Home Marinha do Brasil HMS ‘Ocean’ vai realizar operações com a Marinha do Brasil

HMS ‘Ocean’ vai realizar operações com a Marinha do Brasil

382
50

O HMS Ocean chega ao Rio de Janeiro amanhã (09.09) para participar de um exercício anfíbio com a Marinha do Brasil.

O Corpo de Fuzileiros Navais participará com o 3 º Batalhão de Infantaria, que vai se juntar ao 539 Assault Squadron dos Royal Marines, para realizar um treinamento anfíbio de três dias, período este onde haverá a troca de experiências  em operações recentes.

A Aviação Naval será representada por uma aeronave UH-14 Super Puma, do 2° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (HU-2), que permanecerá embarcada no HMS Ocean e fará o apoio aéreo durante o desembarque.

Enquanto isso, tripulantes do NDD Rio de Janeiro (G-31) também vão embarcar no HMS Ocean para acompanhar os exercícios, colaborando para estreitar os laços de cooperação entre as duas marinhas.

NOTA do EDITOR: O Poder Naval também estará embarcado no HMS Ocean e, em breve, mais uma cobertura especial sobre este exercício.

Subscribe
Notify of
guest
50 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Andre
Andre
9 anos atrás

Será que estão querendo aprender a usar esse tipo de embarcação???

RtadeuR
RtadeuR
9 anos atrás

Não engulo oferta de amizade dos majestosos.
São colonizadores por natureza.
Não engulo a parada das Malvinas.
Não confio nesses caras.
E rei meu camarada, é só um: Jesus Cristo.
Té logo.

Fernandi alves da silva
Fernandi alves da silva
9 anos atrás

Seria uma futura compra para MB.

Colt
9 anos atrás

Legal.
Nós participamos do Exercise Joint Warrior e eles operam com a MB aki nos trópicos.
Nações amigas devem treinar juntas mesmo.

Danilo
Danilo
9 anos atrás

Sei não tá mais pra teste de aquisição vaiter até um teste drive e tal !

Saudações,

Fabio ASC
Fabio ASC
9 anos atrás

Excelente notícia.

Eduardo RA
Eduardo RA
9 anos atrás

Queria saber se dos especialistas de plantão: qual a dificuldade de projetar e construir um desses?
Não vejo dificuldades intransponíveis.

roberto bozzo
roberto bozzo
9 anos atrás

ia comentar sobre a possibilidade de aquisição pela MB mas li oslinks pra “recordar” e pensei:
seria ótimo se tivessemos HOJE, pois se a RN vai disponibiliza-lo em alguns anos, é por que vai estar velhinho e precisndo de uma boooa reforma; ai pergunto, vale a pena esperar por “alguns anos”, reforma-lo por inteiro e usar por poucos anos ou comprar um novo (um mistral por exemplo) gastando mais na aquisição mas com maior vida útil ??? eu prefiro a segunda opção…

roberto bozzo
roberto bozzo
9 anos atrás

aliás, ele transporta 12 helis do tipo sea king e mais 6 lynx… não é pouco ?

General
General
9 anos atrás

Eduardo

Não sou especialista e também não vejo dificuldades intransponíveis,mas o mais difícil é convencer uma certa “turminha do bem”, à destinar verbas para construção do tal

Elizabeth
Elizabeth
9 anos atrás

Eduardo, Eu tambem não vejo dificuldades instransponiveis neste tipo de empreitada. Mas existem algumas coisas que precisamos considerar quando se opta por projetar e construir. Sobre projetar A Russia recentemente optou por um projeto frances (Classe Mistral) ao inves de um projeto proprio. Vejam que a tecnologia naval russa é muitas vezes superior a brasileira, mas mesmo assim optaram por um projeto estrangeiro. Porque? A questão esta associada primeiro a custos. São milhares de horas homem e ferramentas de engenharia para se projetar um navio deste porte. Não é apenas produzir uma planta. É produzir milhares de desenhos e detalhamento… Read more »

Marine
9 anos atrás

Nossa e o comentario ignorante de alguem la em cima e surpreendente…rsrsrs

Bem, essa operacao e uma que com certeza nao vou perder aqui no blog!

Galante,

Qual o elemento terrestre dos Royal Marines nessa operacao? Vao vir com uma companhia? O CFN utilizara todo o 3rd Batalhao?

Elizabeth,

Perfeita sua analise, assino embaixo!

Semper Fidelis!

Buenos ayres menezes
Buenos ayres menezes
9 anos atrás

Excelente momento para troca de experiências e tentar passar para os que não puderão ter o previlegio de compartilhar o momento real. BRAVO ZULU. O CAYUGA G-28 VOLTARÀ COM TODA FORÇA A VANTE ( ORHINO DA ESQUADRA BRASILEIRA )

lucio da silva moraes
lucio da silva moraes
9 anos atrás

ótima notícia e séria uma ótima compra ; é um navio maravilhoso de grande utilidade para a MB se estiver á venda não vamos peder essa opotunidade .pode ser um navio de apoio aos fuzileiros naval no Háiti ou navio Hospital ou mesmo porta ´´HE´´ ( ele não é sucata ).

Ricardo
9 anos atrás

Seria uma futura compra para MB ? ( 2 )

xerxes
9 anos atrás

bem o exercício é uma boa pra acostumar a nossa marinha a operar com esse tipo de navio, quem sabe no futuro não teremos um porta-helicópteros “Tocantins” por exemplo, gostaram do nome.
abraços

José
José
9 anos atrás

minha mãe estano rio e pedi para ela tirar foto dessa mravilha para mim!!!

obs: tenho 13 anos!!

José
José
9 anos atrás

Tomara que se futuramente esse porta helicoptero for vendido para o Brasil, esteja incluido no pacote pelo menos 12 harrier!!!

EduardoRA
EduardoRA
9 anos atrás

Elizabeth e General, grato pela atenção.

KURITA
KURITA
9 anos atrás

Oba vou passar na ponte ou na perimetral amanha para ver

Vitor
Vitor
9 anos atrás

Oportunidades como essas sao sempre bem vindas. Ate para outras nacoes conhecerem o nivel de profissionalismo de nossa força.

Andre
Andre
9 anos atrás

do jeito que está ali, com os heli’s no deck… pode deixar lá no AMRJ, do lado do Opalão… lol

Marcelo M
Marcelo M
9 anos atrás

ele ficará aberto a visitação?

Luiz Padilha
Luiz Padilha
9 anos atrás

Fecho com a Elizabeth! 🙂

Marcelo Brandão
Marcelo Brandão
9 anos atrás

Seria uma bela aquisição, temos a necessidade de um navio para apoiar a tropa de fuzileiros e é sem dúvida uma boa saída, embora não tenha doca alagável… já haviamos discutido essa aquisição quando o blog anunciou a sua futura desativação na RN… será que é “test drive”???
Um abraço a todos!

Marcelo Brandão
Marcelo Brandão
9 anos atrás

Pessoal… gostaria de fotografa-lo (prometo postar as fotos para o blog), mas como tenho certeza da chegada do navio e seu horario de entrada??? Consultei no site do porto do Rio e a sua chegada esta prevista para 13/09… será que essa é a data do retorno do exercício? Não vi de manhã o Navio atracado no Porto… sabem dizer alguma coisa???
Como posso monitorar essas entradas de navios na bahia de guanabará… o pessoal do blog pode me orientar? Grato!

Luiz Padilha
Luiz Padilha
Reply to  Marcelo Brandão
9 anos atrás

Procure no site do riopilots.

Joaca
Joaca
9 anos atrás

Para o amigo que disse que rei só um, eu pergunto:
“E os 4 do baralho?”
Rindo exacerbadamente

marujo
marujo
9 anos atrás

A primeira notícia sobre a vinda do Ocean ao Brasil foi do site chileno Enfoque Estratégico. O site informou que o navio tinha sido oferecido à Marinha do Brasil e que sua presença no país neste mês seria uma oportunidade de conhecê-lo, como ocorreu quando da compra do PA Foch. O comandante LM, no entanto, desmentiu o oferecimento no blog.
O que é sabido é que a MB e o GF tem interesse em ter uma navio deste tipo. Ficou claro na época do terremoto no Haiti este interesse e a falta que um navio dete porte nos fez.

marujo
marujo
9 anos atrás

Numa situação como a que a MB se encontra, com a operacionalidade dos NDDs sob questionamento, a saída é uma boa compa de oportunidade. Isso não significa o abandono da construção de uma unidade do tipo de projeto nacional. Mas temos que pensar sempre no que é preciso hoje para exercermos uma real capacidade de dissuação e no que será necessário para fazermos isso amanhã. Se a MB tiver garantia de que o Ocean pode operar ainda por muito tempo, não demorar para ser incorporado e se tiver um preco convidadtivo, não há porque não comprá-lo.

lucas
lucas
9 anos atrás

Seria muito bom esse navio para o brasil, tomara que eles vendam para nós.

ABULDOG74
ABULDOG74
9 anos atrás

Precisamos de um anfíbio completo , pois não teremos muitos desses para um país tão continental como o Brasil precisaria ter, e esse não possue dick de alagamento para os clanf`s e as lanchas e não se enganem com aquela rampa traseira , o Navio Matoso Maia(G-28 se não me engano) tem essa rampa e já é muito complicado em mar calmo; imaginem sobre outros mares ex: mar do estado do Maranhão, arquipélago de Abrolhos, etc.
ADSUMUS.

Darkman
Darkman
9 anos atrás

Comentários da Elizabeth são ótimos sem tirar uma linha sequer.
Mas queria saber se esse navio será comprado pelo Brasil ou vamos ter que esperar o Mistral mesmo.

Sds.

souzat19
souzat19
9 anos atrás
MVMB
MVMB
9 anos atrás

Perfeito comentario Elizabeth.

Acrescento apenas o seguite: os desenvolvimentos aeronauticos da/para a FAB foram feitos, de maneira geral, por meio do CTA e EMBRAER. A Marinha não tem nada que se assemelhe a isso. EMGEPRON? brincadeira, né?.

Quanto a aquisição, poderia ser interessante. Porém, seria mais um navio a ser escoltado. E quanto aos escoltas? A coisa atualmente anda muito feia.

abs a todos!

JOSEF SIMAS Jr.
JOSEF SIMAS Jr.
9 anos atrás

Gente,

Este navio nao esta a venda.
E’ bastante novo, foi comissionado em 1998, tem portanto 12 anos. E e’ considerado peca fundamental da Royal Navy.

JOSEF SIMAS Jr.
JOSEF SIMAS Jr.
9 anos atrás

Gente,

Este navio nao esta a venda.
E’ bastante novo, foi comissionado em 1998, tem portanto 12 anos. E e’ considerado peca fundamental da Royal Navy.

Sabre
Sabre
9 anos atrás

souzat19,video legal,dá para ver um caminhão saido por uma rampado navio ainda em alto mar, e passando para outra embarcação,então creio que os tanques anfibios não teriam dificuldades de sair!

ABULDOG74
ABULDOG74
9 anos atrás

Para Sabre:

Conheço vários operadores de Clanf`s que discordariam de você,pois imagine a cena:

Imagine uma coluna de Clanf`s flutuando em mar agitado pegando ondas de bombordo(esquerda) e boreste(direita), alem de elevação das ondas tentando alinhar com essa rampa; correndo o risco ainda da onda abaixar e o Clanf parar embaixo da rampa sob pena de até afundar………..

OBS: Os operadores de Clanf sem sombra de dúvidas são os melhores operadores de blindados do país!!!

Não é facil camarada, confie em mim.
Abraço.

Andre Luis
Andre Luis
9 anos atrás

Se ele não tem doca alagada não é a melhor opção.
Seria impossível realizar uma operação realmente anfíbia sem a “desova” dos clanf’s. Bom apenas para tampar o buraco da falta de um navio apoio para os fuzileiros, mas como alguém já disse este seria mais um a necessitar de escolta, que não possuimos.

Raptor
Raptor
9 anos atrás

Perfeito Dra. Não se estabelece uma indústria naval sem o estabelecimento de uma cultura naval forte… Por ironia, são os pés no chão (deck). Começa-se pelo básico (por ex. civil: construção amadora e desporto e os navios patrulhas no militar, como bem mencionado) para a formação de mão de obra qualificada. Se mirar apenas no horizonte da END e tirar os pés do deck, corre-se o risco de se afogar. Já olhamos e acertamos a proa para o horizonte, agora pés no chão para a execução. O elemento humano sempre foi a parte mais crítica do funcionamento de qualquer indústria,… Read more »

Leandro Requena
Leandro Requena
9 anos atrás

Como sempre a Elizabeth perfeita em suas análises…

E concordo com o JOSEF SIMAS Jr.
Eu não creio que a Royal Navy tenha colocado ele a venda.

Tomara que seja verdade, mas acho difícil…

Calheiros
Calheiros
9 anos atrás

Senhores : Desculpem o puxaçaquismo, mas quando entro pra dar umas voltinhas neste blog, vejo que não é tempo perdido sito;Quem lembra de quando esta senhora ou senhorita Elizabeth entrou pra nos visatar pela primeira vez, foi um oba oba contudo com muito respeito e eu fui um dos que desejei uma boa visita,agora vendo uma aula em comentário me emplogo com tal sapiensia, parabens menina quem dera houvesse mais Elizabeth´s visitando-nos e exortando tal conhecimento.Aos camaradas num carecem ficar de siumera rssss.

AQUINO CORREIA JAPIASSÚ FERRO
AQUINO CORREIA JAPIASSÚ FERRO
9 anos atrás

VEJAMOS: PODE SER QUE ELE ESTEJA PARA VENDER, CONTUDO O PROJETO MISTRAL DOS FRANCESES É BOM. O BRASIL PRECISA DE PARCERIAS E SERIA ÓTIMO MANTER COM OS FRANCESES E RUSSOS AO MESMO TEMPO.

Sabre
Sabre
9 anos atrás

ABULDOG74 ,vc tem razão, só fiz o comentério por que alguém no Forte disse que nos testes do Urutu ele saia do navio “mergulhava” no Mar e voltava a tona e navegava mostrando assim suas caracteristicas anfibias, imaginei o mesmo acontecendo nessa rampa do Ocean,hiiihhiihihhihi, viagem na maionese minha!Abraços

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

Vou fazer uma pergunta de jegue de quem não entende pn de navios..

Eu vejo o pessoal falando do Mistral isto, o Mistral aquilo…

Porém Deus sabe lá quand vai chegar e se vai chegar mesmo.

Até lá não valeria a aquisição de um navio destes mais simples ?

welington
welington
9 anos atrás

alguem sabe a data que o ocen vai encostar no porto do rio ?

Fabio
Fabio
9 anos atrás

Welington, aportou hoje.

Rodrigo, o Mistral chegar onde? O Brasil não comprou nenhum, só a Rússia que comprou, se não me engano, 4, sendo 2 prontos e 2 à serem fabricados na Rússia.

Se for pra comprar, tbem prefiro o Mistral, ou ainda o Cavour.

marujo
marujo
9 anos atrás

Esta é uma das poucas vezes que concordo com você, Rodrigo. Seu último comentário.