quarta-feira, junho 29, 2022

Saab Naval

Pressão européia?

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.naval.com.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Está confirmada a presença do presidente da França, Nicolas Sarkozy, no Brasil durante as solenidades de 7 de setembro. O dirigente francês vai aproveitar seus encontros com o presidente Lula para fazer um relato sobre as pressões que vem recebendo do Reino Unido e da Holanda contra os termos do acordo MILITAR entre a França e o Brasil. Teme-se na Europa a transferência sem limites de tecnologia, principalmente no que se refere à construção de submarinos nucleares.

Os países europeus não admitem que a Marinha brasileira deixe de ser coadjuvante no jogo geopolítico do Atlântico Sul.

FONTE: Revista IstoÉ

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Angelo Nicolaci

isso é especulaçãoe jogada francesa pra pressionar o Brasil a favor das propostas francesas e reduzir o pacote de transferencia de tecnologia, esta na cara

FERNANDO

Será!
Olha é opiniao minha, mas acho que o Brasil deveria ter assinado com os Russos, mais respeito a opinião dos outros.

muscimol

“Os países europeus não admitem que a Marinha brasileira deixe de ser coadjuvante no jogo geopolítico do Atlântico Sul.”

nunca li sobre tal besteira aqui na europa…

mas nao tenham a menor duvida…em termos de armamento a franca nunca vos ira “dar” o de mais avancado….eles nem compartem os melhores segredos militares com o Senado frances!!1

Bronco

Concordo com o Angelo. No jogo político vale tudo, até mentir ao se arrepender de assinar determinados contratos. A lição que tiramos disso tudo é que, provavelmente, as cláusulas desse acordo militar devem ser bastante interessantes para o Brasil. Ou isso ou não estaria havendo pressão alguma. A outra possibilidade, mais remota, é o desconhecimento por parte dos outros países da Unição Européis dos contratos assinados com o Brasil e uma pressão para que a França abra a caixa preta de intenções. Ademais, Reino Unido ainda vai… agora que força política tem a Holanda dentro da União Européia comparada à… Read more »

Fábio Max

Tem dois aspectos:

1) A frança usa essas pressões, que são comuns e usuais, para forçar o Brasil a escolher o Rafale;

2) A Europa não quer mesmo que o Brasil adquira tecnologia, porque fica sem um cliente e eventualmente, ganha um concorrente de peso, o jogo é comercial também, e o Brasil serve para eles como lugar de férias e fornecedor de insumos básicos, eles não querem nada diferente disso vindo daqui.

Fred

Pessoal,

Estamos falando antes de mais nada do Submarino Nuclear. Esse será o grande fator que colocará a MB em posição muito diferente da atual no Atlantico Sul.

Não vejo motivo nenhum para o Brasil sofrer pressões de UK e Holanda!

Virtualxi

Esse tipo de pressão é natural. Afinal, imagina só que a antiga colônia portuguesa agora quer ter seu próprio submarino nuclear. Ou os antigos devedores, que hoje são credores do Obama (Obama, não Osama) possuem capacidade de construção de um submarino com propulsão nuclear, a partir do know how de outro país pertencente ao grupo. Para estas pessoas é mais ou menos como o pobre que sai do Fusca para ir para o novo Gol. Tudo bem que são duas sucatas, mas a mudança é perceptível. A França tem que se decidir e agir. E o Brasil não pode, não… Read more »

FCarvalho

Como tudo no jogo das relações internacionais, pressão é mais do que normal, e a diplomacia brasileira já está mais do que acostumada. O que nao podemos esperar do governo são atitudes politiqueiras do tipo “vamos contratar tudo agora na França, em solidariedades aos amigos Fraçois…” e “A França é um bom companheiro…” Com os atuais parametros utilizados pelo Itamarati, é melhor não piscar o olho, já que a moda atual em Brasilia é favorável ao que é françês. Se o tratado militar com a França foi realmente vantajoso para o Brasil, ainda assim, seus efeitos só serão sentidos no… Read more »

jeffbueno

Pressão com certeza existirá de qualquer lado.

O Brasil é que tem que ser firme e procurar o que melhor para si.

Se nosso País quiser se tornar influente e respeitado tem que aprender a lidar com situações desse tipo.

Até estou estranhando como nssos vizinhos na America do Sul estão se mantendo razoalvente quietos quanto aos nossos projetos militares e geopoliticos!

Sérgio

Bronco em 02 Jun, 2009 às 11:18

Ademais, Reino Unido ainda vai… agora que força política tem a Holanda dentro da União Européia comparada à outras nações como França, Itália, Reino Unido e Alemanha?

A Holanda tem GRANA, a maior parte da população é de origem judaíca. Ex.: o nome do fundador da Philips é Anton. Percebe q. não existe restrições norte-americanas a equipamentos fornecidos aos “batateiros”.

Vamos recordar a história, os portugas fizeram correr franceses e holandeses, estes ainda teêm rusgas.

marujo

Se essas pressões são reais,não sei. Mas ninguém constrói um submarino nuclear de ataque impunemente, muito menos o Brasil. Esses países tem mesmo muito o que protestar, pois vão ter a liberdade de trânsito no Atlântico Sul drasticamente reduzida. O Reino Unido, por exemplo, pode ter pela frente um submarino nuclear brasileiro,caso haja necessidade de uma ação militar nas Malvinas e o Brasil tome partido da Argentina. A própria exist

Anhelo Nicolaci

Amigo marujo, não precisa viajar tanto, o fato de termos um poder dissuassório de defesa real assusta todos os grandes atores do cenario geopolitico e estrategico mundial, ninguem quer passar a ter de dar ouvidos ao Brasil entende?
Mas um acordo também com a Russia em outros ambitos militares seria ótimo do ponto de vista politico estrategico e comercial

muscimol

“Ademais, Reino Unido ainda vai… agora que força política tem a Holanda dentro da União Européia comparada à outras nações como França, Itália, Reino Unido e Alemanha?”

sao o maior contribuidor liquido per capita do orcamento da EU.

isso da pressao e invencao …a Franca esta a fazer acordos com todos com quem pode …Marrocos, Emiratos, Singapura, etc etc …eles querem manter uma industria forte a mais forte em armamento da europa…ao contrario do UK.

AL

Pessoal, isso me preocupa, faz tempo que no Defesanet correm análises e preocupações de há países querendo a amazônia, principalmnet as terras dos últimas demarcações indígenas, e quem mais quereria isso seria, segundo o Defesanet: Inglaterra e Holanda! E quem vem fazendo pressão agora? Coincidência? Abraços.

Sopa

Meus caros invadir a Amazônia militarmente acho improvável, e outra pra que isso se as ONG´s já fizeram isso, tiveram a cara-de-pau de patentear o açaí lá fora, agora imagina o que acontece com o que o Brasil ainda não descobriu é que a Bio-Piratária já esta fabricando lá fora sem o Brasil saber que é nosso !!

ONG´s Hurrg!!! de onde vcs acham que saiu o MST, Campesina etc….???

Sds.

Almeida

Pressão mundial contra o desenvolvimento e produção, pelo Brasil ou qualquer outro país emergente, de combustível nuclear e um submarino nuclear é mais do que esperada. Aconteceu com a URSS e EUA quando construíram os seus pela primeira vez, com China, França e UK. Está acontecendo com a Índia que tenta arrendar um submarino nuclear russo. Vai acontecer com o Brasil. A grande questão e propósito dessa pressão é: até onde, realmente, nossa nação está interessada em ter este meio? Se estivermos firmes, independente da pressão externa, vamos construí-lo. Se não, a pressão é usada como desculpa para outro governo… Read more »

Fernando Gonzales

Muito oportuno este artigo. Isso só vem a confirmar o que tenho dito a muito tempo em muitos blogs dedicados a defesa. Esta claro como agua as pretenções do império Anglo-americano sobre o mundo, com estas pressões sobre a França, estão desentocando a reais intenções, que até o momento eram obscuras(para alguns). O grande objetivo do império Anglo-americano( EUA, Inglaterra, Austrália e Nova Zelândia) e seu aliado incondicional, a Holanda, é de dominar toda riqueza do subsolo dos países em desenvolvimento, com isso mantendo a supremacia sobre as novas potências que estão surgindo, Russia, China e Índia. As famigeradas ONGs,… Read more »

Robson Br

PRA FRENTE BRASIL !!!

fabiods

Depois de ver a foto da corveta caboclo já
começo a achar que qualquer coisa é lucro.

Se tem uma coisa que holandês e inglês entende é biopirataria

Marco

Não nos esqueçamos que a França tem seus interesses pertinho da nossa fronteira ao lado de duas ex-colônias holandesa e inglesa.

muscimol

“Pessoal, isso me preocupa, faz tempo que no Defesanet correm análises e preocupações de há países querendo a amazônia, principalmnet as terras dos últimas demarcações indígenas, e quem mais quereria isso seria, segundo o Defesanet: Inglaterra e Holanda! E quem vem fazendo pressão agora? Coincidência? Abraços.”

Sinceramente voces sao um pouco paranoicos e com mania da perseguicao …ja parecem os EUA que pensam que todos os paises os querem atacar.

Se a Inglaterra fizer pressao e porque eles tem medo que voces deixem escapar a tecnologia para a Argentina!!!…eles sabem que a corrupcao no Brasil da para isso!!

ARCANJO

Meus caros, A França domina tecnologia sofisticada mas a tecnologia das negociações e, nesse aspecto, está pontificando aqui no Brasil. Outros países, como Alemanha, Rússia e outros, vêm demonstrando elevados níveis de tecnologia mas baixíssimos níveis de competência em negociações, principalmente no terceiro mundo e emergentes … Essa história de pressão inglesa e holandesa por conta do submarino nuclear é conversa mole. Ingleses e holandeses sabem perfeitamente, através de seus serviços de informações que toda a negociação francesa visa dar pretexto a venderem aquele submarino que ninguém compra. Até os paralelepípedos sabem que não haverá submarino nuclear algum antes de,… Read more »

Fernando Gonzales

Olha pessoal…aqui tem um site legal….dói nos pessimistas e nos tucanistas….ehehehe

http://mais.uol.com.br/view/tv1al1qu05z1/dancing-lula-04023060D8893346?types=A&

Taer

Muito bom Fabiods! É mais ou menos por aí!
Sds

Zero Uno

muscimol em 02 Jun, 2009 às 15:02

O que vc acha das ong’s americanas, inglesas e holandesas na amazônia. São as que estão em maior número por aqui sabia? E outra: são as que mais estão sendo espulsas também e as que mais contratam e subsidiam ong’s brasileiras…

Coincidência isso?

muscimol

porque sao quem tem mais dinheiro para suportar as ONG….ha uma meia duzia de ganzados que quer um mundo sem fronteiras ….mas isso nao quer dizer que sejam uma ameaca!!….tambem ha disso no Sudao e noutros locais remotos …ha pessoas que querem proteger sistemas frageis…e a Amazonia e sistema fragil….se nao fossem muitas organizacoes dessas muitas mais especies teriam desaparecido. Da-te por contente que existem umas quantas ai …nada tem a ver com o sub nuclear fiasco que vao comprar. A inglaterra nao quer de modo nenhum que o Brasil controle o Atlantico sul e que os Argentinos beneficiem duma… Read more »

Bonifácio

Bom, vejo que há gente muito bem informada no blogue, assim, só queria adicionar umas informações extras; A Holanda, esse feudo dos Orange, é a maior financiadora do Greenpeace, organização que tem sido muito ativa em denegrir o Brasil e fomentar a pressão internacional sobre o país para limitar a sua expansão industrial, técnica e agrícola. Os Orange são os maiores acionistas do poderoso grupo Shell e tradicionais aliados dos Windsor. Estes, por sua vez, são grandes acionistas da BP e financiadores da WWF, ONG que controla largas porções de terra por todo o mundo, incluindo glebas gigantes nas Guianas.… Read more »

Alte Makarov

Eu posso até entender a pressão Britânica como medo de que o Brasil partilhe essa tecnologia com a Argentina (não precisa nem ser a nuclear, especificamente), o que daria um “edge” à ameaça militar com relação às Malvinas. Lembro do Brasil ter alguns acordos militares com os argentinos, mas alguém sabe se jamais existirá algo desse tipo?

Rodrigo

muscimol, que dor de cotovelo heim? Muita gente vai se matar de tanta inveja do subnuc brazuka.

Felipe Cps

Pessoal, nunca comento nada aqui no Naval, porque a verdade é que não entendo nada de navios. Mas uma coisa eu sei: FRANCESES NÃO SÃO CONFIÁVEIS! Quem ficar se fiando que dois pares de Scorpene vão nos permitir ter um sub-nuclear pode tirar o cavalinho da chuva… Impressionante! A Alemanha constrói submarinos desde a Primeira Guerra Mundial! Porque que nós não conseguimos construir os nossos? A Primeira Guerra foi há um SÉCULO, e mesmo assim ainda não conseguimos fazer um único submarino brasileiro que preste! São todos REFUGOS incapazes de enfrentar um único inimigo! E não me venham dizer que… Read more »

Getulio - São Paulo

Caros amigos,
Sempre tem alguém que quer embolar o meio de campo. Falam do Irã, da Venezuela e agora da Coréia do Norte. Tradicionalmente os democratas americanos sempre procuraram impedir que países como o nosso atinjam um status de potência regional.
É muita conversa de democracia aqui e ali, mas no final são mais estreitos que os republicanos. Estes últimos são mais pragmáticos com o Brasil, se deu negócio no país, estamos juntos.
Como o governo lá é democrata, podem esperar este tipo de reação. Querem envolver todo mundo na atitude da Coréia do Norte.

Getulio - São Paulo

Em tempo: O Bush aceitou vender tecnologia nuclear para a India, país que não assinou o tratado de não proliferação nuclear. Motivo pragmatismo republicano. Os democratas vão aparecer novamente com os direitos humanos (que só eles acham que respeitam), dos índios no Brasil, etc., ainda que mantenham guantanamo novamente em funcionamento.

muscimol

“muscimol, que dor de cotovelo heim? Muita gente vai se matar de tanta inveja do subnuc brazuka.”

nao sei a onde …como podes ler no forum existem outros brasileiros que partilham da mesma opiniao que eu….simplesmente eu penso no racio eficiencia/custo!!…..acho que tende para zero devido ao preco.

Roberto CR

Sopa em 02 Jun, 2009 às 13:50 ” …de onde vcs acham que saiu o MST, Campesina etc….???” O MST na surge por conseqüência das ações da Pastoral da Terra, entidade católica que atua no meio rural do Brasil. Foi quase um desmembramento da entidade, sem relação com qualquer ONG na sua criação. Arrisco até a dizer que são mais patriotas do que a maioria da classe política brasileira, mesmo que você não morra de amores pelo movimento. Aliás, eles ainda atuam em conjunto com a Pastoral da Terra, mas nos noticiários nacionais sobre invasão de terra isto mal aparece.… Read more »

muscimol

“E paranóia por paranóia, vocês tem os espanhóis a criar grandes fantasias em suas mentes também.” e verdade ….mas em relacao ao comercio … a pressao dos produtos Espanhois (mais baratos) em portugam e muito forte….mas nao dum ponto de vista estrategico ….a Espanha ja tem muitos problemas internos …qualquer coisa com Portugal levaria a total desintegracao da espanha!! sobre a desconfianca e corrupcao …isso e normal ..;e por isso que os EUA nao vendem o F22 ao Japao, Israel (Israel contou com um americano Judeu corrupto)…etc …nao confiam neles….nao tem nada a ver com colonialismo ou mentalidades desse tipo.… Read more »

Roberto CR

muscimol Estas afirmações sobre a Holanda surgem por aqui em vários meios de informação e a tempos. Se puder realizar busca nos sítios de jornais brasileiros irá encontrar. Inclusive é notícia bem antiga e os periódicos aqui referenciavam instituições norte-americanas anti-drogas quando surgiam novas “versões” de maconha, por exemplo, e mostravam o caminho de origem da droga. Apreensões de drogas realizadas pela polícia no Brasil também indicam a Holanda como centro produtor e criador de drogas sintéticas. E, no plano pessoal, tenho parentes na Holanda que confirmaram esta informação. Com referência a sua citação “… não tem nada a ver… Read more »

muscimol

“Se puder realizar busca nos sítios de jornais brasileiros irá encontrar. ” tem que concordar comigo …se a origem desses comentarios sao so os jornais brasileiros entao tenho de desconfiar …do mesmo modo que desconfiava se viessem de somente jornais Portugueses…uma fonte e sempre pouco ….especialmente quando procurei em varios jornais europeus e blogs de arams e nao encontrei nada!!…. eu tambem sou a favor de desenvolverem a tecnologia localmente ….e por isso que a Fabrica da EMBRAER e muito bem vinda para PT ….mas o custo do sub nuclear e muito elevado para o que ele da de retorno… Read more »

Bonifácio

Caro Muscimol, Não há paranóia nenhuma por aqui. Os fatos enunciados podem ser comprovados através de pesquisas em cima de bibliografia séria. Acreditar em jornais e televisões que pertencem às mesmas redes é demasiado ingênuo, assim como levar a sério a maior parte dos univérsitários, autênticas putas. Se quiseres conhecer um bocado acerca do mundo novo que se abre diante dos teus olhos e que fostes induzido a ignorar, aconselho uma pesquisa sobre a obra de Anthony Cyril Sutton. E já que és um português europeu, penso que o livro “A Verdadeira História do Clube Bilderberg” do jornalista Daniel Estulin… Read more »

muscimol

“Se quiseres conhecer um bocado acerca do mundo novo que se abre diante dos teus olhos e que fostes induzido a ignorar, aconselho uma pesquisa sobre a obra de Anthony Cyril Sutton.” ja vivi em 4 paises para alem de PT ….ja li muito sobre esse tipo de controversias ….umas mais plausiveis do que outras ….nao precisamos de ficar paranoicos..apenas com os olhos e ouvidos abertos! “descobrir quem afinal é o Sr. Pinto Balsemão”……hahhaah…o Balsemao, o Soares etc ….nos sabemos como eles foram peoes num mundo fortemente bipolar de entao. “Eu conheço bem a história recente de Portugal e te… Read more »

Roberto CR

Com referência as bibliografias, fui genérico porque é possível encontrá-las em grande número pela internet. Ao menos as edições brasileiras. Quanto a qualidade dos periódicos… falar o que? Mas vou fazer uma busca por aqui e trazer algo mais específico. As fontes, nestes casos são da Polícia Federal em sua maioria, o que não compromete a informação. Mas você me fez dois favores: 1 – “mas o custo do sub nuclear e muito elevado para o que ele da de retorno quando comparamos com um sub convencional tipo U214.” Realmente é. Manter um meio deste tipo custa muito e sempre… Read more »

Bonifácio

Muscimol, A bibliografia séria a que me refiro é citada em parte no meu comentário. Leia as obras de “Anthony Cyril Sutton” e o livro referido do jornalista Daniel Estulin. É um bom começo e dou a minha palavra de que não te arrependerás. Quanto aos acontecimentos de África serem águas passadas, não concordo. Basta verificar os investimentos da Sonangol em Portugal e quem os tem promovido. A recente “revolução” no Millenniumbcp, banco que não fazia parte do grupo insider do poder em Portugal, é só um pequeno exemplo de como as coisas estão evoluindo. Acerca dos sites interessantes na… Read more »

Bonifácio

Muscimol,

Só queria lhe enviar mais três artigos interessantes. Dois são sobre temas portugueses, o outro sobre um tema mundial;

http://www.areamilitar.net/noticias/noticias.aspx?NrNot=765
http://combustoes.blogspot.com/2009/06/luis-cabral-voltou-ser-portugues.html
http://www.midiasemmascara.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=7506:clube-de-bilionarios-se-oferece-para-frear-superpopulacao&catid=111:movimento-revolucionario&Itemid=130

Agora não escreverei mais sobre o tema para não fugir em demasia ao tópico.

muscimol

Obrigado pelos comentarios …nao vamos fugir ao tema… eu so queria a fonte da seguinte informacao “pressões que vem recebendo do Reino Unido e da Holanda contra os termos do acordo MILITAR entre a França e o Brasil. ” porque nao consigo encontrar em nenhum jornal ….so espero que isso nao seja o boato dito por alguem que ouvio de alguem de outro etc etc vamos deixar de lado os governos sombra….sempre os ouve!…..eu ca em casa tambem tenho um governo sombra….chama-se mulher!!….help! 🙂 e sabido desse tipo de clubes em todos os paises….infelizmente sao intocaveis. sobre a EU esta… Read more »

Hornet

Também fiquei intrigado com essa notícia e fui procurar algo na internet…mas não achei nada (nenhum jornal inglês ou francês sequer cogitou algo neste sentido). Isso tá com cara de mais uma notícia plantada “na” e “pela” imprensa brasileira (revistas como a “Isto é” têm uma “credibilidade”…afff!!!). Acho que nem os franceses, nem os ingleses e nem muito menos os holandeses estão sabendo disso ainda. Alguém precisa avisá-los, ou então mandar uma assinatura da “Isto é” de presente pra eles…podia ser pras embaixadas aqui no Brasil mesmo…hehehe De qualquer modo, achei esta matéria (publicada no Blog Naval mesmo), de fevereiro… Read more »

muscimol

Na europa o Brasil nao preocupa ninguem sobre as transferencias de tecnologia ….so alguns meios Britanicos devido a possiveis parcerias com a Argentina….eles nunca encerraram o capitulo das Malvinas.

essas pressões sao boatos de alguns comunistas…

O SubNuc

Roberto CR

muscimol Escrevi mensagem ontem com as referências, mas não apareceram. Devo ter esquecido de enviar. Vou pesquisar novamente e envio depois. Poderia dar mais alguma informação referente a afirmação “…eles nunca encerraram o capitulo das Malvinas”? A Argentina tem feito algumas ações contra os mandatários da época, enviando alguns à prisão inclusive, mas aparentemente eles também não encerraram o assunto por aqui. Bonifácio Sei que podemos estar de lados diferentes no espectro política, mas seria interessante alertar ao musimol o viés de sites que você indica, como o Mídia Sem Máscaras. Eu mesmo vou até o site com freqüência, mas… Read more »

muscimol

em tantos sitios….e facil de achar …por exemplo:
http://www.strategypage.com/militaryforums/567-7035.aspx

Bonifácio

Roberto CR,

Os sites que passei são todos de natureza conservadora, ainda que de diferentes tons, mas nenhum omite isso. Valeu pela advertência.

Um grande abraço.

walter

Já servi a Marinha do Brasil e como força armada, precisamos que o Brasil tenha força por si só, se não, todos já sabem das previsões, pois uma coreia do sul com seu desenvouvimento educacional e economico pode sumir do mapa com um tapa nuclear de uma nação debio e em frangalhos e hoje depender dos estados Unidos para sua defesa. Os nossos representantes devem deixar de ser estupidos quando veem olhos azuis e se comover com nossas crianças que um dia içará o escudo na proteção de nossas riquesas, se hoje perdemos para essa droga chamado crack, para qual… Read more »

Publicidade
Parceiro

Últimas Notícias

1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas fez o primeiro lançamento do ScanEagle

O 1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas realizou o primeiro lançamento do drone ScanEagle, N-8001, na tarde de ontem...
- Advertisement -