Home Marinha do Brasil Marinha do Brasil recebe helicópteros ‘Seahawk’

Marinha do Brasil recebe helicópteros ‘Seahawk’

907
29

Chegaram, hoje, dia 30 de julho, ao Aeroporto Internacional de Cabo Frio, os dois primeiros Helicópteros MH-16 “Seahawk” da Marinha do Brasil (MB). Os helicópteros vieram desmontados, transportados por aeronave da Força Aérea Norte Americana (C-17). Após serem montados, serão conduzidos, em vôo, por pilotos da empresa Sikorsky Aircraft Corporation, para a Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, onde permanecerão em testes finais de aceitação. A incorporação definitiva à Força Aeronaval ocorrerá por ocasião do aniversário da Aviação Naval, em 23 de agosto.

Essas aeronaves foram adquiridas junto à empresa Sikorsky, de um lote de seis helicópteros, mediante acordo celebrado em maio de 2008 com o Governo dos Estados Unidos da América, e irão substituir os SH-3A/B “Seaking”, que prestaram bons serviços por mais de 40 anos.

As novas aeronaves MH-16 pertencerão ao Primeiro Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino e serão empregadas em proveito das Forças Navais, na “Amazônia Azul”, com a capacidade de realizar tarefas de detecção, localização, acompanhamento, identificação e ataque a alvos de superfície e submarinos, além de ações de busca e salvamento.

O MH-16 possui características estruturais e de projeto que lhe conferem maior robustez, resistência e confiabilidade, tais como: redundância dos sistemas de controle de voo e sistemas hidráulicos; e tolerância balística das pás do rotor principal para calibres de até 20 mm. Seus equipamentos aviônicos e sensores são última geração e podem ser armados com Metralhadora Lateral, Torpedos Anti-Submarino e Míssil Anti-Navio.

FONTE: CCSM

Subscribe
Notify of
guest
29 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
rfederici
rfederici
8 anos atrás

É uma máquina muito útil mas haveria necessidade de maior número. De qualquer modo, que sejam bem-vindas.,

Marcos
Marcos
8 anos atrás

Não sei porquê não compraram tudo Sikorsky, ao invés de comprarem aqueles franceses.

Augusto
Augusto
8 anos atrás

São helicópteros com funções e de classes diferentes, não podem ser comparados.

juarezmartinez
juarezmartinez
8 anos atrás

Com certeza, o Francês não serve para nada, a não ser como o furgão voador mais caro da história, ou melhor, um Gordini alongado, quatro portas, direção mecânica, sem ar condicionado, sem trio elétrico e freio a tambor. Já o SH é uma Lamborguini top de linha, motor turbo, freios ABS nas quatro rodas, ar digital, controle eletrônico de tração, em fim o que se tem de melhor ASW no mundo, mas o mais interessante,ou melhor o mais triste é que ambos custaram quase o mesmo valor aos contribuintes do herário(trouxas)….. Ahh com certeza um famoso blogueiro, fantoche no governo… Read more »

junin-heldin
junin-heldin
8 anos atrás

Concordo com augusto o ec são de funcoes e classes diferentes o EC é um otimo heli para transporte de pessoal!

Mauricio R.
Mauricio R.
8 anos atrás

Para um helicóptero, adequado somente ao transporte de pessoal, está mto caro!!!

Vader
8 anos atrás

Parabéns à Marinha pela excelente aquisição.

eleazarmoura
eleazarmoura
8 anos atrás

Por que os Sea King da MB uilizam os AM-39 exocet e os SH-60-que são do mesmo fabricante (sikorsky)- não? tanto que a MB optou pelo míssil anti-navio norueguês Penguin. Não entendo, então, porque a MB não optou pelo AM-39 para os SH-60, até porque os Super Cougar EC-725 na versão de ataque de superfície também vão usar os AM-39.

eleazarmoura
eleazarmoura
8 anos atrás

Só não entendo a opção da Marinha pelo míssil norueguês Penguin ao invés do AM-39 Exocet, uma vez que o antecessor dos SH-60, os SH-3 já utilizavam o míssil frânces, além de que, vai ser o míssil que equipará os EC-725 da MB na versão de ataque de superfície e marítimo.

marciomacedo
marciomacedo
8 anos atrás

Agora, faltam navios na MB de onde possam operar embarcados. O SP não conta, porque duvido que ele volte operar novamente.

Requena
Requena
8 anos atrás

Tomara que a Marinha faça igual a FAB.

Vão comprando mais unidades, de “pouco em pouco”, para que quando nossos políticos falcatruas notarem, a MB já tenha um bom número de unidades.

Baschera
Baschera
8 anos atrás

O que será feito dos SH-3 SeaKing que ainda voam ?

Sds.

Ivan
Ivan
8 anos atrás

Baschera,

Não creio que venham utilizar os ‘SeaKing’.

Na verdade, sem alarde, a MB está substituindo-os por ‘SeaHawk’ na missão ASW e por ‘Caracal’ no transporte.

Entretanto são helicórpteros magníficos e poderiam ter uma sobrevida, talvez como SAR, Guarda Costeira ou Transporte de Tropas como os da Espanha.

Principalmente com a grande quantidade de plataformas de petróleo no litoral, seria interessante dispor de helicópteros com o alcance e a estabilidade dos ‘Sea King’ em alerta SAR.

Mas falta dinheiro para rancho, quanto mais para manter bons helis em QRA para missões de busca e salvamente.

Abç.

Ivan
Ivan
8 anos atrás
Ivan
Ivan
8 anos atrás
MO
MO
8 anos atrás

Alguem ouviu as sapiencias aeronavalis ditas na rede globulus local sobre a chegada e principalmente sobre o C 17, o maior sviao do mundo e o SH o maior helo do mundo …. kkkkkkkkkk

GUPPY
GUPPY
8 anos atrás

MO,

Eu não imaginava que um C-17 pudesse aterrisar no aeroporto de Cabo Frio. Aliás, eu nem sabia que esta cidade fluminense tinha um aeroporto e muito menos que é internacional. Imagino que deve ser usado mais por aviões fretados por turistas europeus no nosso verão. Bom, mais isso é conversa de aviaozinhu, né? Deixa pra lá.

Abraços

MO
MO
Reply to  GUPPY
8 anos atrás

o C 17 pousa em pista curta, é uma das suas caracteristicas, ao menos assim me disse o sepoL olecraM

PS se viesse um C5 entao seria o que um super monstro (M-BR) ?

agora Cap Cold ter um aeroporto internaciosau ou melhor Cap Cold ter aeroporto, isso nem ele sabia, deve ser para o voo internacionau Cap Cold x White River/AC …

ou seila ja num seui di mais nada

Daglian
Daglian
8 anos atrás

MO,

Ouvi também e não há como não rir! “Um monstro levando dois monstros” hahahahahaha

MO
MO
Reply to  Daglian
8 anos atrás

é yuri, risos se fosse na minha época da BAST seria um monstro falando bobeira monstro … kkkkkk

joseboscojr
joseboscojr
8 anos atrás

MO, É porque avião é igual a lanche do McDonald’s, tem o Mega, o Mega Plus, o Mega Plus Hiper, o Mega Plus Hiper Big, e por aí vai. Um dia fui lá e pedi um Mega achando que estava abafando e me sentindo o dono do pedaço comendo um “MEGA qualquer coisa”, quando dei por mim tinha um cara comendo um sanduba com o dobro do tamanho do meu que me deixou até com complexo de inferioridade. Depois fui saber e era um BIG alguma coisa com 3 andares (se brincar tinha garagem, elevador e cobertura)rssr O jornalista que… Read more »

MO
MO
Reply to  joseboscojr
8 anos atrás

rsss eh verdade bosco, mas quem falou muita abobrinha foi o er .. ow fernandinho, cume que se chama “buneco” em aviaozinhumnes ? la do aeroporto um super(a)tendente destes da vida … rssssss

Vamos padronizar os mega plus sinao vai virar mair zona … kkkkk

GUPPY
GUPPY
8 anos atrás

Caro MO,

Fiquei pensando (se é que eu penso mesmo, kkkk…):

Por que o C-17 não pousou em São Pedro da Aldeia, já que é capaz de pousar em pistas curtas, segundo o seu primeiro comentário?

Abraços

MO
MO
Reply to  GUPPY
8 anos atrás

‘a possivel epotese = makakisse de alguem nativo … ou algum suplente de vereador quiz dar o titulo de cidadao Cap Coldiano ao C 17 ( A la Milton Neves), afinal nao eh todo dia que “o MAIOR” aviao do mundo pousava la ou sei la reesistencia do max payload pista (de enfeite) de SPA ou alguma ixpricação geometrica-ginecologica do genero

Guilherme Poggio
Reply to  MO
8 anos atrás

MO

O interessante dessa história é que já teve Antonov pousando neste mesmo aeroporto trazendo helicópteros S-76.

MO
MO
Reply to  Guilherme Poggio
8 anos atrás

Bom DDC, é como eu digo, isso MAIS uma vez demonstra (de maneira generica) como funciona nossa capacidade “cultural”, “tecnica”, “Memoria” e registros .. e bla bla bla .. vcs são herois mesmo, pois isso aqui não tem jeito, foi, é e será sempre assim …

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
8 anos atrás

MO, não sei o que seria equivalente a boneco em caso de aviaozinho. Precisa ser inventado. Pode ser o povo que aplaude as piruetas em shows aéreos achando que o maluco lá em cima vai ouvir alguma coisa. Mas não sei como definir isso… Acho que boneco também vale, nesse caso, porque não falta gente acenando também pro sujeito lá em cima, achando que ele vai ver enquanto tá manobrando com a cara toda torta por causa da força g, fritando o peixe (olhando o pau e bola) com um olho e vigiando o gato (o altímetro) com o outro,… Read more »

MO
MO
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
8 anos atrás

boa fernandinho, podemos começar tbm cpm aqueles que falam assim oh “olha a Esquadrilha da Fomassa” (EDA …) kkk e os “Ja deu Rafale” … rsssssss

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
8 anos atrás

Guppy,

Creio que teve que pousar num aeroporto internacional primeiro para os devidos desembaraços burocráticos.

O peso dos dois helis que o C-17 carregava não deve ter sido nada comparado ao peso da pilha de papéis que devem ter sido carimbados.

Haja pista para decolar de novo carregando essa papelada toda!