Home Operações Combinadas Fragata Bosísio resgata tripulantes de Navio Mercante Turco

Fragata Bosísio resgata tripulantes de Navio Mercante Turco

436
10

F 48 - foto via operacao lacador

Ampliando informações sobre a prestação de socorro aos tripulantes do Navio Mercante Turco “DUDEN”, a Marinha do Brasil participa que a Fragata “Bosísio” resgatou, em 23 de novembro, todos os 22 sobreviventes (20 turcos e 2 do Azerbaijão) e um corpo.

A informação inicial de que se tratavam de 27 tripulantes não foi confirmada. A Fragata “Bosísio” está se dirigindo ao Porto do Rio Grande, com previsão de atracação no dia 24 às 8 horas. Não se sabe ainda as causas do incêndio no navio mercante, mas o estado de saúde dos sobreviventes é regular, com alguns apresentando pequenas escoriações.

O SALVAMAR SUL, do Comando do 5º Distrito Naval (Com5ºDN), empregou no resgate três navios, a saber, as Fragatas “Bosísio” e “Constituição”, além do Navio-Patrulha “Benevente”, todos participando da “Operação Laçador” pela Força Combinada Rio Grande.

Na tarde de 22 de novembro, a Marinha do Brasil, por meio do SALVAMAR SUL (Serviço de Salvamento e Resgate), do Comando do 5º Distrito Naval, recebeu um chamado de socorro de um navio de bandeira da Turquia, denominado Navio Mercante (NM) DUDEN, que estava com um incêndio de grandes proporções a aproximadamente 260 km (130 MN) do litoral norte gaúcho, na altura de Tramandaí. Segundo as informações recebidas, o NM DUDEN tinha a bordo 27 tripulantes. O SALVAMAR SUL, do Comando do 5º Distrito Naval (Com5ºDN), iniciou imediatamente os procedimentos de socorro, determinando que as Fragatas “Bosísio” e “Constituição”, que participavam da Operação Combinada Laçador fossem destacadas para a posição informada do Navio Mercante, a fim de participarem do atendimento aos tripulantes.

A Marinha do Brasil realizou ações de Busca e Salvamento, conhecidas internacionalmente pela sigla SAR (Search And Rescue), a qualquer pessoa, de qualquer nacionalidade, em situação de risco no mar e em águas interiores. Desde o início deste ano, o SALVAMAR SUL foi acionado 25 vezes para o salvamento de feridos ou resgate de embarcações.

FONTE / FOTO: Operação Laçador

10
Deixe um comentário

avatar
10 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
5 Comment authors
jacubaoRodrigo RautaMODaniloColt Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Colt
Visitante
Colt

Pra gente ver como os NaPa 500 estão fazendo falta.

Danilo
Visitante
Danilo

Pois é evitaria ter que destacar uma fragata para fazer o resgate.

Mais fica os parabéns pelo desempenho da marinha em agir com rapides e segurança no resgate dos tripulantes.

Sds
DANILO

Danilo
Visitante
Danilo

Verdade

MO
Membro

Não Colt, o que faz falta são navios de salvamento aptos a fazer patrulhas, isso sim ….. ou seja, armados com dois 20 mm ja seria o suficiente (antes que apareça um que queira com canhoes de 406 mm, otomats, SSN 16 e afins …)

Mod MO

Rodrigo Rauta
Visitante
Rodrigo Rauta

AHAHAHAHAHAHAHAHHA…MO, vc é demais, “canhoes de 406 mm”…ahahahahahah. Mas vc ta certo, so esqueceu os torpedos e uma plataforma para pouo de helis…..rsrsrsrsrs!!!

Abraços!!!

MO
Membro

Mas nao eh Rauta, qual a conta, se cada vez que se precisar um resgate soltarem uma F pra isso, apesar de a Bosisio ja estar la pra baixo.

deixa espaço pra vc ver se jaja não aparece um falando …..

em tempo o Duden eh um velho conhecido nosso, dos santos shiplovers

abs
Mod MO

Rodrigo Rauta
Visitante
Rodrigo Rauta

Mas eu concordo com vc MO, jaja aparece alguem flando isso. Além do que, como vc disse, isso não deveria ser funão de uma escolta….

Abraços.

Danilo
Visitante
Danilo

Eu só concordo que o navio de salvamento tenha uma pista para helicoptero afinal como transportar os feridos que necessitam de cuidados rápidos, claro que não precisa de canhões de 406 mm nem misseis SSN rsrsrsrsrs.

Sds
DANILO

MO
Membro

é Rauta, no caso, claro que foi otimização dos meios, pois ela já estava lá, mas este ano ja observamos varias situações que não foi o caso, um navio de porte, foi deslocado apenas para isso

o engraçado que o conceito AHTS ou PSV como navio de salvamentoand patrulha eh utilizado por matinhas tradicionais ou se não tradicionais, bastante participativas no campo SAr, mas aqui … nao adianta, isso nao ventila de maneira nenhuma ….

abs
mod MO

jacubao
Visitante
Member
jacubao

Eis uma bela dupla de salvamento. Fragata CONSTITUIÇÃO e fragata BOSÍSIO, as mesmas do AIR FRANCE.

“BRAVO ZULU”