sexta-feira, maio 27, 2022

Saab Naval

Type 212 italiano treina no Atlântico com a Marinha dos EUA

Destaques

Alexandre Galante
Ex-tripulante da fragata Niterói (F40), jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

todaro.jpg

O submarino Type 212 Todaro, da Marina Militare, equipado com sistema AIP (Air Independent Propulsion), partiu no final de maio de sua base em Taranto, para uma missão de 6 meses no Oceano Atlântico.
Ele vai participar de exercícios com a US Navy, para refinar seus procedimentos operacionais e testar a performance de sistemas, equipamentos e tripulação, em diversas condições ambientais e ainda, interagir com diversas unidades navais americanas em diferentes cenários operativos.

A US Navy tem desenvolvido um esforço especial para o desenvolvimento de técnicas de detecção de submarinos convencionais e vários países aliados dos EUA têm enviado submarinos para auxiliar esse trabalho. O Brasil já enviou o Tikuna e o Timbira.

Nessa altura do campeonato, a US Navy já deve ter formado um bom banco de dados de assinaturas acústicas de submarinos convencionais…

- Advertisement -

32 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
32 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Baschera

“Nessa altura do campeonato, a US Navy já deve ter formado um bom banco de dados de assinaturas acústicas de submarinos convencionais”.
E vice-versa, que ninguém é bobo….
Sds.

Douglas

Bom, considerando que a US Navy tem 60 subs nucleares classe Los Angeles, sem falar nas classes mais modernas (Virginia, Sea Wolf, e variantes) a marinha italiana pode sonhar, ou delirar, em afundar um classe Nimitz.

Meirelles

E os subs Brasileiros Tikuna e Timbira estão nesta lista de banco de dados entre os mais fáceis de se detectar.

direto do fundo do mar

Pows Meireles,”E os subs Brasileiros Tikuna e Timbira estão nesta lista de banco de dados entre os mais fáceis de se detectar.”

Fala sério! Vê-se que vc não conhece nada sobre a FORSUB. Puro achismo da sua parte. Realmente nossa força de submarinos não está com nada.
Vc deve estar certo. 🙂

Ai ai! Por isso nunca iremos pra frente!

Douglas

A Italia diz que o 212 é o mais silencioso do mundo.

André

Caro Meirelles,
Pq tanta convicção ao afirmar que os nossos subs em particular são os mais fáceis de se detectar???

König

“direto do fundo do mar” Apenas pensamento positivo não ajuda em nada ações positivas SIM.
O Tamoio ja “afundou” o Principe de Asturias com sua escolta sem ser percebido.
A força de submarinos é a força de disuação mais poderosa que temos.

Mas creio que dos submarinos enviados para os EUA o U-212 seja o mais poderoso em ponto de vista de ser Stealth infelizmente não contamos com submarinos aqui.
Mas uns 20/25 Tikunas seriam o bastante.
Ai eu acordo e caio da cama…
Saudações

König

*Ja afundou o Principe de asturias mesmo este contando com uma escolta da OTAN

Nunão

Não esquecer que, para submarinos tipo 212, desenvolvidos para atender a necessidades operacionais principalmente do Báltico e do Mediterrâneo, só o fato de fazer exercícos por 6 meses no Atlântico é uma experiência bastante valiosa operacionalmente. Vai mostrar minuciosamente aos italianos todos os prós e contras de seus subs em outro TO.

Douglas

se o 212 conseguir furar o bloqueio de um classe Nimitz.que propaganda heim???

Pedro Rocha

Saudações senhores! Realmente os submarinos convencionais diesel/elétrico e como no caso diesel/AIP/elétrico são os mais silenciosos e foi o recente episódio do Tamoio versos Príncipe de Astúrias que motivou esse treinamento da US Navy. Quero aproveitar esse tópico para, despretensiosamente, externar algumas observações sobre uma força de submarinos para a MB. Os nossos IKL (Classe Tupi) era um projeto amplamente testado e comercializado, portanto uma excelente escolha para obter Know How em construção de submarinos modernos. Esse projeto atendia nossa necessidade de aprendizado, por sinal atendeu com maestria, mas não atende nossa necessidade estratégica. Os IKL foram desenvolvidos para combater… Read more »

König

Mas para manter essas velocidades seria sem navios de apoio como navios tanques,transportes de tropas,carros de combate e outros do tipo ja que esse são mais lentos que as Fragatas,Destriyers e NAE.
Estou correto?
Saudações

Douglas

Prezado Pedro, 01- o Mediterraneo é imenso, não um mar restrito como vc quer fzer parecer. Profundidade média é de 1400m, com fossas de 5.400m….. o atlantico sul desce até 3000m, com fossas de 7000m,contudo, em mais de 80% da extensão fica entre 1500 e 3500, sendo que a profundidade é bem menor conforme nos aproximamos do litoral. 02- O Tamoyo furou um bloqueio naval de forças europeias da OTAN; é eficaz. 03- Vc quer dizer que o Tikuna não pega ninguém no atlantico sul? esse conceito é forçado, para fundamentar o frisson que o sub nuclear causa na comunidade.… Read more »

direto do fundo do mar

Então no caso do Tikuna que mandou 3 PAs pro “saco” – HMS Ilustrious, USS Harry truman e USS Geroge Washington a propaganda deve ser o que????

Se vcs acham que o 212 furar um bloqueio e pegar um é para soltar fogos, então o que dizer do nosso? Eram 26 navios no GT e ele fez a festa. Mas claro, como é brasileiro não conta.
PQP, tem hora que sinceramente eu não entendo se estou num Blog brazuca ou estrangeiro, pq nada nosso presta.
Caracoles!!!!!

Walderson

Galera,
só lembrando, além do fato de o Tamoio ter furado o bloqueio da OTAN, teve tb o episódio com o sub chinês que acompanhou o GT estadunidense por vários dias e emergio ao lado do Nae (não lembro o nome dele agora). Isso foi o que mais motivou o governo estadunidense a criar o banco de dados. Um abraço. Mais um lembrete, que temos poucos subs eu concordo, mas lembremos que a nossa força de submarinos é muito bem treinada e sempre muito elogiada. Saudações.

König

Pelo tamoio ter feito isso Direto do Fundo do mar não devemos ficar contentes somente por este feito nos podemos ter maquinas muito mais poderosas
Se o Tamoio fez isso imaginem nossas tripulações com U-212/U-214 Scorpene

Nimitz

Pessoal, só tem um pequeno detalhe: nossos submarinos são banguelos!
Os torpedos Tigerfish Mk.24 já estão vencidos e quando novos, já não eram confiáveis. Tanto que o comandante do submarino nuclear britânico HMS Conqueror preferiu atacar o cruzador argentino com torpedos da WWII de tiro reto, do que arriscar-se a usar o Tigerfish e errar o alvo.
Enquanto não chegarem os torpedos Mk.48 nossos submarinos continuarão sendo tigres de papel, isso pra não falar que não temos também mísseis sub-superfície como o Sub-Harpoon e o SM39.
Tudo aqui nesse país é meia-boca ou meia-bomba.

König

So queria saber uma coisa o Tikuna pode lançar misseis pelo tubo?
E se pode até imagino… Não temos o modelo adequado para isso…

moyses

uma ou outra coisa: os subs da marinha do brasil são bem testados em simulações com outras FFAA. o que não entendo muito bem é o seguinte? se a marinha não tem recursos disponíveis para fazer grandes coisas, dá pra estabelecer alguma prioridade ou não? vez por outra volta a discussão do sub nuclear. entendo, dentro dos meus limites de conhecimento, que um sub nuclear é uma fantástica arma de dissuasão contra inimigos externos. não serve somente para a tal “marinha de mar azul”. mas qdo vejo paises com projetos de marinha muito discutidos com a sociedade, como inglaterra e… Read more »

Fernando-Canoas

Srs. Leio muito neste e em outros foruns a idéia estereotipada da invencibilidade Americana, que se caso fossemos defrontar com qualquer das armas deles seríamos exterminados no 1º dia e coisas do tipo. Se fosse realmente fácil prever o resultado de uma batalha, elas jamais começariam, e exemplos não faltam: Davi x Golias, Tróia, Termópilas, Trafalgar , Lissa, Tsushima, Finlândia 1940, Cassino, (uma divisão de pqds. incompleta contra cinco de infantaria), vietnã, e tantos outros exemplos onde o GRANDE, o PODEROSO, o INVENCÍVEL, sucumbe às táticas ousadas e artimanhas criativas do MENOR, do FRACO, do DESPREPARADO. Mostramos ao mundo o… Read more »

Raphael

Fernando, os exemplos nao faltam por que o que fez estas batalhas serem famosas foi o menor derrotar o maior. Mais na verdade isto acontesse muito pouco. Se voce pode me dar 20 exemplos onde o maior eh derrotado pelo menor, eu lhe darei 1,000 exemplos onde o maior derrota o menor. Eh asim a ordem natural do mundo. Soh onde o maior eh incompetente eh que ele perde a um menor.

Mais muita gente nao tem como visualizar o tamanho do poderio militar americano. Espero que este artigo te ajude a visualizar a diferenca de poderio:

http://www.globalsecurity.org/military/world/carriers.htm

Meirelles

Respondendo ao amigo André…

Foi apenas uma suposição minha,estava seguindo a mesma lógica de vários comentários aqui que visam desqualificar e até humilhar a MB e alguns meios aqui fabricados e exaltar(até demais) as marinhas e os meios dos EUA,Alemanha,França,Coréia do sul etc.Mas tenho esperança de ver a MB receber Scorpenes e o sub nuclear para se juntar à frota e dar a MB o respeito que ela merece.

direto do fundo do mar

Quem disse que os Tigerfish estão vencidos? Aonde está escrito isso? As baterias deles estavam vencidas, mas uma empresa nacional resolveu o problema e tanto os de manejo quanto os reais, estão aptos para o caso de necessidade.
Procure se informar melhor, pois é muito fácil chegar aqui e em outros fóruns e ficar malhando.
Ouviu o galo cantar, mas não sabe onde e nem por que!
Caracoles X2!!! Tá soda!

Raphael

“direto do fundo do mar”, os Tigerfish Mk.24 teve muitos problemas no comeco de sua carreira. Tantos problemas que os Ingleses preferiram afundar o Belgrano com torpedos nao guiados da 2o guerra em vez de utilizar os Tigerfish.

Pedro Rocha

Olá senhores! Fico com um sentimento que não fui compreendido! O Báltico e o Mediterrâneo são muito parecidos em extensão e profundidade. Não quero transcrever a Wikipédia aqui, pois não vale à pena tomar o tempo dos senhores. Porém os dois mares possuem diferenças importantes para a operação de submarinos. Temperatura e salinidade da água. Os IKL estão em casa nesses cenários desde que seus operadores conheçam as condições de temperatura e salinidade da água. A Grécia e a Turquia sempre utilizaram IKL e a Itália iniciou com o IKL 214. Aqui quero relembrar o que eu falei anteriormente sobre… Read more »

Raphael

Coitadinhos dos “jovems” da Providencia, tao inocentes! Tah certo que o tenente nao poderia ter feito isso, e deve ser punido sim. Por que o Brasil eh um pais onde tem leis… ou tem?? Quem vai punir os traficantes assasinos?? Por que tem tantas favelas ilegais em quase todas capitais do Brasil, quem vai fazer estas pessoas seguir a lei? Bom, nah verdade os que mataram, os que morreram, e os que entragaram vao todos receber medalhas do governo. Eles serviram para fazer o povo esquecer a venda da Varing por 1 Real! Muito conveniente isto!

moyses

o problema é que pra grande parte da sociedade, as FFAA estão bem longe de oferecer alguma transparencia. vejam por exemplo essa série de fatos lamentáveis envolvendo o exército, que é sim maior do que essas questões. a marinha, tem um serviço de relações públicas que serve pra que? nem pra fazer lobby junto aos congressistas. não deve ser uma coisa complicadas imprimir um material que diga : “daqui a pouco os meios de asw como o sea king ficarão completamente inoperantes”, “não temos uma proteção aérea para o nosso único porta-aviões”, e vai por aí…. e principalmente, pra reunir… Read more »

direto do fundo do mar

Só a titulo de informação – MO, peguei emprestado seu jeito de falar, rsrsrsrsrs.

Os SH-3 da MB não estão sem voar, não vão parar de voar tão cedo e com o apoio de uma empresa nacional de SJC, eles ganharam uma sobre vida espetacular. Quem quiser saber mais, pesquise em GESPI e verão que muito do que se fala é baboseira.
E chega, já falei demais! Quem quiser saber a verdade, corra atrás, quem quiser ficar de brincadeirinha falando abobrinha, é só continuar lendo besteiras.

Douglas

Mauro eu não disse que o Mediterraneo se equivale ao Atlantico, eu disse que o Mediterraneo não é um tipo de “poça de água’ como estão dizendo. profundidade media de 1400m… alias, o Tikuna se operar dentro da plataforma de 500km da costa será muito mais mortifero do que se for tentar uma aventura a 4000km contra uma esquadra hostil, agora se forem duas fragatas, ele pode matá-las em qualquer lugar. quando o sub nuclear chegar, otimo. mas ainda estamos um pouco longe. Que venham os scorpene por ora. Esse argumento de que o Tikuna não pega ninguém no atlantico… Read more »

Walderson

Moyses, parabéns pelas palavras. Vc lembrou bem que não foram os “marxistas”, de que tanto se reclama aqui, que deixaram morrer a Engesa, a Bernardini e outras. Quem manda hj são os credores, o FMI e outros. Pode entrar o partido que for. O que se pode acabar é a corrupção endêmica do brasileiro, mas aí, é uma questão de educação.Como ex-militar, tb quero, e tenho esperança, que o 07/set/2008 nos renda algo. Que a defesa vire uma questão de ESTADO. Que se mude a cultura de achar que porque não temos guerra iminente não precisamos de FFAA à altura… Read more »

Caius

Só é forte quem é independente , e só é independente quem é forte.
Eis aí o grande dilema. Ser ou não ser, eis a questão. Para sermos
felizes temos que erradicar os corruptos e os pessimistas de
plantão. Resistir é preciso.

[…] marcando a primeira visita de um submarino italiano aos EUA depois da Segunda Guerra Mundial. A visita do Todaro tem como objetivo apoiar a Grupo de Batalha do navio-aeródromo Theodore Roosevelt, no exercício […]

- Publicidade -
Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

GRÁFICO: Marinha Chinesa em 2025

No gráfico abaixo, os principais navios de guerra de superfície da Marinha do Exército de Libertação Popular (PLA Navy),...
- Advertisement -