Home Noticiário Internacional Submarino RSS Archer de Singapura é batizado na Kockums

Submarino RSS Archer de Singapura é batizado na Kockums

524
5

rss-archer

rss-archer-champagneNo dia 16 de junho, foi batizado no estaleiro Kockums, em Karlskrona na Suécia, o submarino RSS Archer, o primeiro da classe para a Marinha de Singapura.

O submarino é um dos dois ex-RSwN da classe “Vaastergotland”, de 1.150t, adquiridos por Singapura em 2005. Os submarinos foram completamente modernizados e tropicalizados pela Kockums, para garantir o bom funcionamento nas operações nas águas ao redor de Singapura.

As tripulações da RSN foram treinadas durante dois anos na Suécia, para operar e manter esses submarinos. O RSS Archer passará por provas de mar depois do lançamento e espera-se que chegue a Singapura em 2010.

Propulsão AIP

vgdstirl

O RSS Archer foi equipado com um sistema de propulsão independente da atmosfera (AIP) do tipo Stirling, através da inclusão de uma seção no casco. Com o sistema AIP, o RSS Archer poderá navegar por semanas totalmente submerso, sem precisar usar o snorkel.

Além disso, o submarino é equipado com avançados sistemas de comando e controle, sonares, periscópios e torpedos.

Abaixo, o vídeo do lançamento do RSS Archer:

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vassili
Vassili
11 anos atrás

Finalmente consegui acessar os comentários!

Vassili
Vassili
11 anos atrás

Se esse sub teve uma nova seção montada para que o sistema AIP pudesse ser instalado, imagino que o peso dele subiu proporcionalmente ao aumento do tamanho.

Se ele deslocava até 1150tons antes da Modernização, suponho que agora ele desloque algo como 1500 ou 1600 tons.

abraços.

CADU
CADU
11 anos atrás

Galante.
Boa tarde, poderia me dizer se os 4 submarinos que irão ser construídos no Brasil, vão ter o melhor sistema AIP, ou vão ser unicamente convencionais.
Saudações.

Jonas Rafael
Jonas Rafael
11 anos atrás

CADU, os Scorpenes brasileiros não terão sistema AIP, porque a marinha julga ser muito caro, de difícil manutenção e não exatamente necessário. Além disso como o Braisl tem programa de desenvolver submarinos de propulsão nuclear, a necessidade do AIP fica em segundo plano.

Jonas Rafael
Jonas Rafael
11 anos atrás

O Brasil, quis dizer, acho que estou perdendo a capacidade de digitar…