Home Divulgação Visita do USNS ‘Lewis B. Puller’ (T-MLP 3) ao Rio de Janeiro

Visita do USNS ‘Lewis B. Puller’ (T-MLP 3) ao Rio de Janeiro

619
27

LEWIS B PULLER

O Navio Plataforma de Desembarque Móvel “Lewis B. Puller” (T-MLP 3), pertencente ao Military Sealift Command, visitará a cidade do Rio de Janeiro, no período de 18 a 21 de setembro de 2015.

O novo MLP (Mobile Landing Platform) partiu no dia 12 de agosto de San Diego, no Pacífico, com destino à sua nova base na Costa Leste.

O Puller é o primeiro MLP com características da variante AFSB – Afloat Forward Staging Base. Ele é o terceiro MLP de uma série de quatro construídos pela MSC na NASSCO de San Diego. Os MLPs são plataformas altamente flexíveis que fornecem logística em movimento no mar, para apoiar uma ampla gama de operações militares.

Como um AFSB, Puller apoiará a aviação de contramedidas de minas, missões de operações especiais, de combate à pirataria/contrabando, segurança marítima, bem como missões de ajuda e alívio de desastres humanitários.

Os recursos do AFSB incluem uma grande plataforma de voo e hangar para operação de dois helicópteros MH-53E ou equivalentes; espaços de trabalho e armazenamento de material bélico para uma força de embarque de até 298 militares; aprimorada capacidade de comando, controle, comunicações, computadores, e inteligência (C4I) para apoiar o planejamento da missão da força; e uma área de execução e área coberta reconfigurável de acordo com a missão para armazenar equipamentos, incluindo minas e barcos infláveis (RHIBs). O navio é operado por uma tripulação civil de 34 pessoas.

USNS-Lewis-B.-Puller

USNS-Lewis-B.-Puller-5

27
Deixe um comentário

avatar
17 Comment threads
10 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
Luiz MonteiroJuarezdaltonlCVN76Mauricio R. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Augusto
Visitante
Augusto

Apenas 34 pessoas para operar um gigante desses! O nível de automação dos sistemas desse MLP é altíssimo.

MO
Membro

Risos Augusto, 34 é ate muito, um mercante opera com 22- 24, as vezes 18 …

XO
Membro
XO

Galante, a EQMAN/Crache é composta pela própria tripulação ou embarca somente quando há previsào de operar com aeronaves ??? Abraço…

John Paul Jones
Visitante
Member
John Paul Jones

Esse seria um substituto ideal para o Saudoso NO Belmonte ou o Navio Tender Ceará !!!

vjbreternitz
Visitante
vjbreternitz

Por quais razões a tripulação é civil?

MO
Membro

Por que ele não é da USN, é administrado por um armador e é utilizado em conceção a USN

MO
Membro

Aparentemente talvs tenha militares uma pequena guarnição em Comunicações o que eh comum nos navios do MSC

Em tempo:

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2015/09/mv-cikat-navios-que-escalavam-santos.html

4 fotos

MO
Membro

Oxi, Chesty Puller não era uma Perry FFG 23, excruzivel eu TENHO o bunéu …. to ficando gagah mesmo …

John Paul Jones
Visitante
Member
John Paul Jones

Porque:

– Não é a missão principal da US Navy;

– Porque deve ser uma concessão ou PPP com alguma empresa civil; e

– Porque o navio deve ter contratos particulares reduzindo o custo de manutenção do meio para a US Navy.

Ou seja, tudo que este Governo do PT devia fazer também com a MB para reduzir os custos e alavancar a Força ….

Abs

vjbreternitz
Visitante
vjbreternitz

Grato pelo esclarecimento. Mas em situação de conflito, se o navio ficar sob ataque, a tripulação estaria preparada para se defender? Ou ele estará sempre sob escolta?

MO
Membro

Sim em caso de conflito nem ele. nem nenhum MSC bem como phib´s, Transportes, Tanques ficariam sozinhos ….

Augusto
Visitante
Augusto

MO, considerei que a tripulação é bastante reduzida, considerando-se a diversidade de operações militares que o MLP é capaz de realizar.

MO
Membro

Mas ai não sera a guarnição do navio que realizara estas funções, apenas a coordenaão de estivagem e descarga a ser eleaboradav pelo Imediato do Navio

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

O espaço sob o convoo do AFSB ainda abrigará LCAC’s???
Os chineses copiaram em parte o conceito do MLP, p/ operarem seus hovercrafts “Zubr” de projeto ucrâniano.

daltonl
Membro
Active Member
daltonl

Conforme já anunciado este tipo de navio será denominado agora “ESB” ou Expeditionary Mobile Base , Base Móvel Expedicionária e mais dois deverão ser construídos com entregas previstas para 2018 e 2020. Os 2 primeiros que diferem por não possuírem o convoo entre outras coisas passarão a ser chamados de “ESD” Expeditionary Transfer Dock ou Doca de transferência Expedicionária e são os que possuem capacidade para embarcar os LCACs. Todos os 3 e eventualmente os 5 farão parte da chamada “Battle Fleet” da US Navy, mas, como ocorre com os navios de apoio e logísticos como navios tanques por exemplo,… Read more »

daltonl
Membro
Active Member
daltonl

Curioso é que normalmente vemos os grandes navios anfíbios e NAes construídos na costa leste que não podem passar pelo Canal do Panamá, então são obrigados a contornar à América do Sul quando em transito para o Pacífico.

Desta vez está acontecendo o contrário…um navio que não pode passar pelo Canal do Panamá construído na costa oeste com destino à costa leste que eventualmente será
despachado para a área de operação da V Frota.

Juarez
Visitante
Juarez

A pergunta que me ocorre:

Com aquele aparente “passo de CG” alto, como é que ele se comporta em mar agitado?

Grande abraço

daltonl
Membro
Active Member
daltonl

O navio me parece bem estável Juarez e de qualquer forma
serão navios permanentemente baseados no exterior, o
USNS Lewis Puller será baseado dentro do Golfo Pérsico ou
seja, nada de grandes viagens de transito.

abs

CVN76
Membro
Noble Member

Por falar em visitas ao Rio de Janeiro:

Será que o USS George Washington CVN 73 que também está em trânsito do Pacífico para o Atlântico, irá visitar novamente o Rio de Janeiro?

Parece que ele está acompanhado do USS Chafee DDG 90 e do USS McFaul DDG 74….mas algumas fontes citam que o USS McFaul DDG 74 somente se juntará ao CVN 73 no Caribe; quando o DDG 90 volta novamente para o Pacífico através do Canal do Panamá…

MO
Membro

opa do GW nem me interessa, ate pq tbm ja tenho os buneus dele anos 80 e o atual, agora, do Chafee e do McFaul ai é negocio, primeiro pq nao eh NA de Aviaozinhum (porta buneco do mundo militar), segundo pq sao CT´s, terceiro pq são Burke´s e 4o e não menos importante, num tenho buneu nem de um nem do outro … kkkkkk

Alias to meiofraquinho de burques, tenho 5, faltam uns 70 ,…. kkkkk

Em tempo:

http://santosshiplovers.blogspot.com.br/2015/09/ms-coruna-a8zv7-video-e-imagens.html

7 photos + video

daltonl
Membro
Active Member
daltonl

Franz !

o DDG 74 como vc sabe encontra-se com a V Frota no momento e só deverá retornar à Norfolk em fins de novembro, então, só se coincidir do CVN 73 estar aproximando-se do Caribe em novembro já que a viagem de San Diego até Norfolk irá durar no mínimo 2 meses e encontrar-se com o DDG 74 lá.

O GW irá fazer algumas paradas no caminho bem como participar de exercícios então é bem razoável supor que visitará o Rio de Janeiro.

abraços

CVN76
Membro
Noble Member

Pois é Almirante….:-)

Pelo jeito o CVN 73 virá acompanhado somente pelo DDG 90; primeira vêz dele no Brasil!

Juarez
Visitante
Juarez

Acrecente a sua lista dos navios que virão ao Brasil um SSN, 2 P 8 e oito P 3. Vai se um aue total entre o RJ e Rio Grande.

G abraco

MO
Membro

e ai … hoje é dia 18, são 1845 h e nada ? ninguem, nenhuma imagem, nenhum comentário ? nada mesmo, ????????

MO
Membro

nada mesmo, ninguem com tantos ai do rrj conseguiu ao menos uma imagem ? …. sera que oo unico tonto a fazer isso sou eu ?

Luiz Monteiro
Visitante
Member
Luiz Monteiro

Prezado MO,

O navio tinha previsão para deixar o Rio de Janeiro no dia 21 de setembro. Eles solicitaram a prorrogação do prazo, que foi deferida pelo CM e só deixaram o Rio de Janeiro ontem, dia 30 de setembro.

Abraços

MO
Membro

Tks Chefe, infelizmente Shipspotting e Ship´s taste não é o nosso forte, para quem gosta e muito, fico me remoeando como passou batido, sem imagens e afins … nada a ver com o Sr. mas ha trocentos ai do RRJ e … nada …. mas aqui em baixo sempre tem um tonto para fazer alguma coisa, pena que em sua maioria sem muito proposito para o pessoal …