Home Noticiário Internacional Paquistão incorpora submarino AIP

Paquistão incorpora submarino AIP

510
12

hamza-agosta-a90b.jpg

A Marinha do Paquistão finalmente concluiu a construção do seu segundo submarino Agosta 90B, de construção local. O Hamza, foi construído no estaleiro da Marinha em Carachi e incorporado à frota em 26 de setembro.

Ele é o terceiro submarino Agosta 90B do contrato de US$ 1 bilhão, assinado em setembro de 1994 com a DCNI da França, para a transferência de tecnologia na construção de submarinos.

O Agosta 90B tem 76 metros de comprimento e 2.000 toneladas de deslocamento, sendo a primeira classe de submarino convencional equipada com o sistema AIP francês MESMA, que aumenta a sua capacidade de permanecer submerso por longos períodos. Ele pode permanecer no mar continuamente por 60 dias e é dotado de um sistema de combate no “estado-da-arte” SUBTICS (sistema tático integrado de combate para submarino).

O submarino é armado com mísseis antinavio Exocet SM-39 e torpedos guiados a fio F17P Mod.2. Segundo a Marinha do Paquistão, o Hamza será o primeiro submarino AIP a operar no Mar Arábico.

NOTA DO BLOG: O primeiro afundamento de navio de guerra por um submarino, depois da Segunda Guerra Mundial, foi realizado por um submarino paquistanês. Veja a história aqui.

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
pablo
pablo
12 anos atrás

sera que a diferenca( $$$$$) de sub’s com AIP e sub’s convencionais e tao grande assim ??
por que so o Brasil opta por um modelo sem AIP ??? Sera que e so questao de custo mesmo ????
um sistema AIP aguenta quantos dias submerso ??

FALCON
12 anos atrás

É por isso q as vezes me revolto c/ a mentalidade do nosso governo,parece q até o Paquistão é mais competente q nós p/ comprar equipamentos militares,o maior problema q o nosso país tem é q a grande maioria das nossas compras são a medio e a longo prazo,vejam só os nossos subs.E qdo compramos pagamos valores absurdos (SH-70).abraços a todos.

direto do fundo do mar
direto do fundo do mar
12 anos atrás

Sugiro uma rapida pesquisada no Blog, nos posts anteriores, aonde vc verá esse assunto amplamente debatido e suas duvidas serão sanadas.:)

mario
mario
12 anos atrás

Pouca vergonha! Típica de brasileiros! Até o Paquistão, que, apesar de ter bombas atômicas, não é potência, longe disso, está mais adiantado (e muito!) do que o Brasil em termos de submarinos e outros meios militares – eles já têm caças supersônicos construídos lá, por exemplo. Já construíram um submarino próprio, moderno, com as melhores armas e com AIP, ainda por cima! E o Brasil, como sempre, a passos de tartaruga e pensando pequeno: nossas autoridades não querem o Scorpéne com AIP… Assim não dá!

Walderson
Walderson
12 anos atrás

Galera,
60 dias no mar, não é muito? Com certeza não deve ser submerso, né?
Desculpem a ignorância (sou da turma do aviãozinho, mas tentando aprender um pouco).
Um abraço.

Galante
12 anos atrás

Pode ficar 60 submerso sim, Walderson, usando snorkel em intervalos de 2 a 4 dias, dependendo do consumo das baterias.

Vassily Zaitsev
Vassily Zaitsev
12 anos atrás

Desde 1994 para se contruir os 3 subs??? Pelo que se vê, não é só aqui que se leva uma eternidade para fabricar uma arma de guerra. E olha que o Paquistão vive trocando tiros com a Índia por causa da Caxemira.

Marko Ramius
Marko Ramius
12 anos atrás

Esse submarino está uma geração atrás do Scorpène, mas será perigoso com AIP, por isso os indianos querem o MESMA nos seus submarinos também.

EMERSON FULLY
12 anos atrás

PAÍSES EM RELAÇÕES DE CONFLITO COMO PAQUISTÃO E ÍNDIA,OBVIAMENTE IRÃO DESENVOLVER OU ADQUIRIR,MATERIAL BÉLICO UM MAIS MODERNO DO QUE O OUTRO.PORÉM,ISSO NÃO SIGNIFICA QUE O PAÍS ESTEJA OU SEJA DESENVOLVIDO!O BRASIL APESAR DE NÃO TER A METADE DO PODER BÉLICO DESSES PAÍSES,É BEM MAIS DESENVOLVIDO ECONOMICAMENTE,SOCIALMENTE,E ATÉ TECNOLÓGICAMENTE.PODERIO MILITAR SEM DEMOCRACIA NÃO DÁ!!

trackback
12 anos atrás

[…] navio-aeródromo. Talvez o almirante paquistanês esteja se referindo à grande autonomia dos seus novos submarinos com AIP. Os submarinos paquistaneses são armados com mísseis antinavio Harpoon e AM-39 Exocet e possuem […]

trackback
11 anos atrás

[…] França foi assinado em 2005. A transferência de tecnologia ao Paquistão dos submarinos franceses Agosta 90B, também apresentou atrasos significativos. Os atrasos podem favorecer o U-214 da HDW (foto acima) […]

trackback
11 anos atrás

[…] Paquistão incorpora submarino com AIP […]