Home Noticiário Internacional Sevmash iniciará construção de quarto SSBN russo ainda este ano

Sevmash iniciará construção de quarto SSBN russo ainda este ano

230
16

Borey

Informações provenientes do estaleiro Sevmash dizem que a Rússia dará início à construção do quarto SSBN da classe Borey até o final do ano.

“O Ministro da Defesa russo solicitou ao estaleiro que os trabalhos comecem ainda este ano” disse um funcionário do estaleiro Sevmash à agência russa RIA Novosti. Os trabalhos começarão no segundo semestre.

Por outro lado o Yury Dolgoruky, primeira unidade da classe, começará suas provas de mar em junho. Dois outros SSBN da classe “Borey”, o Alexander Nevsky e o Vladimir Monomakh, estão em construção e o estaleiro espera completá-los em 2009 e 2011 respectivamente. Ao todo, a Marinha da Rússia espera contar com oito unidades desta classe até 2015.

A classe “Borey” será equipada com mísseis ICBM Bulava-M (SS-NX-30). Até 16 unidades deste míssil podem ser transportadas por submarino.

Subscribe
Notify of
guest
16 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
General
General
11 anos atrás

Esta materia me faz lembrar a realidade do Brasil que so vai ter um submarino nuclear daqui a 12 anos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Cantarelli
Cantarelli
11 anos atrás

Ao menos nao estamos parados devagar se chega ao longe!
Outra coisa meu caro eles ja detem essa tecnologia e nos ainda nao temos total tecnologia sobre tal.

Abraços.

Clêuber
Clêuber
11 anos atrás

Os SSBN da classe Borey serão uma importantíssima peça de dissuasão Russa!Acho que a Rússia caminha fortemente para ter a melhor e maior força de submarinos do mundo!Os Russos já possuem o melhor submarino convencional a Classe Amur e suas versões como a Classe Lada e esses somados aos typhoon (espero que esses não sejam de imediato substituídos pelos Borey) Akulas, Borey e outros imporam limites importantes nos mares!E esses somados ao poderoso ICBM Bulava-M serão a ponta de lança das forças estratégicas da grande Rússia!O tigre siberiano esta cada vez mais se aproximando do poderio da Ex-URSS na força… Read more »

Higgins
Higgins
11 anos atrás

Por que será que não vejo aqui, comentários dos adoradores de “Estrelas e Tiras”?
Eles sempre aparecem para desqualificar tudo que é feito nos Urais! Porque não estão aqui?

Incrível é o pequeno mundinho dos fóruns militares brasileiros, a ponto dos próprios norte-americanos (eles visitam nossos sites e fóruns graças a ferramenta de tradução google) dizerem que somos “mais americanos do que eles próprios”…

Dalton
Dalton
11 anos atrás

Pois entao verá meu comentario já que sou adorador de listras e estrelas porem respeito a opiniao dos adoradores da foice e do martelo. A força de submarinos russa, nao será a maior do mundo…porem isso em nada denigre tal força. Atualmente os EUA possuem 70 submarinos, 14 SSBNs 4 SSGNs e 52 SSNs A Russia conta com cerca de 50,alguns outros estao na reserva ou em processo de descomissionamento, 12 SSBNs,4 SSGNs, 15 SSNs e 18 SSKs. Os EUA ainda conseguem manter um numero muito maior de submarinos no mar e de prontidao. Os melhores submarinos convencionais ao menos… Read more »

Henrique Sousa
Henrique Sousa
11 anos atrás

Otíma síntese Dalton. Pena que fatos são vistos por alguns “isentos” como adorações.

Juarez
Juarez
11 anos atrás

Perfeito Dalton. Sua análise foi isenta, correta e realista. Cuidado corres o risco de ser defenestrado para o “Gulag”.

Grande abraço

Higgins
Higgins
11 anos atrás

Dalton,
não tem sentido a informação de que os Typhoons como SSGN’s. Só servem como SLBN’s. É um projeto para dormir no leito do Artico…
Aliás, com o derretimento da calota polar, perde sentido tê-lo.
Melhor ser transformado em sucata.

Quanto a adoração religiosa das estrelas e tiras, trago o que os próprios filhos do norte dizem de nós: “Os brasileiros são mais americanos do que a gente”.

É preciso dizer mais?

Dalton
Dalton
11 anos atrás

Higgins, a ideia de converte-los em SSGNs é dos russos e está em varios sites especializados. Como SLBNs eles sao caros demais para manter, porém, como SSGNs eles serao muito mais uteis, assim como os 4 Ohios convertidos, que tiveram 22 de seus silos convertidos para armazenar 7 tomahawks cada um, no total de 154 e os 2 silos restantes foram convertidos para uso de comandos SEALs e seus veiculos. Os typhonn assim convertidos nao fariam feio. Quanto a “adoraçao”, assumo mesmo. Conheço muito bem aquele Pais,sua historia povo e cultura. Mas acredite-me, nao sou vitima de lavagem cerebral nao… Read more »

Henrique Sousa
Henrique Sousa
11 anos atrás

Higgins, entendo sua “revolta” e até acho que se justifica em alguns casos, nunca generalizando.
Mas do modo que vc coloca suas idéias, vc parece justamente com quem diz te incomodar: um fanático religioso a respeito do que vem dos Urais.

Higgins
Higgins
11 anos atrás

Haha.
Creio que o novo nome da KGB seja FSB. O melhor nome, sem dúvida foi “Cheka”…

O negócio é o seguinte: nunca me posicionei contra aqueles que fazem críticas ponderadas. O que me irrita, sobremaneira, é o preconceito, a ídeia pronta e religiosa.
Dá-se nos fóruns militares brasileiros, comportamentos absurdos como repetir inverdades, mesmo depois delas terem sido desmentidas como tal. Fica a pergunta: Por que nós, brasileiros, ainda estamos imersos na guerra fria?

Guarda Marinha
Guarda Marinha
11 anos atrás

Srs,

Aprecio muito acompanhar o debate dos senhores sob o tema naval,mesmo sendo leigo neste assunto, mais gostaria de saber se alguns dos senhores possuem alguma indicação para consulta sobre a FNN(FORÇA NAVAL DO NORDESTE) E DNOG (DIVISÃO NAVAL EM OPERAÇÃO DE GUEERA).

Atc,
GM

Marcelo Ostra
Marcelo Ostra
11 anos atrás

A Historia Naval Brasileira – sobre a IIGM o 5o volume tomo II A, sobre a primeira GM, esqueci o numero do volume (o livro nao esta em casa, estas publicações sao SDM (na epoca SDGM), creio que facilmente encontrado em OM que enham posto de venda

Outra opção

A Marinha do Brasil na Primeira Guerra Mundial, do Almte Arthu Oscar Saldanh da Gama – Ed Capemi – RJ 1982 – 940.45981 – G184

A Marinha do Brasil na Segunda Guerra Mundial, mesmo autor e editora, RJ, 1982

Abs
Mod MO

trackback
11 anos atrás

[…] provas de mar. Dois outros SSBN da classe “Borey”, o Alexander Nevsky e o Vladimir Monomakh, estão em construção. Ao todo, a Marinha da Rússia espera contar com oito unidades desta classe até 2015. A classe […]

trackback
11 anos atrás

[…] fotos, o Yury Dolgorukiy, saindo para testes de mar. O submarino é o primeiro da classe “Borei”, que começou a ser construído em 1996, mas só este ano deve tornar-se […]

trackback
10 anos atrás

[…] ao mar em abril de 2007. A Rssia planeja integrar os ICBM Bulava com o Dolgoruky ainda em 2009. …Sevmash iniciar¡ constru§£o de quarto SSBN russo ainda este anoPor outro lado o Yury Dolgoruky, primeira unidade da classe, come§ar¡ suas provas de mar […]