismo porque, nunca tentou um “concurso” publico… Viva os medíocres que crescem vendo o Estado como uma fonte de renda, um papaizão… E vamos em frente… Após…. a turma aqui diz que não dá pra tirar do custeio, realmente não dá, mas do meu bolso acho que a… Read more »

Farragut
Visitante

“recomentando” de 2013:
“A conta que insiste em não fechar é a de que estamos aumentando os efetivos com pessoal que será estável em algum momento e que será impossível cortar. Se algo nos planos [PAEMB] não der certo, teremos um número razoável de pessoas admitidas em tese sem função, que irão para a inatividade remunerada e cujos dependentes serão absorvidos no já combalido sistema de saúde.”
Se o programa julgado mais importante (PROSUB) já está atrasando, é aceitável achar que outros que demandariam muito pessoal (2a. esquadra, por exemplo) estão comprometidos.