Home Noticiário Internacional Panamá encontra armamentos em navio da Coreia do Norte procedente de Cuba

Panamá encontra armamentos em navio da Coreia do Norte procedente de Cuba

409
11

chong-chon-gang-7937317-HMZF-srs-21-10-09

Material bélico estava escondido entre o açúcar transportado no navio ‘Chong Chon Gang

 

vinheta-clipping-navalAs autoridades do Panamá apreenderam na noite de segunda-feira um navio de bandeira norte-coreana que carregava armamentos escondidos debaixo de uma carga de açúcar mascavo. A embarcação vinha de Cuba com destino à Coreia do Norte e foi retida no porto de Manzanillo, localizado no lado do Atlântico do canal do Panamá.

O presidente panamenho Ricardo Martinelli confirmou a retenção e detalhou que “material bélico e balístico” foi encontrado em dois contêineres do navio. Martinelli pediu para as autoridades portuárias investigarem o caso e acrescentou que o capitão do navio e os 35 tripulantes ofereceram resistência antes de serem detidos. “Que o mundo saiba que material bélico não declarado não pode passar pelo Canal do Panamá”, afirmou. O presidente postou em sua conta no Twitter uma foto de um grande tubo verde, que seria parte do material encontrado no navio.

Tentativa de suicídio – Em depoimento para a CNN, o ministro da Defesa do país, Jose Mulino, relatou que o capitão da embarcação tentou cometer suicídio quando o carregamento de armas foi descoberto. O ministro também informou que o material bélico foi encontrado entre uma carga de 250 quilos de açúcar mascavo.

Os marinheiros detidos foram levados à antiga base aeronaval americana de Sherman, atualmente dirigida pelo Serviço Naval do Panamá, para aguardar os desdobramentos da investigação. O Panamá pedirá suporte à ONU para avaliar qual o tipo de armamento que estava sendo transportado na embarcação e para determinar qual será o destino da tripulação.

panama-coreia-2013-06-16-size-598

FONTE: Veja / EFE

Foto (Navio): Silvio Roberto Smera – 21/10/2009 – Carregado com açúcar em sacos para Tartous, Siria

11 COMMENTS

  1. foi o Chong Chon Gang .. detalhe alem de ele nao ser suitable para containers, o açucar se embarca em sacos ou seja o treco tava no meio da sacaria ! ou pouco provavel a granel

    Esteve em SSZ em 15/10/2009 ate 21/09/2009, acho que fotografaram ele

  2. Não sei não.

    Se fosse um contrabando fruto de algum acordo secreto entre as duas ditaduras, não teria sido mais seguro fazer uma viagem contornando a América do Sul, sempre em águas internacionais? Arriscar o pescoço no Canal do Panamá, para economizar no transporte indica que foi uma operação “privada”.

    Isto me parece mais é um lance de corrupção de algum generalíssimo cubano, vendendo alguma coisa por baixo do pano. Se é mesmo uma turbina, como dizem que a Força Aérea Revolucionária está “na chón” faz tempo, fica mais difícil darem conta da falta de algum material.

    Mas, por outro lado, se for um acordo entre os dois países-párias, será que este contrabando de armamento não é realizado nas duas mãos?

  3. Pobre capitão do navio, tentou se suicidar para evitar as chibatadas, trabalhos forçados e outros “castigos” que provavelmente receberá até a morte por ter “falhado” em sua missão, e não conseguiu sua “morte digna”…

  4. 250 Kgs sao apenas 2 a 4 sacos de acucar, o que e impossivel infiltrar armamento neles… Creio k pretendia dizer 250 toneladas de acucar..
    ..

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here