Home Noticiário Nacional Marinha realiza exercício de defesa do Porto de Aratu

Marinha realiza exercício de defesa do Porto de Aratu

127
2

No período de 3 a 5 de novembro de 2010, o Comando do 2º Distrito Naval realizará um exercício no Porto de Aratu, localizado no município de Candeias-BA. Administrado pela Companhia das Docas do Estado da Bahia (CODEBA) e especializado na movimentação de granéis, o Porto de Aratu detém inegável importância econômica para o estado da Bahia, tendo em vista que oferece suporte para o escoamento da produção e da entrada de insumos para o Pólo Petroquímico de Camaçari e para o Centro Industrial de Aratu (CIA). Dispõe de quatro terminais específicos de carga: um para produtos gasosos (TPG), outro para granéis líquidos (TGL) e dois para granéis sólidos (TGS). Possui disponibilidade para 6 navios atracados simultaneamente.

O exercício denominado Operação DEPORTEX-LE, consiste em uma simulação de crise entre dois países fictícios (Azul e Vermelho), com o propósito de adestrar as tropas da Marinha, em ações de defesa de porto. A Operação mobilizará cerca de 500 militares, pertencentes aos efetivos do Grupamento de Fuzileiros Navais de Salvador, e das tripulações de cinco navios do Grupamento de Patrulha Naval do Leste e da Força de Minagem e Varredura e três lanchas da Capitania dos Portos da Bahia.

Durante o exercício ocorrerá a ocupação do porto, sem prejuízo das suas atividades, pelas tropas de Fuzileiros Navais e será feito o controle do tráfego marítimo no interior da área marítima adjacente ao porto, pelos navios e lanchas da Marinha do Brasil. Os militares farão rigorosa revista em todos os veículos e pessoas que entrarem no porto durante o período do exercício e os navios e lanchas inspecionarão todas as embarcações que trafegarem nas proximidades, enquanto outro grupo simulará tentativas de invasão às instalações e oferecerá risco aos pontos sensíveis vitais e essenciais ao funcionamento do Porto. Haverá também uma equipe de Controle do Exercício, para avaliar o desempenho dos dois grupos, tanto do invasor quanto do defensor.

No dia 04 de novembro, será realizada uma ação cívico-social na Ilha de Maré. A entrada da imprensa na área do exercício será franqueada mediante contato prévio com a Assessoria de Comunicação Social do Comando do 2º Distrito Naval.

FONTE: Aratu Online

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
RtadeuR
RtadeuR
9 anos atrás

Valor Econômico Jobim sobe tom de críticas aos Estados Unidos Juliana Ennes O Brasil não conversará com os Estados Unidos sobre a possibilidade de criar uma “Bacia do Atlântico”, ligando o oceano sul ao norte, até que a potência passe a referendar a Convenção do Mar, da Organização das Nações Unidas (ONU), disse ontem o ministro da Defesa, Nelson Jobim. Em tom bastante crítico em relação aos EUA, Jobim afirmou que os direitos brasileiros sobre os fundos marinhos que garantem a exploração do pré-sal, dentro da margem de 350 milhas a partir do litoral, decorrem da Convenção do Mar. E,… Read more »

Ricardo
Ricardo
9 anos atrás

“…e disse que, apesar de o Brasil amar a paz, isso ‘não’ significa ‘incapacidade de defender os seus interesses’.”

Então o Brasil tem capacidade ? Me mostra =P
Não arruma briga com o Titio não em NJ!!!