Home Estratégia China enviará seus melhores navios para a costa da Somália

China enviará seus melhores navios para a costa da Somália

632
0

052b-guangzhou-destroyer

170-destroyer

Foi noticiado que a China enviará navios mais poderosos do que planejava inicialmente, para combater os piratas da costa da Somália. A PLAN enviará um destróier classe 168, um classe 170 e um navio de apoio 887, que partirão da base naval de Sanya.
O 168 é um navio classe 052B de múltiplo emprego, de 6.500t; a 170 é a classe de destróier de defesa aérea 052C (conhecido como o “Aegis chinês”), também de 6.500t; o 887 é um dos novos navios de apoio logístico.
Clicando na segunda foto, notar o CIWS Type 730, semelhante ao Goalkeeper, na proa e sobre o hangar do 170. As grandes placas retangulares na superestrutura encobrem as antenas do radar phased array Type 348, semelhante ao APAR holandês.

qiandaohu-class

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Wolfpack
Visitante
Wolfpack

Este 170 é mesmo a cara dos Aegis Americanos, basta ver se não é um bolo de m… com casquinha de chocolate.
Abraço

LeoPaiva
Visitante
LeoPaiva

Foi aprovada recentemente uma resolução na ONU autorizando os países a tomarem novas medidas contra os piratas, como ataques aéreos, já os EUA querem mais que isso: ”Os Estados Unidos fazem por seu turno circular já um novo projecto de resolução para autorizar a perseguição aos piratas onde quer que eles estejam.” Euronews Se essa idéia dos EUA se concretizar eles vão poder também, além de ataques aéreos, promover o desembarque de tropas especiais para atacar os piratas em suas bases em terra, o que seria uma ótima providência por parte de titio San. Os americanos não se deram muito… Read more »

Henrique Sousa
Visitante
Henrique Sousa

cena 1: navio chinês super poderoso dá um rapa fora nos piratas da somália.

cena 2: comandante do navio para seu imediato: ah, já que estamos por aqui vamos ficar mais um pouco, os Estreitos de Ormuz e Mandeb são logo ali mesmo.

brincadeirinha 😀

abraços

Nelson Lima
Visitante
Nelson Lima

A China comeca a exercer nesse seculo o papel da Royal Navy no seculo XIX e da USNavy ate hoje.

Ulisses
Visitante
Ulisses

Chinês não tem jeito mesmo,primeiro fizeram um Eurocopter Phanter chinês,depois um Nimitz que nem navega e agora fazem um navio que é a cara do Aegis.Perdoe-os,Pai,eles não sabem o que fazem!

Mauro Lima
Visitante
Mauro Lima

Acho que este seria o lugar e o momento de colocar as qualidades dos LCS à prova!

Vassily Zaitsev
Visitante
Vassily Zaitsev

Nelson Lima,

Concordo plenamente.

Henrique
Visitante
Henrique

É senhores… falam que eles copiam…. mas eles FAZEM!
Vcs notaram a gama de armamentos e lançadores que este destroier tem? Do outro lado, aqui no Brasil, nem copiamos nem fazemos! Espero que nosso PND realmente contemple o desenvolvimento de nossa indústria bélica para podermos, um dia, pelo menos termos plenas condições de patrulharmos nosso próprio litoral.
Abraços.

Vassily Zaitsev
Visitante
Vassily Zaitsev

Nelson Lima,

A Marinha Chinesa ainda é pequena, se for comparada à USN, mas essa enorme diferença tende a cair. Mesmo a USN sendo a gigante que é, os chineses querem, de todas as formas possíveis, chegar ao topo da lista. Mas ainda levará muito tempo para que isso ocorra, se ocorrer……………………………..

Ivan
Visitante
Ivan

Ulisses
Eles sabem o que fazem.
Fazem cópia hoje para construir um melhor amanhã.
Melhor abrir o olho.
Abç

Em tempo,
a todos os blogueiros desejo um
FELIZ NATAL

Voluntário da Pátria
Visitante
Voluntário da Pátria

Tio Sam, mesmo sob mandato da ONU, não vai pr’a brincar em serviço, não basta patrulhar as águas, vai por ar e por terra trazer “à razão” os piratas. Seria melhor para os somalis renunciarem à ilegalidade,devolver carga roubada e entregarem-se à justiça internacional.

Nicolau
Visitante
Nicolau

E os Chineses vão na esteira dos yankees.

EMERSON FULLY
Visitante

Será que esses belos navios chineses,são como os seus primos russos?
Será que eles realmente são confiáveis e funcionam como no papel, ou melhor dizendo,como os verdadeiros funcionam.Porque cópia pirata só é bonita,mas na hora do combate!!!

Ivan
Visitante
Ivan

Emerson,
Esta questão só será respondida com o tempo.

Wilson Johann
Visitante
Wilson Johann

De parecido com os AEGIS só a posição dos radares. De resto, são belíssimos navios e poderosamente armados. Prá quem iniciou copiando, eles aprenderam depressa. Quando crescer, o Brasil quer ter navios assim.

Abraços!!

E, aproveitando o ensejo do natal, desejo um excelente 2009 para todos e para o nosso PND, e que este e os próximos governos mantenham a linha ora traçada para nossas forças armadas, fazendo cumprir o destino de grande nação que merecemos.

Felicidade a todos!!!

Edilson
Visitante
Edilson

Só queria deixar aqui uma lembrança aos amigos de feliz natal e boas festas.
ah… os destroyers chineses são baseados nos antigos navios soviéticos que compõe a atual frotal chinesa.
grande abraço e que venha o PRM

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

A parter “fácil” de uma grande marinha de aguas azuis, são belonaves tais como esses CT 052B e 052C.
O “dificíl” são anos e anos de treinamento, desenvolvendo tática e técnica.

Ivan
Visitante
Ivan

Estes navios chineses ou mesmo outros que temos visto em noticiários, especializados ou não, são máquinas imponentes e modernas.
A questão é se os meios são adequados à missão?

Ivan
Visitante
Ivan

Se a ameaça são piratas em lanchas rápidas escondidas na costa do chifre da África a solução seria uma convinação de lanchas rápidas, helicópteros armados, vigilância aérea 24hs (S-3 Vicking p.ex.), LPH ou LPD para suporte e algumas corvetas com canhões leves e rápidos.
Mas não tenho visto esta formação.

Ivan
Visitante
Ivan

Maurício,
Vc tem razão, mas os chineses e indianos começaram a navegar.
Esta força-tarefa desproporcional a ameaça é exemplo disso.

Marcelo Ostra
Visitante
Marcelo Ostra

o nt deve star trabsportando tanbem cinabdos chinelicos

to sentindo um cheiro de ação difernte

acjo que os chinelicos irai colocar muitos funkeiro somalici ára correr e claris ekes correraão atras

vap ter muoto funkero somalico tonando kungfuzada no quengo

mo

Excel
Visitante
Excel

O “Império do Centro” quer mostrar as suas garras, mas por enquanto não passa de um pavão querendo se exibir. Por enquanto, infelizmente.
Agora, achar tudo isso lindo só por birra aos EUA é uma temeridade.

Vassily Zaitsev
Visitante
Vassily Zaitsev

Marcelo Ostra,

Antes de qualquer pergunta, Feliz Natal, a voçê e toda sua família!

Estais melhor? Pronto para novamente debater as idéias poe aqui???

abraços.

Vassily Zaitsev
Visitante
Vassily Zaitsev

ou ainda está sob o efeito dos medicalmentois que calfundem até a língua?

Marcelo Ostra
Visitante
Marcelo Ostra

ainda vassily, tomando remedio pra cacete, dor duca na infecção na perna e na esoerança de transplantem nas to ai, meio sem saco, mas levando, valeu pela preucuáção

mo

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Outra coisa, não adisanta ficar somente um monte de navios, bloqueando a costa somalí.
Alguem vai ter de descer em terra firme p/ resolver em definitivo.
E eu não sei se EUA, EU, Russia, China e India, estão considerando as implicações disto.

Moriah
Visitante
Moriah

É…essa é a nova frota do tesouro…só que sem zhang he. Esse Aegis é bem legal e a fragata tem um estilo q me faz lembrar as t22 inglesas…

Ricardo
Visitante
Ricardo

Se formos pensar é meio absurdo enviar navios tão poderosos para combater piratas que se apoiam em barcos pesqueiros, no fundo é um modo dos chineses dizerem: estamos aqui! =D

trackback

[…] – Três navios da Armada chinesa partiram nesta sexta-feira, 26, do porto de Sanya, na ilha de Hainan (sul), com destino às águas […]

trackback

[…] de guerra chineses enviados para lutar contra a pirataria nas águas da Somália foram perseguidos por um submarino de ataque indiano e os dois lados se envolveram em um tenso […]

trackback

[…] Na foto aparecem, da esquerda para a direita, os seguintes navios: SSBN 094, escoltas 052C, 054A, 052B  e o LHD “Yuzhao” (Type […]

trackback

[…] guerra chineses zarpou ontem (ver fotos) rumo ao Golfo de Áden e águas somalis, para substituir o primeiro grupo enviada há poucos meses para missões de escolta em águas infestadas por piratas. O primeiro grupo-tarefa chinês no Golfo […]